11 de novembro de 2011

Péssimo


Um sujeito encontra um amigo que não via há muito tempo e, querendo ser simpático, inicia a conversa:

- Então, como estás Paulinho?

- Péssimo..., responde o outro.

- O quê? péssimo? Com aquele Ferrari que tu tens?

- Ficou destruído num acidente... e o pior é que o seguro tinha acabado de vencer...

- Bem, vão-se os anéis, mas ficam os dedos. E o teu filho, esse puto tão inteligente?

- Conduzia o Ferrari... Morreu...

O sujeito tenta fugir daquele assunto tão trágico:

- E tua filha linda que mais parece um modelo?

- Morreu... Estava junto com o irmão... Só a minha mulher é que não estava no carro...

- Graças a Deus! Como está ela?

- Fugiu com o meu sócio...

- Bem... Pelo menos a empresa ficou só para ti...

- Ela fugiu com ele porque me roubaram tudo. Deixaram a firma falida! Totalmente falida... Estou a dever milhões!

- Porra! É melhor mudarmos de assunto. E o teu clube?

- Sempre fui sportinguista/benfiquista/portista (escolham,sff)!

- F*****, oh Paulinho! Não tens nada positivo?????

- Tenho. H I V...


Tenham um grande fim-de-semana!!!!!

17 comentários:

  1. Estimado Amigo Pedro Coimbra,
    Porra é mesmo para dizer F.... a p... da vida.
    Abraço amigo

    ResponderEliminar
  2. PQP!
    é a única coisa que eu pensei em dizer.
    abs

    ResponderEliminar
  3. Amigo Cambeta.
    P....de vida ainda é pouco!! :))

    CEM PALAVRAS
    E está tudo dito!!! :))

    ResponderEliminar
  4. Caro Pedro Coimbra
    Como diz o nosso povo "um azar nunca vem só".
    Chiça!
    Depois de ler uma estória tão trágica, dei comigo a rir. De facto somos assim. Rimos do mal dos outros, como se já fosse um desporto nacional.
    Abraço e BFS

    ResponderEliminar
  5. Como isto é uma anedota, é mesomo para rir, Rodrigo.
    Aquele abraço e bfds

    ResponderEliminar
  6. Estes textos são bons para lermos naqueles dias em que pensamos "a minha vida é uma m.r..!

    ResponderEliminar
  7. Há vidas de m****!!
    Bom fim de semana.
    Beijo

    Carlota Pires Dacosta

    ResponderEliminar
  8. Catarina e Carlota,
    É só uma anedota.
    Assim uma espécie de cúmulo do azar
    Bjs às duas

    ResponderEliminar
  9. Neste caso vem com muita companhia, Carlos :))

    ResponderEliminar
  10. Quando lemos estas situações temos que ficar com um largo sorriso pois ainda somos uns afortunados.

    A minha sorte é que sou super-hiper-positiva.

    (mas é melhor não me falarem em políticos, tá?)

    ResponderEliminar
  11. Caro confrade Pedro Coimbra!
    Lembrei de um desenho animado que assistia na televisão no meu tempo de infante, o da hiena que estava sempre depressiva e dizia:
    Ó dia, ó céus, ó vida, ó ano, ó dor...
    Caloroso abraço! Saudações otimistas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderEliminar
  12. Tite,
    Essa é a atitude!!
    (Mas que não nos aconteça nada de semelhante a isto - abrenúncio, saramago, pé-de-cabra, meia-noite, cemitério!!!)

    FireHead
    Corrosivo :)))

    EMATEJOCA
    Em chinês seria 14, 14, 14. Ou 24, 24, 24

    Catarina,
    Eu estava a pensar mais numa palavra acabada em "-se"

    ResponderEliminar
  13. Caro Prof. João Paulo Oliveira,
    Então eu não respondia ao seu comentário??
    E nào se lembra do calimero?
    It's an injustice, it is!!
    Também dá :)))
    Um abraço

    ResponderEliminar