11 de dezembro de 2009

Tiger lost in the Woods



É mulher? Devassa? Prostituta? Call Girl?
Então já teve um caso com Tiger Woods!
Não? Em que raio de planeta é que vive?!
Parece ser esta a mentalidade que impera por estes dias nesse país campeão da moral e bons costumes que é os Estados Unidos da América.
E, como os americanos ainda são a grande potência mundial, o resto do planeta segue-os cegamente, mesmo nos maiores disparates.
Vivemos um tempo de intenso voyeurismo e só esse facto poderá explicar o interesse mórbido e doentio pelos vicios privados das grandes figuras mediáticas.
Tiger Woods, fabuloso golfista, que se esforçava até ao limite por preservar a sua intimidade e privacidade, como confessou em entrevista ao falecido Ed Bradley, no programa da CBS "60 minutes" (aqui http://www.youtube.com/watch?v=kotQfs6VpXQ&feature=related ), vê agora a sua vida privada transformada num folhetim de mau gosto e a sua intimidade exposta de uma forma absolutamente doentia.
E com aquela pitada de hipocrisia e falsa moral que é tão cara aos americanos.
A Gatorade, marca de bebidas que patrocinou Tiger Woods com muitos milhões, retirou agora o patrocínio ao golfista, o qual, vejam só!, não é perfeito.
Consome bebidas alcoólicas (parece que até tentou também um Compal de pêssego e tudo!!), drogas, é infiel à esposa.
Inaceitável!
Como já há pessoas que recuperaram do choque que sofreram ao darem-se conta que Tiger Woods não era perfeito, umas moças com mais olho para o negócio, e muito poucos escrúpulos,  estão a oferecer generosas quantias a quem se apresentar como mais um "affair" de Tiger Woods (aqui http://www.record.pt/noticia.aspx?id=d8e64663-5f1f-48b9-bbaa-5cdca12576e7&idCanal=00002477-0000-0000-0000-000000002477&h=7) .
Se tiver imagens, melhor!
Estou em crer que não vão faltar candidatas.
Não consigo perceber esta obsessão doentia com os vícios privados, sejam eles quais forem, sejam de quem forem.
Tiger Woods, que "baptizou" o seu iate com o sugestivo nome "Privacy", vê hoje a sua vida exposta na praça pública, entre falsidade noticiosa, falsas virtudes, duvidosa moral, vindos de gente supostamente púdica.


Eu só quero saber uma coisa acerca de Tiger Woods - continua a ser o mesmo golfista genial?
Tudo o resto são questões que terá de resolver no seio da sua família e que não me interessam nada.

Sem comentários:

Enviar um comentário