24 de maio de 2010

Miguel Portas no Parlamento Europeu

Vale a pena ouvir para perceber muito bem a tal da crise financeira

2 comentários:

  1. Caro Pedro Coimbra,

    Gosto de apreciar as realidades sem calor clubístico e admiro quem tem coragem para olhar o mundo com isenção segundo valores morais.

    Neste caso Miguel Portas merece muita consideração até porque condena um procedimento que o beneficia. Crítica benefícios do seu grupo que saem da normalidade dos cidadãos que suportam gastos desonestos e sem qualquer justificação socialmente lógica, feitos indivíduos eleitos para defenderem os interesses do povo.

    Um abraço
    João
    Do Miradouro

    ResponderEliminar
  2. Exactamente o que eu penso, caro João.
    Neste particular não posso concordar mais com Miguel Portas.

    ResponderEliminar