17 de outubro de 2011

O karaoke do Sr. Warren Mok


Está a decorrer o Festival Internacional de Música de Macau (FIMM).
Como vem sendo hábito há já muitos anos (nem sei exactamente quantos), o responsável pela programação do FIMM é o Sr. Warren Mok.
Que transformou o FIMM numa espécie de karaoke lá de casa.
Com algumas diferenças.
Confusos?
Passo a explicar.
Quando a gente compra uma máquina de karaoke lá para casa, convidamos para cantar as pessoas que queremos.
E cantamos também.
Exactamente o que faz o Sr. Warren Mok no FIMM.
Convida quem quer.
E canta.
Sempre!!
Onde é que já se viu o dono do karaoke não cantar, não é?!
Até aqui tudo são semelhanças.
Agora vêm as diferenças.
Quando a gente convida alguém para cantar karoke lá em casa somos nós que pagamos a electricidade, "os comes e bebes".
Já o Sr. Warren Mok não paga nada.
Pelo contrário, pagam-lhe a ele.
E bem!!
E eu só quero fazer uma pergunta muito simples e directa, a pedir uma resposta também muito simples e directa - Porquê??!!

5 comentários:

  1. Estimado Amigo Pedro Coimbra,
    Desde que o Festival Internacional de Música de Macau,começou no ano de 1987, com sua primeira edição, cujo responsável era Adrião Jordão, nunca assiti a espectáculo algum.
    Existiram sempre polémicas nesses espectáculos.
    Um abraço amigo

    ResponderEliminar
  2. Catarina,
    Aqui há gato escondido com o rabo de fora.
    O sujeito é um tenor de Hong Kong.
    Que, de repente, começou a ser o responsável pela programação do FIMM.
    Até hoje.
    Não há mais ninguém?
    Ele é genial? (Não parece...)
    E porque é que tem que aparecer a cantar TODOS os anos?
    Estranho, não é?

    Amigo Cambeta,
    Foi o Adriano Jordão, foi o Veiga Jardim, o João Pereira Bastos.
    É verdade que sempre houve polémica.
    Mas eu procuro ser espectador.
    Só não consigo perceber o exclusivo deste tipo.
    E gostava que me explicassem.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  3. Isso não é um Karaoke... é um concerto, certo?

    ResponderEliminar
  4. Catarina,
    É um Festival - Festival Internacional de Música de Macau.
    Ele é o responsável pela programação.
    Mas faz o que quer e lhe apetece.
    Por isso é que eu digo que parece o karake lá de casa :))

    ResponderEliminar