6 de fevereiro de 2012

Já estão encontrados os semi-finalistas da Taça da Liga

A Taça da Liga, essa prova estranha e pouco interessante, já conhece os semi-finalistas da edição de 2012.
Mas, ao contrário do que se pensava, com os acertos de calendário e grupos, não são os quatro primeiros classificados da Liga Zon Sagres da época passada que estarão nas meias-finais.


O desmancha - prazeres foi o Gil Vicente, a equipa que tinha atropelado o Porto em Barcelos na passada semana.
Uma semana depois, a vítima foi um Sporting ainda aturdido com mais este soco no estômago.
Depois da primeira vitória no ano de 2012, o Sporting voltou a exibir fragilidades múltiplas.
Não só dentro do campo (a equipa não responde, não demonstra a qualidade que tão forte investimento exigiria, é instável física e psicologicamente), mas também a nível directivo.
Com tanto desnorte é complicado render mais.
Como um mal nunca vem só, o Sporting também não tem sido acompanhado pela estrelinha da sorte.
Até nos erros da arbitragem.
Que também existiram neste jogo mas que não explicam a derrota, em casa, perante o Gil Vicente.
Se a vitória na Liga Zon Sagres só matematicamente se revela possível, a Taça da Liga já ficou para trás.
Restam a Taça de Portugal e a Liga Europa.


Quem cumpriu com o esperado foi o Braga.
A presença na meia-final da Taça da Liga foi conseguida no mesmo registo e no mesmo ritmo que tem sido regra na carreira na Liga Zon Sagres.
Tranquilamente, sem forçar, com naturalidade.
E com um golaço de Hugo Viana a abrilhantar um jogo enfadonho contra o Moreirense.
Os bracarenses continuam discretos mas eficazes.
E juntam a meia-final da Taça da Liga ao terceiro lugar na Liga e à presença nos 16 avos-de-final da Liga Europa.
Com aquele investimento, o que é que se pode pedir mais?


As grandes curiosidades nos jogos deste fim-de-semana estavam guardadas para ontem.
Desde logo no Estádio do Dragão.
Vítor Pereira fez a vontade aos adeptos.
Para isso, apresentou Lucho, Janko, Danilo e Alex Sandro no onze inicial.
E apresentou, sem novidades, a dupla de centrais que vai defrontar o Leiria (Maicon e Mangala).
Lucho regressou e deu a sensação que nunca tinha saído.
Mais, que já jogava há muito tempo com Moutinho.
Grande exibição do argentino, coroada com um golaço.
Marc Janko também marcou e, acima de tudo, fez passar a ideia que o Porto passa, com ele, a ter presença na área.
Algo que faltava desde a partida de Falcao.
Isto apesar de o austríaco ser um jogador completamente diferente do colombiano e se prever que, com ele, o Porto passe a jogar um futebol mais físico e mais directo.
Com Danilo na direita (Alex Sandro ainda não chega a Álvaro Pereira), e o regresso de Hulk, não é muito complicado adivinhar o onze - base que o Porto vai apresentar no resto da época.
Meia-final apetitosa na Luz entre Porto e Benfica.
Que também têm de se defrontar no mesmo Estádio para a Liga Zon Sagres.
Esperam-se dois grandes jogos.


 Benfica que confirmou a meia-final desejada.
Num jogo que tinha Djaló como grande curiosidade e atractivo, o Benfica derrotou o Marítimo por 3-0.
Um resultado algo mentiroso porque só se verificou depois da expulsão, errada, de Pouga.
Jorge Jesus juntou os experientes Eduardo, Maxi Pereira, Capdevilla, Aimar e Saviola, aos miúdos Nélson Oliveira (mais um jogaço!!), Gáitan, Nolito, mais tarde Rodrigo.
E a mescla resultou bem.
Já Djaló, muito aplaudido, mostrou-se nervoso e algo perdido.
O que é perfeitamente natural para quem só agora chegou ao clube, envolto em polémica, e está sem ritmo.
Uma aposta pessoal (arriscada) de Jorge Jesus.
Vamos esperar para ver no que dá.
O Benfica ganhou bem, com um resultado exagerado, e espera agora o Porto no Estádio da Luz.
É destes fogachos (novos jogadores, duelos entre grandes) que se alimenta a Taça da Liga.
Porque, o resto, é pura sensaboria.


Lá por fora, e com tudo na mesma em Espanha (vitórias, ambas pela margem mínima, de Real Madrid e Barcelona), o dérbi de Londres concentrava atenções.
Sobretudo após a vitória do City.
Jogaço, polémico, intenso, com muitos golos (seis), o United a deixar o City isolado e o Chelsea a pemanecer no quarto lugar depois deste empate (3-3).
Não está nada fácil a vida para Villas-Boas (especialmente) e Alex Ferguson.
Mais a mais, quando se fala insitentemente no regresso de Mourinho e Ronaldo ao futebol inglês.

12 comentários:

  1. Querido amigo,

    cá estou eu para "mandar umas postas de pescada" sobre o fim de semana futebolístico.

    Então, eu vi os jogos desta forma:

    1 - O Real Madrid e o FC Barcelona jogam "q.b." para não se maçarem muito as "prima-donnas".

    2 - O Sporting só vi o comentário ao jogo por parte do D. Paciência e penso que aquele discurso já "não cola", aliás, penso que o treinador, dirigentes e jogadores andam todos ...perdidos!!! Querido Pedro, tal como aqui afirmei neste seu espaço ao Sporting falta-lhe aquilo que você apontou no seu comentário QUALIDADE!!!

    3 - Quanto ao FC Porto, pelo que rezam as crónicas, e quero ressalvar que não vi o jogo, parece que os "reforços" são, isso mesmo, REFORÇOS!!!

    4 - Quanto ao meu Benfica soma e segue e ontem, ao contrário do que o meu amigo referiu, poderia ter "esmagado" o Marítimo, mas quis o destino e ...Nolito que assim não fosse!!!

    5 - Em Inglaterra, o Chelsea foi "roubado" vergonhosamente em casa. Pedro, como é possível assinalar aquele 2º penálti? Não é só aqui que existem colinhos!!!

    6 - O destaque do fim de semana, para mim, como "gunner" vai para os 7-1 que o Arsenal brindou o Rovers.

    Pedro, aquele abraço e boa semana!

    ResponderEliminar
  2. nice league!!
    great blog!!! following you now.. hope you could visit my blog too.. kisses!!!

    ResponderEliminar
  3. Ricardo,
    Então vamos lá ao balanço:

    1 - Real e Barcelona vão entrar (já estão) em gestão de esforços. É natural.

    2 - O Sporting está perdido. Mesmo fora do campo. Barulho por causa do Djaló? Godinho Lopes disse, e repetiu várias vezes, que já não era jogador do Sporting.O que é que quer agora? Estas coisas destabilizam.....

    3 -O Porto vai ter uma forma de jogar diferente. Isso é certo.E vai dar tempo as miúdos para crescer sem pressão. Mais não seja, valeu pelo golaço do Lucho. De bandeira!!

    4 - O Benfica ficou com a tarefa facilitada após a expulsão, Ricardo. O Marítimo, até aí, estava a dar boa réplica. Mas dá-me a sensação que os jogadores do Marítimo estão esprimidos até ao tutano. É assim?

    5 - O duelo de Manchester é que está a animar o campeonato inglês, Ricardo. Uma derrota do United, ontem, podia ser o fim desse duelo e do próprio campeonato.

    6 - O problema do Arsenal é ser tão inconstante. Porque, quando engatam......

    Aquele abraço e boa semana!!

    dina,
    I'm going to visit your blog and let you know what I think :)
    Kisses

    ResponderEliminar
  4. PEDRO
    e...o Benfica continua a ganhar...isso é que interessa!!!

    Pedro, mais uma vez, convido-o a visitar o meu mais recente blog:
    Os meus pensamentos
    onde decidi divulgar poesias e textos de pessoas que vou descobrindo e que gosto, juntamente com uma foto minha a ilustrar.
    Faço questão que todas as fotos sejam de minha autoria.
    Na última semana descobri LYA LUFT e adorei.

    Boa semana.
    Um abraço.

    Lembro-me de ti
    Nesse instante absoluto,
    A vida conduzida por um fio de música.
    Intenso e delicado, ele vai-nos fechando num casulo
    Onde tudo será permitido.

    Se é só isso que podemos ter,
    Que seja forte. Que seja único.
    Tão íntimo quanto ouvirmos a mesma melodia,
    Tendo o mesmo - esplêndido - pensamento.
    Lya Luft

    ResponderEliminar
  5. Pouco interessante? Pelo menos é melhor e tem mais prestígio que uma supertaça Cândido de Oliveira. :)

    ResponderEliminar
  6. Dois comentários.
    1 - Que Lucho terem um jogador assim. Cada vez melhor, jogador, claro!!
    2 - O meu Benfica está imparável!!
    Beijo

    ResponderEliminar
  7. Caro Pedro o que é isso de resultados algo exagerados? Por favor nao entre no vocabulário futebolês de certos (quase todos) comentadores da "treta". Os resultados são sempre certos. Afinal a bola não entrou entre os postes? Os golos não são o objectivo final ?

    Sempre considerando.

    Pj

    ResponderEliminar
  8. Tulipa,
    Fica prometida a visita.
    E parabéns pelo Benfica.
    Sem mais, é, neste momento, a melhor equipa portuguesa.

    FireHead,
    Olhe que entre uma e outra.....
    Não era disto que eu estava à espera quando foi criada a Taça da Liga.
    Se fosse para o que se dizia ser (lançar novos jogadores, garotada) tinha aqui um defensor acérrimo.
    Para isto....

    Carlota,
    Lucho é, sempre foi, um jogador elegante, inteligente.
    E capaz de obras de arte como a de ontem.
    Vai ter pernas para o que resta da época?
    Não sei, só vendo.
    O Benfica, efectivamente, está imparável.
    Mas também vai perder, Carlota.
    E é preciso estar preparado para isso.
    Beijo

    Pj,
    Percebeu o que eu queria dizer, não percebeu?
    O resultado de 3-0 dá a ideia de um jogo bastante desiquilibrado.
    Que só o foi depois da expulsão do jogador do Marítimo.
    Até aí, sobretudo na primeira parte, foi bastante dividido e aberto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pedro, eu percebi e aceito a objectividade da análise. Só não aceito ( defeito meu) dizerem: O resultado foi exagerado. Nunca é. Uma equipa até pode nem ter nota "artística" pode até só, jogar em contra-ataque. Mas se for eficaz ( mesmo que só tenha feito três jogadas de ataque e marcar, atingiu o objectivo supremo. Por isso considero que o exagero está do lado de quem não aceita a verdade dos factos. Os Golos.

      Saudações.

      Pj

      Eliminar
  9. Minina não discute politica! Ó desculpe se me enganei...futebol, mas deixo o meu beijinho benfiquista.

    ResponderEliminar
  10. Beijinho, Adélia.
    E Bibó Puorto, carago!! :)))

    ResponderEliminar
  11. Pj,
    Percebo e aceito o seu raciocínio.
    É um facto - jogar muito bonito, fazer uns floreados, mas não chegar a resultados é ......o Sporting do Peseiro.
    Que ficou na memória pelos piores motivos.

    ResponderEliminar