18 de janeiro de 2011

Esposa desconfiada


Apesar de viverem na abundância, as coisas não corriam bem entre o marido e sua jovem esposa.

Na verdade, ela estava convencida de que ele andava metido com a bonita empregada, Colette.

Então resolveu armar-lhe uma armadilha.

Certo dia, enviou a empregada para casa no fim de semana e não informou o marido.

Nessa noite, quando iam para a cama, o marido contou a velha história:

- "Desculpa-me minha querida ........ o meu estômago".

E desapareceu em direcção à casa de banho.

A mulher , de imediato, correu pelo corredor, subiu as escadas, e deitou-se na cama da empregada.

Mal tinha apagado as luzes, veio ele, em silêncio .......

E não perdendo tempo ou palavras, salta para a cama e faz amor com toda a fogacidade.

Quando terminaram, e ainda ofegante, a mulher disse:

- "Não esperavas encontrar- me nesta cama!"

E, de súbito, ligou a luz.

- "Não, minha senhora"- diz o jardineiro.

2 comentários:

  1. Esta está muito boa.
    Simplemente troca de flores, com um profissional na cama. O pior é se a dama gostou da mangueira do jardineiro e manda o marido à fava.
    Um abraço amigo

    ResponderEliminar
  2. Moral da história?
    Nunca se deve desconfiar do marido :)
    Abraço

    ResponderEliminar