18 de janeiro de 2018

Intemporais (102)

10 comentários:

  1. Verdadeiramente intemporal, Pedro.

    Dolores O´Riordan partiu cedo de mais, sem aviso prévio, sem tempo para um adeus...mas isso não existe, senti e continuo a sentir na pele esse facto!

    Aquele abraço, meu caro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O seu sogro, não é, Ricardo?
      Outra coisa que temos em comum - os genros não se dão bem com os sogros (o meu pai acho que se deu melhor com o sogro do que com o próprio pai)?
      Se calhar somos excepção.
      Aquele abraço

      Eliminar
  2. Um conjunto cujos temas gosto muito de ouvir.
    Infelizmente a vocalista deixou-nos esta semana com apenas 46 anos :(

    Beijos Pedro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Daí ter aberto esta excepção, Manu.
      Normalmente nesta rubrica passam versões.
      Hoje é Dolores O'Riordan e The Cranberries unplugged.
      Beijos

      Eliminar
  3. Com uma simples homenagem a Dolores O'Riordan :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Neste tema a exibir perfeitamente a versatilidade da sua voz, António :(

      Eliminar
  4. Uma bonita forma de homenagear quem tão cedo e há tão poucos dias, partiu. De livre e espontânea vontade?...Que importa?

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não importa nada, Janita.
      O que importa é que se perdeu mais um grande talento :(
      Beijinhos

      Eliminar
  5. Não sou grande fã deles, mas lamento a morte dela, jovem demais :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. sempre gostei de ouvir The Cranberries, Mena Almeida.
      E lamento muito a morte de Dolores O'Riordan :(

      Eliminar