28 de abril de 2011

Teorema de Pitágoras


Pitágoras estava com um problema que não conseguia resolver.
Não parava mais em casa.
A mulher dele, Nusa, aproveitava-se da situação e transava com os 4 cadetes do quartel ao lado.

Um dia, Pitágoras, cansado, voltou mais cedo para casa, pegou Nusa no flagra e matou os 5 que faziam uma orgia.

Na hora de enterrar os safados, em consideração à esposa, dividiu o cemitério ao meio, em 2 quadrados iguais.
Num deles enterrou a mulher.

Depois dividiu em 4 partes iguais o outro lado e enterrou cada cadete num desses quadrados menores.

Subiu na montanha ao lado do cemitério para meditar e, olhando de cima para o cemitério, achou a solução do seu problema.

Era óbvio: o quadrado da puta Nusa é igual à soma dos quadrados dos cadetes.

4 comentários:

  1. Sensacional!
    kkkkkk
    Um grande bj querido amigo

    ResponderEliminar
  2. Já que Pitágoras, nada queria com a Musa, aliás Nusa, teve esse tremendo Teorena, mas como diz o poeta, valeu a pena!...

    Teorema é uma afirmação que pode ser demonstrada verdadeira por aceitar operações e argumentos matemáticos. Na maioria dos casos, o teorema é uma junção de alguns princípios gerais, fazendo o novo teorema parte de uma grande teoria. Prova é o processo de mostrar que um teorema está correto.
    Abraço amigo

    ResponderEliminar
  3. Gisa,
    Os anos que nós andámos a estudar Matemática para aprender algo tão simples, não é?
    Um bj para si também

    Amigo Cambeta,
    O Pitágoras, coitadinho, ficou tão afectado que desenvolveu um teorema.
    Muitos anos depois, no Brasil, alguém cantou:
    "E é assim que o meu povo diz,
    Eu sou cornudo, mas eu sou feliz"
    Estaria a referir-se ao Pitágoras??? :)))

    ResponderEliminar
  4. Esta explicação do teorema de Pitágoras é uma bomba!!!

    ResponderEliminar