26 de outubro de 2012

Cinquenta anos de casado


Dois alentejanos encontram-se na rua. 
- Atão compadre, que cara é essa? 
- Ah Zé, tou aqui que na sei! Hoje faço cinquenta anos de casado!... 
- Eh Maneli, parabéns, e atão o que vais dar a tua Maria? 
- Olha, quando fizemos vinte e cinco anos levei-a a Lisboa... 
- Grande ideia... 
- Agora na sei se a vá buscari. 

16 comentários:

  1. Ahahahahah! Melhor é deixá-la lá ficar para sempre! :) Assim o casamento poderá durar mais uns 25 anos! Quem sabe?
    Aquele abraço

    ResponderEliminar
  2. Luciano, Pelo vistos, assim até está a dar resultado.
    Retomando a máxima que ensina que em equipa que ganha não se mexe.... :)))
    Aquele abraço!!

    ResponderEliminar
  3. Txi...
    Eu conheço pessoalmente um senhor (já foi meu vizinho) que foi às compras com a esposa a 90Km de casa. Veio embora e quando chegou a casa estranhou não encontrar a mulher em lado nenhum. Só depois se lembrou que a tinha deixado nas compras!
    (true story)

    (^^)

    ResponderEliminar
  4. Se vivesse em Coimbra, eu dizia-lhe que sei quem é.

    O mesmo que entrou em casa da vizinha, descalçou os sapatos, desapertou a gravata e, perante o espanto da vizinha, respondeu - "ponha-se à vontade dona.....A minha mulher e o meu filho devem estar a chegar.
    Nem sei porque é que ainda não estão em casa!" :)))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ahahahaha
      Não, não é de Coimbra.
      Esse senhor também deve ter histórias interessantes!

      (^^)

      Eliminar
  5. Uma colecção, Afrodite, uma colecção!! :)))

    ResponderEliminar
  6. Estimado Amigo Pedro Coimbra,
    Eu igualmete sou alentejano e deixei a minha maria em Lisboa em 1964 mas nem nunca a mais a fui buscar como nunca mais soube dela rsrsrs.
    E está chegando aos 50 anos, os alentejanos são assim já.
    Abraço amigo, votos de óptimo fim de semana.

    ResponderEliminar
  7. Pedro pá!

    Está mal! Desatei à gargalhada e a vizinhança veio bater-me à porta a perguntar o que se passava.

    :)

    ResponderEliminar
  8. O caso da Afrodite não será único ! :)))
    Tive um cunhado que andava de moto e foi passear com a mulher.
    A certa altura do passeio reparou que não estava ninguém no acento de trás ! eheheh
    .

    ResponderEliminar
  9. Acho que já está na hora de a ir buscar. :)

    ResponderEliminar
  10. Fatyly,
    Parece-me que vai sendo tempo de a ir buscar, não e? :)))


    Amigo Cambeta,
    No seu caso há a sedução do Oriente.
    Convenhamos que irresistível!
    Aquele abraço e votos de bfds

    Rui,
    O tipo que eu refiro era Professor universitário.
    Tinha tanto de génio como de louco e estouvado.
    De morrer a rir.


    FireHead,
    Estou tentado a concordar.... :))))

    ResponderEliminar
  11. António,
    Quem resiste a um compadre destes? :)))

    ResponderEliminar
  12. Deliciosa. Os alentejanos sabem contá-las de uma forma fantástica. Adoro os alentejanos pois sabem fazer humor e rir.
    Beijinho e bom fim de semana!:)

    ResponderEliminar
  13. ana,
    Adivinhe quem e que manda a maior parte das anedotas de alentejanos que aqui publico?
    Adivinhou!!
    Amigalhaços alentejanos.
    Beijinho e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  14. Talvez vá sendo tempo, Catarina.
    Mas nada de pressas :)))

    ResponderEliminar