6 de outubro de 2009

The Magnificent Seven

Em 1960, John Sturges levava à tela o fabuloso The Magnificent Seven, que contava no elenco com "monstros" como Elli Wallach, Charles Bronson, Steve McQueen, Yul Breiner, Robert Vaughn, Brad Dexter e James Coburn.
Na ficha do filme, entre os argumentistas, estava Akira Kurosawa.
Vinte e um anos mais tarde, no álbum Sandinista!, a banda punk britânica Clash punha as discotecas em alvoroço com uma música com o mesmo título.
Em Macau, de quatro em quatro anos, mais coisa, menos coisa, também temos os nossos sete magníficos.
São os deputados nomeados pelo Chefe do Executivo, com a particularidade de, este ano, as nomeações terem sido feitas pelo que está e pelo que aí vem.
Primeiro comentário - há pessoas com uma pontaria incrível! Como é que Ng Chan, articulista do Va Kio, acertou com os nomes todos no passado dia 24??!!
Está de ir tentar a sorte no Euromilhões, que até tem jackpot e tudo!
Como não havia um Charles Bronson, um Steve McQueen, aquela constelação disponível, teve que se deitar mão à mão-de-obra local, salvo seja.
Sim, que isto também não está de feição para a mão-de-obra importada.
Foram então reconduzidos Tsui Wai Kuan e Chui Sai Peng.
Como o "cimento" tradicionalmente domina, uma das novidades é Lau Veng Seng, entre outras coisas ligado à Associação de Construtores Civis e Empresas de Fomento Predial.
Com os dois primeiros, já ficam três para as obras, embora nenhum, que se saiba, seja pedreiro.
Depois há os homens das leis, Vong Hin Fai, mandatário da candidatura de Chui Sai On (quem diria que ia ser nomeado para alguma coisa??), e Tong Io Cheng, coordenador da licenciatura em Direito, língua veicular chinesa, na Universidade de Macau.
Estes vêem ocupar as vagas deixadas em aberto por Phillip Xavier e Sam Chan Io.
Na mesma lógica de susbstituições directas (a escola do Jesualdo já chegou à governação de Macau...), sai Lei Pui Lam e entra Ho Sio Kam, presidente da Associação de Educação de Macau, organismo a que pertencia Lei Pui Lam também.
A novidade é que é uma senhora e fica sempre bem nomear uma senhora para não haver acusações de machismo.
Finalmente, o homem da área da economia.
Sio Chi Wai de sua graça, é actualmente responsável pelo Centro de Pesquisa Estratégica para o Desenvolvimento de Macau.
Qualquer semelhança com Ieong Tou Hong e Lao Pun Lap não terá sido mera coincidência.
Larry So e Eilo Yu, nas páginas do "Ponto Final", expressam alguma desilusão pela total ausência de novidade, pela falta de representatividade do tecido social e económico da RAEM que resulta destas nomeações.
Panorama ainda mais sombrio se somado aos resultados das eleições, directas e indirectas.
Mas estavam à espera de quê meus senhores?
Vê-se mesmo que não liam a banda desenhada do Bolinha.
No clube do Bolinha não entra quem quer, só entra quem o Bolinha deixa.
Entendido?

Sem comentários:

Enviar um comentário