11 de maio de 2018

Evolução do ensino em Portugal


A revolução trouxe um melhoramento notório das condições de vida.
Em todos os domínios. 
Veja-se o exemplo da Educação: alguns exercícios (antes chamavam-se "problemas") de exames da 4ª classe, agora 4º ano do ensino básico.

ENSINO FASCISTA - 1965
Um agricultor da Malveira vendeu um saco de batatas por 100$00.
As suas despesas de produção foram iguais a 4/5 do preço de venda.
Qual foi o seu lucro?

ENSINO DEMOCRÁTICO - 1975
Um trabalhador camponês vendeu um saco de batatas por 100$00.
As suas despesas de produção foram iguais a 4/5 do preço de venda, ou seja, foram de 80$00. 
Ficou assim com 20$00.
Qual foi o seu lucro?

ENSINO MODERNO - ANOS 80

Um camponês troca um conjunto B de batatas por um conjunto M de moedas. 
O cardinal do conjunto M é de 100 e cada elemento de M vale 1$00. 
Desenha o diagrama de Venn do conjunto M com 100 pontos que representam os elementos desse conjunto.
O conjunto C dos custos de produção tem menos 20 elementos do que o conjunto M. 
Representa C como sub-conjunto de M e escreve a vermelho o cardinal 20 do conjunto L do lucro.

ENSINO RENOVADO - ANOS 90

Um agricultor vendeu um quilo de batatas por 100$00.
Os custos de produção elevam-se a 95$00 e o lucro é de 5$00.
Trabalho a realizar: 
Sublinha a palavra “batatas” e discute-a com os teus colegas.

ENSINO ACTUALIZADO - ANOS 2000

Um campunês reçebeu um çubssídio de 50.000 Euros pra purdusir bué de çacos de batatas os qual vendeo por 50 euros kadaum e gastou nenhums euros dele. 
Aneliza o testo do iserssício, convert 1 Euro em Escudos e em ceguida dis o que penças desta maneira de henriquesser.

ENSINO DO FUTURO

Um industrial Agricola go to buy 10 Trucks de Tubérculos de Batata no site www.vegeta.come.pt. 
A cotação do vegetal em bolsa sofre um “Bull” e o industrial obtém um profit de 100 K eurodólars.
Define, através de texto formatado em Unicode, ou html, o plano estratégico de enriquecimento para a produção off-shore desses vegetais sem recurso a subsídios e “loose-funding”.


BOM FIM-DE-SEMANA!

71 comentários:

  1. Ahahah

    Adorei ler sobre esta evolução!

    Bom fim de semana, Pedro!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já com uma projecção do futuro e tudo, Catarina :)))

      Eliminar
  2. No futuro, mete-se os problemas no computador e eles dão a resposta.
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda é mais fácil, Elvira Carvalho :)))
      Um abraço, bfds

      Eliminar
  3. Bom dia. Passando e elogiando mais uma publicação fantástica.
    Simplesmente magistral a evolução do saco de batatas, lool

    * Amar-te na periferia do Contratempo *
    .
    Cumprimentos Poéticos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma das muitas que o João Menéres me enviou, Gil António.
      E que tenho todo o gosto de partilhar aqui convosco.
      Aquele abraço, bfds

      Eliminar
  4. Mas que grande evolução! O autor foi inteligente mas esqueceu-se que os políticos não precisam aprender matemática para terem lucros de milhões nos sacos de batatas.

    Bom fim de semana amigo Pedro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso é uma classe à parte, António Querido.
      Que go$ta de outra$ batata$ :)))
      Aquele abraço, bfds

      Eliminar
  5. Respostas
    1. Uma mudança total de paradigma, Francisco.
      Aquele abraço, bfds

      Eliminar
  6. Duvido muito desta "evolução".
    Bom fim-de-semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há quem lhe evolução, Magui.
      Fica ao critério de cada um.
      Bfds

      Eliminar
  7. Uma caricatura bem divertida.
    Que até terá um fundo de verdade... com a inteligência artificial nem precisamos de saber nada de nada...
    Bom fim de semana, caro Pedro.
    Um abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quase todas as caricaturas têm um fundo de verdade, Jaime Portela.
      Assim é que têm piada.
      Aquele abraço, bfds

      Eliminar
  8. Adorei esta evolução :) :)

    Agora percebo porque nunca gostei de matemática, parece que previ que era muita areia para a minha camioneta. :)

    Bom fim de semana

    Beijos Pedro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também nunca foi muito a minha praia, Manu.
      Até era bom aluno no Colégio.
      Mas não era realmente a minha praia.
      Beijos, bfds

      Eliminar
  9. Nada é como era.
    Bom fim de semana, Pedro, um abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tudo se transforma, António :))
      Aquele abraço, bfds

      Eliminar
  10. rrrrsssss

    Receio que o ensino do futuro nem chegue a existir, pois será tudo entregue a robots

    Bom fim de semana , Pedro, com as suas meninas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É nesse sentido que caminhamos, São.
      Este fim‑de‑semana está cá a Catarina (Dia da Mãe em Macau no domingo)
      Bfds

      Eliminar
  11. Cá para mim a evolução terminou em retrocesso em pleno século XXI...:))

    Fico intrigadíssima com a resposta dada pelo aluno do futuro.
    Como seria feita a definição do plano estratégico de enriquecimento... para a produção off-shore? ehehehe

    Bom fim-de-semana, Pedro.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Temos que esperar para ver se essas respostas aparecem, Janita :))
      Beijinhos, bfds

      Eliminar
  12. Muitas e muitas vezes levamos mamãe para almoçar fora. Muitos outros momentos a levamos à casa de pessoas que a gente achava que mereciam conhecê-la. Em muitos momentos saímos rindo, de doer os cantos da boca, de uma peça engraçada de teatro, e em outras discutimos quanto a paixão de quem por quem deveria ser maior em um filme de amor. Enfim, quantas vezes a gente deixou de levá-la ao mesmo restaurante para jantar? Quantas festas na casa dos amigos que mereceram conhecê-la deixamos de levá-la, e quantas peças assistimos sem a sua presença ao nosso lado naqueles teatros onde tantas vezes cruzamos a porta rindo de doer a boca? Isso para não falar das discussões que tínhamos quanto a quem merecia amar ou ser amado mais que o outro num cinema em que o cheiro de pipoca ficava impregnado em nossas roupas. Hoje, recordando sua presença em nossas vidas a gente nota que a tivemos mais longe da gente do que perto. Lembramos-nos das nossas tristezas das quais nos convencia que o sofrimento moldava o amor no coração da gente, mas chorar, ela não nos deixava, porque chorava por nós. Agora, mais velho me lembro de nunca tê-la visto chorar por causa própria, mas a vi em diversos momentos chorando por quem já não tinha lágrimas. Infelizmente ou não eu jamais sequei no azul de primavera dos seus olhos uma lágrima que não fosse de alegria ou de reconhecimento.
    A gente foi instruída a não chorar de saudade, porque ela dizia que saudade era sentimento de gente egoísta. Quem sente saudade são aqueles que querem viver sorrindo o tempo todo e esquecem-se dos que nunca tiveram o brilho da alegria nos olhos.
    Estou morrendo de medo de pensar que ela está muito mais presente em minha memória do que eu estive em sua vida, haja vista que o ninho quentinho era dela, mas quem voou ninho afora fui eu.
    Saudades de você, mamãe. Se eu pudesse pedir que me perdoasse eu não titubearia, mas como eu sei que não posso, fico só com saudades, mesmo que me ache egoísta.
    (silvioafonso)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caramba, silvioafonso, na véspera do Dia da Mãe em Macau deixou-me com um nó na garganta.
      Ainda há cerca de duas horas falei com os meus pais via Messenger.
      Tenho a sorte de estarem vivos, relativamente bem.
      Mas são uma preocupação constante, não escondo isso.
      Bem haja por ser quem é.
      Caloroso abraço!

      Eliminar
  13. Uma evolução que dá que pensar...

    Convidamos a ler o capítulo XIII do nosso conto escrito a várias mãos "Voar Sem Asas"
    https://contospartilhados.blogspot.pt/2018/05/voar-sem-asas-capitulo-xiii.html

    Votos de excelente fim-de-semana
    Saudações literárias

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bfds, acompanharei o conto na segunda-feira com todo o gosto.

      Eliminar
  14. Bem! Mas que evolução fantástica =)) Muito bom o artigo =)

    Bjinhos

    https://olharesedeslumbres.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Beijinhos, Daniela Branco.
      Vou visitar o seu blogue.

      Eliminar
  15. A evolução parece que não tem sido muita...

    Bom fim de semana!

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  16. Esta evolução é um must e muito bem concebida !!!

    ResponderEliminar
  17. ahahah... Uma "caricatura" algo exagerada, mas,... para lá caminhamos ! ... e o meu neto, com 8 anos, já diz que não precisa de escrever "com letra bonita", por que nunca mais vai ser preciso escrever à mão ! para que servem os computadores e os smartphones ?...e que também não precisa de estudar porque já está tudo no Google !!! ... Ora toma ! eheheh

    Abraço, Pedro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E consegue contestar o que o menino disse, Rui??
      Na mouche!!! :))))
      Aquele abraço, bfds

      Eliminar
    2. ahahah... Impossível, Pedro.
      E já reparou para que servirão as tão volumosas "antigas" enciplopédias, para além de "ornamentarem" as bibliotecas lá de casa ?...
      Tenho netos que as chegaram a receber, dos outros avós, menos ligados à informática, por muito que fossem alertados pelos genros (meus filhos) para que não o fizessem !!!
      Abraço

      Eliminar
    3. As enciclopédias ficam para memória e colecção, Rui.
      Também andam algumas lá por casa em Portugal.
      E não vou atirar fora.
      Aquele abraço

      Eliminar
  18. Estou com a Elvira. É verdade,.os miúdos hoje não sabem somar de cabeça 1 +1 :(
    Bom fim de semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também não é tanto assim, Mena Almeida.
      Na Ásia dão MUITA importância à Matemática, coitadinhos dos putos.
      Bfds

      Eliminar
  19. No futuro os meus netos vão ter um relógio no pulso que lhes vai dar as respostas todas...

    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Será preciso o relógio, ou será um relógio virtual na pele??
      Um abraço, bfds

      Eliminar
  20. Esta evolução toda deixou-me ainda mais baralhada... eh eheh!!!
    Bom fim de semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É muita evolução, não é, Elisabete?? :)))
      Bfds

      Eliminar
  21. Não pude deixar de esboçar uns sorrisos (amarelados). Vamos de mal a pior em todos os sentidos. Já não sei para onde querem as pessoas caminhar ou para ondem deixam que vão, ou as empurram!

    Vamos nós fazendo o nosso melhor sem nos importarmos os seguirmos as modas das carneiradas.

    Bom fim-de-semana!
    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É exactamente isso. - educação dos filhos é a nossa maior responsabilidade.
      Longe de modas ou coisas no género.
      Bjs, bfds

      Eliminar
  22. thanks for laughs
    they were needed badly !

    what about more further future in space lol

    ResponderEliminar
  23. Em tempos conheci um texto parecido com este em que é evidente a caricatura e assim o devíamos entender.
    :))))
    No entanto, se olharmos o texto sob uma outra perspetiva, verificamos que logo no início há uma referência irónica, mas sibilina, à revolução, iniciando logo pela educação "fascista" e desenvolve-se num crescendo até levar a situações ridículas e inverosímeis. Ou seja, tenta destacar os efeitos nefastos da revolução no nosso país. Em todos os domínios, como fazem questão de destacar.
    Esta será, em meu entender,a mensagem de uma sociedade ainda saudosista de um ensino ultrapassado e assente em pressupostos que chocam com as sociedades atuais. O primado da memorização, por exemplo.
    Estarei a exagerar?
    Sei que não consigo dissociar o que seria um texto engraçado de uma corrente subterrânea que ameaça brotar a qualquer momento no nosso país. Basta olhar à volta.
    Pedro, peço desculpa pelo lençol.
    :))
    Bom fim de semana.
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sinceramente acho que sim, Célia.
      É uma caricatura, não uma conspiração.
      Abraço, bfds

      Eliminar
  24. C'agande confusão,
    não percebi patavina
    você terá toda a razão
    essa não aprendi ainda!

    Tenho um bom fim de semana caro amigo Pedro Coimbra.
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  25. O que eu me ri com esta aahahah, muito bom! :)

    Bom fim-de-semana,
    Beijinhos,

    Daniela

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Haja imaginação, Daniela :)))
      Beijinhos, bfds

      Eliminar
  26. Bem gira esta caricatura da evolução do ensino.
    Bom domingo
    Beijinhos
    Maria
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exagerada, como qualquer caricatura, mas porreira, Maria Rodrigues :))
      Beijinhos, bom domingo

      Eliminar
  27. Lol, mas que evolucao!!
    Bom Domingo Pedro.

    ResponderEliminar
  28. Pedro, esta é para guardar e partilhar com todos os amigos...
    Não aprendi nada, mas ri muito! E rir, amigo Pedro, lava a alma.
    Beijo e bom domingo.
    (Beijo, também, para a mãe das filhotas.)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bjs, bom domingo, Teresa Dias.
      Temos estado a celebrar todos juntos.
      Agora eu estou com a Catarina (a mais velha) em casa porque ela precisa de estudar, e a mãe e a Mariana foram comprar uma coisa para a pequenita.

      Eliminar
  29. :
    Sou professor, já passei por mil e uma reformas...
    Abstenho-me de comentar o conteúdo, contento-me em rir com a forma. :)

    Grande abraço, Pedro :)

    ResponderEliminar
  30. O que eu me ri... Vivemos num mundo em permanente evolução. Tanto que até assusta. :))

    ResponderEliminar
  31. Boa tarde Caro Pedro.
    Texto ideal para a minha Pós-Graduação. Se me permite, irei deixar a hiperligação para os meus colegas da Universidade Aberta.
    Cumprimentos do Alentejo de um SolPerdido e uma Carlota Pires Dacosta.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dias Miguel,
      Vou-lhe pedir alguns favores:
      - por favor faça a hiperligação sem qualquer problema;
      - por favor dê um beijinho à Carlota;
      - e, last but not least, faça uma Pós-Graduação com grande sucesso.
      Um abraço para o Alentejo

      Eliminar
    2. Caro Pedro
      A primeira vou colocar agora no fórum do curso;
      A segunda trato logo à noite quando chegar a casa; e
      A terceira, com muito esforço e apoio, tem corrido bem. O 1º Semestre foi excelente e o 2º pelo caminho vai.
      E como a vida é partilha, deixo-lhe uns dos meus trabalhos: https://drive.google.com/open?id=145KJ0NFbj81Cqus8slQVCbKhp-esZJPO
      Abraços

      Eliminar
  32. Está deveras hilariante!
    E muito bem elaborada.
    Beijinhos.
    ~~~~

    ResponderEliminar
  33. Respostas
    1. A evolução aqui toda explicadinha, mami :)))

      Eliminar