7 de julho de 2010

À terceira será de vez?

A selecção holandesa confirmou a aguardada presença na final do Mundial da África do Sul ao derrotar a selecção do Uruguai por 3-2 na meia-final.
Depois de 1974, na Alemanha, e 1978, na Argentina, os holandeses chegam pela terceira vez à final de um Mundial.
Desta vez já têm uma certeza - não vão defrontar a equipa da casa na final.
A Laranja Mecânica dos anos 70 tem já uma digna sucessora.
Demorou 32 anos, mas Bert van Marwijk  conseguiu fazer reviver o espírito e a emoção das equipas que tinham Cruyff, Resenbrinck, Neeskens, Van der Kerkhoff, Haan.
Esta selecção holandesa tem o mesmo estilo de futebol alegre, rendilhado, servido por jogadores de grande qualidade técnica, que gostam de ter a bola, que a trabalham muito bem quando a têm.
Uma selecção que tem vários jogadores de grande nível,  de um nível semelhante, e dois claramente fantásticos - Sneijder e Robben.
No jogo de ontem, os holandeses abriram o marcador com um golão de Giovanni van Bronckhorst aos 18 minutos.
Depois, algo que começa a ser típico desta equipa também, desconcentraram-se um pouco e permitiram o crescimento dos uruguaios.
Os holandeses têm uma tendência endémica para se deslumbrarem com o jogo, algo que pode ser terrível contra equipas como a Alemanha.
Ou mesmo a Espanha.
O crescimento do Uruguai, a par da desconcentração e descontracção dos holandeses, resultou no empate, obtido pelo terrível Forlán a quatro minutos do intervalo, num lance em que Maarten Stekelenburg, guarda-redes holandês, não fica muito bem na fotografia.
Na segunda parte, para azar dos uruguaios, acordaram os génios.
Sneijder marcou aos 70 minutos, num golo que deixa algumas dúvidas relativamente à posição de Van Persie.
Robben "matou o jogo" três minutos depois, de cabeça!!, a passe de Kuyt.
Até final, os bravos uruguaios ainda conseguiram reduzir a desvantagem com um golo de Maxi Pereira já no período de descontos.
Os holandeses ficam agora à espera de Alemanha (reedição da final de 1974) ou Espanha (final de todo inédita) para se ficar a saber qual a equipa europeia que ganhará este Mundial.
A primeira vez que uma equipa europeia ganha um Mundial fora do continente europeu.
Os uruguaios, depois de um excelente Mundial, ficam também à espera.
Estes para saberem com quem irão disputar o 3º lugar.

Sem comentários:

Enviar um comentário