12 de fevereiro de 2016

Humor com a tragédia dos refugiados (2)


Dois Libaneses (considerados refugiados de guerra) chegam a Lisboa, sem dinheiro nem trabalho e diz um para o outro :
- Vamos-nos separar para pedir dinheiro e no final do dia reunimo-nos para ver quanto cada um de nós conseguiu !
O outro aceita e então cada um vai para o seu lado. Já à noitinha encontram-se de novo e pergunta um para o outro :
- Quanto é que conseguiste ?
- 10 euros ! … respondeu o amigo.
Pergunta o primeiro :
- E como fizeste ?
Fui para o parque Eduardo VII epintei um cartaz :
NÃO TENHO DINHEIRO, NÃO TENHO TRABALHO, TENHO 3 FILHOS, POR FAVOR, NECESSITO AJUDA !

E de seguida pergunta :
- E tu, quanto fizeste ?
- Consegui  7.690 euros.
Diz espantado o segundo :
- Meu Deus !! Como é que fizeste para conseguir tanto dinheiro ?
Explica o amigo :
- Fiquei na Rua Augusta perto do Rossio e escrevi um cartaz assim :
FALTAM-ME 10 EUROS PARA EU VOLTAR PARA A SÍRIA.

18 comentários:

  1. ~~~
    Kkkk...kkk... kkk...

    ~~~ Beijinhos. ~~~
    ~~~~~~~~~~~~~~

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma questão de estratégia, Majo :)))
      Beijinhos

      Eliminar
  2. Já a minha avó dizia. Até para pedir é preciso ter arte.
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aqui está a prova, Elvira Carvalho :)))
      Um abraço, bfds

      Eliminar
  3. Respostas
    1. E este era um grande artista, Francisco :)))
      Aquele abraço

      Eliminar
  4. Realmente saber pedir é uma arte :)
    Beijinho

    ResponderEliminar
  5. É uma maneira muito diplomática de "devolver ao remetente". :)))
    bjs

    ResponderEliminar
  6. Infelizmente, essa história não é tão irreal assim. Conheço uma com um mendigo tuga, muito semelhante. E conheci em tempos uma pedinte, na zona do Saldanha, a quem todos os dias faltavam 5 escudos para apanhar a camioneta...
    Bom dia de S. Valentim, Pedro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Essa senhora merecia um prémio, Carlos!
      Cinco estrelas!!! :)))

      Eliminar
  7. Coitados. Eles sabem bem o quanto são indesejados! :(

    Beijinhos! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois sabem, Janita, infelizmente sabem
      Beijinhos

      Eliminar
  8. Claro, não há como o nosso país! Os portugueses são inteligentes e "solidários".

    Beijinhos.

    ResponderEliminar