7 de outubro de 2011

Curiosos paradoxos (último)


PARADOXO DO PRAZER

"Sofremos demasiado por causa do pouco que nos falta e alegramo-nos pouco com o muito que temos."

(Shakespeare)

7 comentários:

  1. Estimado Amigo Pedro Coimbra,
    É bem verdade, mas o mundo anda de tal forma, que milhões de pessoas sofrem por nada terem enquanto outros nem sabe o que tem.
    Abraço amigo
    ps - as enchentes cá pelo reino coiñtinuam a causar elavdos estragos, tendo as autoestradas para o norte sido cortadas ao trânsito.

    ResponderEliminar
  2. Tenho acompanhado as notícias.
    Quando a Natureza se enfurece.....
    Um abraço e o desejo de que tudo corra bem pela Terra dos Sorrisos

    ResponderEliminar
  3. Mais uma grande verdade, assim como as coisas más ficam mais tempo na nossa memória do que as coisas boas... Porque será? Não faz sentido!*

    ResponderEliminar
  4. Este era o último de todos, Catarina.
    Excelente, por sinal

    ResponderEliminar
  5. Adorei este paradoxo, é tão verdadeiro e não nos faz mudar de opinião. A constante insatisfação do homem!

    Bjs e parabéns por esta rubrica!:)

    ResponderEliminar
  6. Também achei este um dos melhores, ana.
    E tão real!!
    Bjs

    ResponderEliminar
  7. A nossa eterna insatisfação. Há que reconsiderar esta forma negativa de pensar e gozar tudo aquilo que podemos usufruir

    Continuo a não receber os comentários que aqui (e noutros blogues) faço nem os dos outros comentadores. Que situação chata! E não sei como solucionar o problema!

    ResponderEliminar