18 de agosto de 2014

Glorinha, a suicida



Um dia, Glorinha descobriu que o seu pai era gay.
Descontente da vida, incapaz de aceitar a situação, resolveu se matar.
Mas não podia se matar como qualquer outra criatura, afinal, ela, Glória, era milionária; e ficar se atirando de qualquer viaduto ou ponte, cortando os pulsos ou tomando formicida era coisa de suicida pobre.
Ela queria se matar com classe, de forma diferente, em grande estilo.
Mandou aprontar o jatinho da família e só com o aviador se mandou para o céu.
Pretendia se atirar lá de cima.
Durante o vôo, enquanto se preparava para o salto fatal, ela foi indagada pelo aviador a respeito do gesto extremo que ia executar e, chorando, contou a ele o que ocorria:
-- Papai é viado. Não consigo conviver com essa vergonha e vou me matar.
Vislumbrando uma possibilidade, já que ele sempre havia cobiçado aquela mulher, o aviador sugeriu que dessem uma antes de ela se matar.
Glória concordou, afinal, para quem ia morrer, não custava nada quebrar o galho do aviador que se declarara tão apaixonado por ela.
E assim foi.
Piloto automático no avião e tome-lhe e tome-lhe!!
Glória gostou tanto que desistiu de se matar.
Qual é a moral da história? 
GLÓRIA DEU NAS ALTURAS E O PAI, NA TERRA, AOS HOMENS DE BOA VONTADE

BOA SEMANA!!!

27 comentários:

  1. Respostas
    1. Confesse que não estava à espera de um final destes, Catarina :)))

      Eliminar
  2. Grandes ensinamentos, Pedro. De que agremiação é o pregador?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um músico aquele pilo, não é, Agostinho? :)))

      Eliminar
  3. ~
    ~ ~ ~ Bem imaginada e engraçada!

    ~ ~ ~ Excelente semana, J. Pedro. ~ ~ ~

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esta anedota, seja quem for que a imaginou, devia receber um prémio, Majo :))
      Votos de uma excelente semana também

      Eliminar
  4. Muito boa, Pedro!

    Votos de excelente semana para si e suas princesas.

    Aquele abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Seja bem regressado, Ricardo.
      Aquele abraço e votos de uma excelente semana para si e as suas princesas

      Eliminar
  5. Respostas
    1. Timtim Tim,
      Há gente com MUITA imaginação :)))

      Eliminar
  6. Caro Amigo Pedro Coimbra!
    A lambisgoia da Agrado, aquela mexeriqueira mor que tudo sabe e tudo vê, disse que está com comichão para saber a reação da Glória ao saber que o piloto é bissexual e tem um caso com o seu pai.
    Caloroso abraço! Saudações reveladoras!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver

    PS - Agradeço e retribuo os auspiciosos votos de boa semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comentário simplesmente brilhante, Amigo João Paulo de Oliveira :))))

      Eliminar
  7. Do melhor que tenho lido, Pedro.
    Boa semana e aquele abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também é uma das minhas favoritas, António.
      Do caraças!! :)))
      Aquele abraço

      Eliminar
  8. :) Que moral de história mais estranha :))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas muito adaptada às circunstâncias, Gábi :))

      Eliminar
  9. Ele há coisas!!....
    Nunca, jamais, em tempo algum, esperei um desfecho tão brilhante! :)

    Mas alturas será diferente e melhor, do que na terra??:)))

    Graças à mania das grandezas a Glorinha teve a feliz ideia de se suicidar em grande estilo, com classe...! :))

    Beijinhos e boa semana, Pedro!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se ele se tem atirado da ponte nada disto tinha acontecido, Janita.
      Ser rico tem mesmo as suas vantagens.
      Está aqui a prova final :))
      Beijinhos e votos de boa semana

      Eliminar
  10. Moral da história??? Essa estória é completamente imoral... :)))

    Beijocas

    ResponderEliminar