A cor do horto gráfico (já aprovado pela nova Ministra do saber)

Última actualização do dicionário de língua portuguesa - novas entradas:

Testículo: Texto pequeno (text-ículo)

Abismado: Sujeito que caiu de um abismo (abism-ado)

Pressupor: Colocar preço em alguma coisa (preço-pôr)

Biscoito: Fazer sexo duas vezes (bis-coito)

Coitado: Pessoa vítima de coito (coit-ado)

Padrão: Padre muito alto (padr-ão)

Estouro: Boi que sofreu operação de mudança de sexo (ex-touro)

Democracia: Sistema de governo do inferno (demo-cracia)

Barracão: Proíbe a entrada de caninos (barra-cão)

Homossexual: Sabão em pó para lavar as partes íntimas (omo-sexual)

Ministério: Aparelho de som de dimensões muito reduzidas (mini-estéreo)

Detergente: Acto de prender seres humanos (deter-gente)

Eficiência: Estudo das propriedades da letra F (F-ciência)

Conversão: Conversa prolongada (convers-ão)

Halogéneo: Forma de cumprimentar pessoas muito inteligentes (alô-génio)

Expedidor: Mendigo que mudou de classe social (ex-pedidor)

Luz solar: Sapato que emite luz por baixo

Cleptomaníaco: Mania por Eric Clapton

Tripulante: Especialista em salto triplo

Contribuir: Ir para algum lugar com vários índios (com-tribo-ir)

Aspirado: Carta de baralho completamente maluca (Ás-pirado)

Assaltante: Um 'A' que salta (A-saltante)

Determine: Prender a namorada do Mickey Mouse (deter-Minie)

Vidente: Aquilo que o dentista diz ao paciente (vi-dente)

Barbicha: Bar frequentado por gays (bar-bicha)

Ortográfico: Horta feita com letras (orto-gráfico)

Destilado: do lado contrário a esse (deste-lado)

Pornográfico: O mesmo que colocar no desenho (pôr-no-gráfico)

Coordenada: Que não tem cor (cor-de-nada)

Presidiário: Aquele que é preso diariamente (preso-diário)

Ratificar: Tornar-se um rato (rato-ficar)

Violentamente: Viu com lentidão (viu-lentamente)

Comentários

  1. Estimado Amigo,
    Hoje já aprendi algo de novo, lindo este novo vocabulário, através da Praça da Alegria tive conhecimento que foram lançados dois dicionários de calão, um do Porto e outro do Alentejo, e como eu sou alentejano, sabendo falar várias línguas, não sou um poliglota, mas sim Polibolota.
    Um abraço amigo

    ResponderEliminar
  2. Estamos sempre a aprender caro amigo Cambeta.
    Um abraço

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares