13 de fevereiro de 2012

Tanto futebol!!

Foi um fim-de-semana cheio.
De futebol e de outras coisas que nada têm a ver com o jogo, com o desporto.
Na Liga Zon Sagres, Benfica e Porto mantêm distâncias (5 pontos), o Braga mantém o terceiro posto e o Sporting passa a discutir o quarto lugar com o Marítimo.
Em Espanha, com a derrota do Barcelona e a goleada do Real Madrid, está encontrado o campeão.
Em Inglaterra, numa jornada em que Villas-Boas e o Chelsea voltaram a perder, o City ganhou e mantém o primeiro lugar, ao passo que Suarez, Evra e Ferdinand deram um óptimo exemplo do que não pode ser o futebol.
Finalmente, na Taça das Nações Africanas, depois de 18(!!) pontapés da marca da grande penalidade, a Zâmbia conquistou o troféu.


Começando na Liga Zon Sagres, e no jogo de ontem no Estádio do Dragão, há uma pergunta que todos fazem - Vítor Pereira tem algum algum parti-pris com James?
Ou isso, ou teimosia, ou burrice.
Depois de problemas de relacionamento com Fucile, Sapunaru, Walter, Iturbe, agora parece ser a vez de James.
Há alguns anos (Europeu em Portugal), Pinto da Costa, referindo-se a Deco, enviou um recado a Scolari - "os craques não são para ficar no banco".
Será que se esqueceu de dar o mesmo recado a Vítor Pereira?
Tendo pela frente uma equipa que se preocupou apenas em defender, ainda menos se compreende a colocação de James no banco.
Só Vítor Pereira percebe tal opção.
Deve ser genial e a gente não o entende.
Só a entrada do colombiano desbloqueou o jogo e permitiu ao Porto ganhar e até golear o adversário (4-0).
Por acaso, só por acaso, James esteve em três dos quatro golos.
Isto perante um adversário que, ao contrário do que afirmara Vítor Pereira (disse que o Leiria jogava em 3/4/3) jogou mais no sistema que Jaime Pacheco costumava designar por "4/4/3, ou todos ao ataque fechadinhos lá atrás".
Valeu a vitória, a goleada, a manutenção da diferença para o Benfica (- 5 pontos) e para o Braga (+ 3 pontos).
Mas subsistem os receios e as dúvidas com aquele treinador no banco.


Quem tem um bom treinador no banco é o Braga.
Com a vitória frente ao Setúbal (3-0), os bracarenses completam uma série de 12 jogos sem derrotas e devem ter consolidado um lugar entre os três primeiros classificados.
Mais uma vez.
Com Alan, Lima e Hugo Viana em plano de destaque, este Braga é uma equipa sólida, confiante.
E muito bem dirigida.
Dentro e fora do campo.


O contrário de um Sporting perfeitamente perdido.
Mas igual a um Marítimo cada vez mais forte.
Se os leões estão completamente desastrados, a nível directivo e dentro das quatro linhas, o Marítimo vem em crescendo e já roubou o quarto lugar ao Sporting (têm os mesmos pontos mas os madeirenses têm vantagem no confronto directo).
Em Alvalade vivem-se dias conturbados.
Para Domingos, os jogadores, a equipa directiva.
E não se vêm soluções credíveis num futuro próximo.


Ambiente diametralmente oposto ao que se vive na Luz.
No dia em que o Benfica goleou o Nacional (4-1), e Jorge Jesus chegou à centésima vitória à frente da equipa, o Benfica fez mais um excelente jogo.
Debaixo do olhar atento de enviados de grandes clubes, Gaitán e Rodrigo abriram o livro e devem ter aberto as portas de saída da Luz (os dois de Manchester na linha da frente).
Este Benfica caminha seguro, confiante, com grande qualidade de jogo, com jogadores em grande forma, confiança total e ambiente próximo da euforia.


Euforia que se estende a Madrid.
O Real Madrid, de Mourinho, Ronaldo (mais um hat-trick ontem), Ricardo Carvalho, Pepe e Coentrão, é campeão.
O 4-2 de ontem, aliado a mais uma derrota do Barcelona (3-2) dão 10 pontos de vantagem aos madrilistas.
Uma vantagem que Mourinho, e os seus pupilos, não vão desperdiçar.
Mais a mais, com um Barcelona muito longe dos grandes momentos.
Nem parece a mesma equipa.


Um treinador português em grande em Espanha, outro a viver momentos complicados em Inglaterra.
Mais uma derrota do Chelsea (2-0 com o Everton), um ambiente que se torna insuportável para André Villas-Boas a cada jogo que passa.


Insuportável, e a merecer castigo exemplar, as atitudes nojentas de Luís Suarez, Evra e Ferdinand no jogo entre o United e o Liverpool (o United ganhou 2-1).


Falando de futebol, com a vitória de ontem (1-0) o City mantém a liderança.


Na final da Taça das Nações Africanas, a Zâmbia, que fez da consistência defensiva o seu trunfo, conquistou o troféu na marcação de pontapés da marca de grande penalidade.
Foram precisos 18!! para decidir a final.

9 comentários:

  1. Caro Pedro,

    cá venho eu também mandar as minhas "postas de pescada" sobre o fim de semana futebolístico e prometo ser sucinto "q.b". Ora aqui vai:

    1 - Não vi o jogo do Dragão - aliás, como é meu hábito - porque não gosto de me aborrecer à hora do jantar, no entanto, pelo que leio há que constatar um facto que é o seguinte: Vítor Pereira é...um génio do suspense, uma espécie de Hitchcock da Invicta ou então é burro ou uma mistura das duas coisas (inclino-me mais para esta última).

    2 - O Braga ganhou ao último de forma perfeitamente normal e sem contestação.

    3 - O Marítimo é, para mim, a equipa sensação deste campeonato - qual Gil Vicente, qual carapuça - e penso que a partir de agora, e com um pouco de sorte, os bichanos do Visconde vão consolidar o seu 5º lugar. Pedro, querido amigo, acredite este Zpórtem foi a pior equipa que vi actuar aqui nos Barreiros não só esta época, mas desde algumas épocas a esta parte. Uma vergonha e que tem nomes Árias, Xandão, Oniewu, Luis Duque, Godinho Lopes, Paulo Pereira Cristovão e Domingos Paciência.

    4 - O Benfica fez uma exibição de gala e, sem medo de desmentido, aos 20 minutos poderia estar a ganhar por ...4-0! Muito boa mesmo a exibição, com destaque, natural, para Gaitan, Rodrigo, Matic, Nolito, Aimar e Cardozo. Exibição a roçar a perfeição.

    5 - Em Espanha, o Real Madrid é campeão ponto final parágrafo.

    6 - Em Inglaterra, o "clone" de Mourinho afinal provou ser uma "reles imitação" de fabrico...chinês!!!:DDD

    Muito mal este Chelsea FC, mas permita-me destacar a vitória (suada) do "meu" Arsenal FC por obra e graça desse enorme jogador que se chama ... Thierry Henry, simply the best.

    7 - No que diz respeito à CAN, vi grande parte do jogo da final e, confesso, não gostei, fraquinho, fraquinho, fraquinho, olhe quase tão fraquinho como o ...Zpórtem!!! :DDDD

    Abraço, querido amigo, e boa semana para vocês!

    ResponderEliminar
  2. Há uma coisa que me impressiona no Braga ! Saiem jogadores e treinadores e a equipa não se recente !... É um autêntico formador de treinadores.
    É Jesualdo, Ferreira, é Jorge Jesus, é Domingos Paciência ! ... é o atual ... será que o Presidente é o "culpado" mor ?!
    .

    ResponderEliminar
  3. Então vamos lá às respostas, Ricardo:

    1 - O Vítor Pereira, se "leio" bem as atitudes dele, entre vários erros, está a cair num que é básico, primário - querer deixar a sua marca.
    Para isso, inventa, procura fugir ao que é óbvio.
    E dá m#$%^.

    2 - O Braga ganha com normalidade porque há ali liderança forte.
    Dentro e fora do campo.

    3 - Inteiramente de acordo no que diz respeito ao Marítimo.
    Ainda mais depois de ter perdido Baba.
    Grande trabalho do Pedro Martins.
    O Sporting é o oposto de Marítimo e Braga - desnorte completo, grandes debilidades a nível de liderança e de força mental.
    Que conduzem a uma irregularidade incrível.

    4 - Ricardo, compreendo o seu entusiasmo com o Benfica. Mas permita-me que lhe diga o que já aqui disse a uma grande benfiquista (a Catarina) - o Benfica vai perder.
    Não é imbatível, nem nada que se pareça com isso.
    E, quando a derrota acontecer, é preciso fibra para a ultrapassar.
    Euforia não é aconselhável.

    5 - Dizer o quê? O óbvio - o Mourinho vai ser campeão em Portugal, Espanha, Itália, Inglaterra.
    Fenomenal!!
    E o CR7 parece que não tem limites.Algum segredo aí na Madeira que se possa compartilhar? :))

    6 - Quando o Villas-Boas resolveu ir para o Chelsea eu escrevi aqui que ele estava a precipitar-se. E a escolher a pior equipa possível para dar um pulo tão grande. Não me enganei.
    O Arsenal mistura ali uns garotos com um velhote e a coisa, às vezes, resulta.
    Mas ainda é mais inconstante que o Sporting.

    7 - A CAN é uma competição que, realizada nesta altura da época, não faz sentido nenhum.
    Os jogadores vão jogar com receio de se magoar, a pensar nos grandes clubes onde jogam.
    E fica uma coisa sem grande interesse e sabor.

    Aquele abraço e votos de boa semana para si e família.


    Rui,
    Não há coincidências nem sorte nestas coisas.
    Há competência.
    Inegável.
    Aquele abraço e votos de boa semana

    ResponderEliminar
  4. O jogo do meu Glorioso no sábado foi fenomenal.
    Já há algum tempo que não via o meu Benfica jogar tão bem.
    E o segundo golo do Rodrigo é soberbo. Pena o meu Cardozo falhar o penalty. Neste caso não fez muita diferença, mas virá o tempo que essa falha será importante.
    Sabe que o meu filho diz que se chama D.M.S.D. Cardozo?? eheheh.
    Quando o meu Glorioso perder, cá estaremos como sempre (os verdadeiros Benfiquistas)para os apoiar.
    Beijo

    ResponderEliminar
  5. Pedro,

    não estou eufórico e sei que o SL Benfica irá perder um dia, e ai - tal como a Carlota - lá estaremos para os ajudarmos a se levantarem.

    Caro amigo,

    não cometa a heresia de comparar o Arsenal ao Zpórtem, Pedro, isso nem parece seu! :DDD

    O segredo da Madeira é...a fibra de que somos feitos para lutar contra as adversidades e os obstáculos da vida - pergunte ao nosso (comum) amigo Nuno Lima Bastos.

    Abraço e boa semana!

    ResponderEliminar
  6. O Benfica segue na liderança e nem o árbitro Jorge Sousa conseguiu impedi-lo ao assinalar um penalty que só ele viu. Também não estou eufórico. Só espero que o Benfica continue a fazer o seu trabalho e ver, já agora, se também consegue voltar a terminar o campeonato sem uma única derrota.

    O FC Porto também se mantém na corrida apesar do jogo de ontem ter ficado resolvido depois da expulsão de Schaffer, que pertence ao Benfica, e que eu sinceramente não consigo compreender, quando ainda havia 0-0 e o FC Porto estava a jogar mal.

    O Sporting está claramente na mó de baixo. Depois da alegria que foi assegurar um lugar no Jamor (o que não quer dizer que já tenha a taça ganha), nova derrota fora de portas. Vamos lá ver por quanto mais tempo o Domingos se mantém na nau leonina.

    Em Espanha, o Real só com uma hecatombe é que perde o campeonato. Mesmo que perca o jogo que falta realizar com o Barcelona, 10 pontos sempre são 10 pontos. Não tenho dúvidas que o Guardiola agora vai apostar na revalidação do título de campeão europeu.

    Em Inglaterra, os casos de racismo infelizmente vão sendo cada vez mais frequentes. Agora foi o Suarez, mas já tinha acontecido com o John Terry, que até o levou a tribunal, e depois com o Fabio Capelo, que deixou o comando da selecção inglesa. O que é que todos estes casos têm em comum? O facto de ter havido "racismo ocidental". Se os brancos fossem vítimas de racismo no Ocidente, alguém mexeria alguma palha para contrariar o politicamente correcto?

    Quanto à CAN, o único motivo de interesse foi o facto de ter sido a Zâmbia a vencê-la frente à favoritíssima selecção da Costa do Marfim. De resto, em termos gerais o futebol africano é muito fraco apesar de existirem jogadores africanos com imensa qualidade.

    Uma boa semana, amigo.

    ResponderEliminar
  7. Com jeitinho ainda vai dar cabo do James e do Iturbe. Pelo menos... Terá chegado a vez de Domingos, agora corrido do Sporting?
    Abraço

    ResponderEliminar
  8. Pedro
    Passo para deixar o meu beijinho de benfiquista e desejar uma boa semana.

    ResponderEliminar
  9. Carlota,
    Repare que o Jorge Jesus não é tonto.
    Ele põe o Cardozo a marcar penáltis quando o jogo está resolvido.
    É muito raro fugir a esta regra.
    O Cardozo não tem aquela frieza que um especialista (Ronaldo) tem.
    O puto Rodrigo, com este balanço, não fica muito tempo no Benfica.
    E lá vai o Jorge Jesus dar mais uma porrada de massa a ganhar ao Benfica.
    Repito - chamem-lhe burro!
    Bjs e boa semana, Carlota


    Eu não estou a referir-me ao Ricardo, à Carlota, ao FireHead.
    Estou a referir-me aos garotos (Gaitán, Rodrigo, ....).
    O Jorge Jesus saberá melhor que eu que tem de lhes moderar os ânimos para não virem por ali abaixo quando acontecer um resultado desfavorável.

    O Arsenal e o Sporting só podem ser comparados na inconsistência e na irregularidade, Ricardo.
    E foi nisso que os comparei, nada mais.

    Está aí um bom exemplo de um madeirense rijo, Ricardo.
    O Nuno não vira a cara.
    Por mais duro que seja o desafio ou o estalo.
    Aquele abraço e boa semana

    FireHead,
    Acredito perfeitamente num Benfica campeão sem derrotas.
    Não estou a ser simpático (para quê?), estou a ser sincero.
    Mas a derrota pode acontecer.
    E o Jorge Jesus tem que preparar os putos para essa possibilidade.

    Viu a biqueirada que ele deu no Moutinho, FireHead?
    Ele foi idiota e prejudicou a equipa.
    Sem necessidade nenhuma.

    O Domingos já foi para a rua.
    E, estou a ouvir na rádio, que há mão do Porto metida ali no meio.
    Não me surpreendia.

    O Real é campeão.
    Sem dúvidas.

    As atitudes do Suarez e do Evra são de uma baixeza inadmissível.
    Se a Federação não os castigar, que os castiguem os clubes.
    Nojice!!

    Cem por cento de acordo acerca da CAN.
    Aquele abraço e votos de boa semana

    Carlos,
    Estou a ouvir na rádio que a Lusa está a avançar a notícia que a verdadeira razão que levou à demissão do Domingos foi só uma - alguns contactos recentes com dirigentes do Porto.
    Como tal.....
    Aquele abraço

    Adélia,
    Um beijinho e votos de boa semana

    ResponderEliminar