20 de fevereiro de 2013

Curto, mas interessante


O Porto, a única equipa portuguesa que permanece na Liga dos Campeões, venceu ontem o Málaga no Estádio do Dragão por 1-0 com um golo marcado por João Moutinho.
O Málaga, que esta época ainda não tinha perdido nos jogos da Liga dos Campeões, veio ao Dragão tentar não perder.
É uma opção, uma estratégia, tão válida com qualquer outra.
Por aqui não há queixinhas parvas como há para outros lados.
Dezassete (17) remates do Porto para um (1) do Málaga durante o jogo dizem tudo.
O Porto, que dominou totalmente, podia ter marcado mais golos, marcou apenas um.
Curiosamente, em fora de jogo.
Que a "isenta" imprensa desportiva espanhola se refira apenas ao fora de jogo e esqueça tudo o resto não me surpreende.
O que me surpreende é que haja portugueses que afinem pelo mesmo diapasão.
Mais ainda, de uma maneira acintosa e em total desrespeito pelos adversários.
Esses senhores passam a poder contar com o mesmo tratamento deste lado.
Estou farto de respeitar quem não merece qualquer respeito.
E refiro-me a pessoas e a instituições.
A partir de agora, e porque já percebi que a estrada não tem dois sentidos, passam a poder contar com o mesmo comportamento deste lado.
Não gosto, nunca gostei, de gente falsa.
Por isso, chega de respeitar quem não sabe respeitar terceiros.
Voltando ao jogo, e à eliminatória, que é o que mais interessa, o resultado de 1-0 é um resultado curto, mas interessante.
Curto para o domínio exercido e para a superioridade demonstrada; interessante porque, não sofrendo golos, se o Porto marcar em Espanha deverá ter o apuramento garantido.


Garantido estará o apuramento do Bayern (equipaça!!) depois da vitória por 3-1 em Londres frente ao Arsenal.
Arsene Wenger pediu e o Bayern fez-lhe a vontade.

42 comentários:

  1. Resultado muito escasso para o grande jogo feito ontem Pedro.
    Eu já deixei de respeitar essa gente há muito tempo. Já os conheço de gingeira.

    ResponderEliminar

  2. Hugo,
    Eu fui tentando.
    Mas estou farto de falsidade e de sonsos.
    Agora passam a contar com a mesma dose.

    O resultado é curto para o que se viu, para o que se jogou.
    Mas é um resultado interessante.
    Que deixa boas perspectivas.


    ResponderEliminar
  3. Sem «queixinhas parvas como há para outros lados», esperava que o Pedro dissesse «que outros lados»? Diga-o, o Benfica, não se acanhe, amigo!!!

    Quanto ao jogo, vi, apenas, o resumo nas notícias que é igual a...nada! Quanto ao fora-de-jogo, nada a reportar.

    Abraço

    ResponderEliminar

  4. Nem era preciso dizer.
    O Ricardo percebeu logo.

    O jogo foi uma coisa de sentido único.
    Porque o Porto o conseguiu e o Málaga o consentiu.
    Nada a apontar a isso.

    O fora-de -jogo é real.
    Um bocadinho mais fácil de ver em fotografia, com a imagem parada.
    Mas não é "vergonhoso".
    Vergonhoso, o quê, exactamente?


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Facebook, Ricardo, Facebook.
      Consulte lá.

      Eliminar
    2. Estou na mesma, Pedro!

      P.S.- Vai dar troco a anónimos,pá, não faça isso, conselho de um «falso»!

      Eliminar

    3. Estes "anónimos" pela maneira como escrevem são muito identificáveis, Ricardo.
      Até podiam deixar cá a fotografia.
      Nao se escondem atras da parede, mas a frente da parede, esta a ver a pinta? :)))

      Deixe lá os sonsos para outra altura, pá!

      Eliminar

    4. Veja lá uma treta que publicou do Inferno da Luz, ou porcaria do género, e diga lá se e bonito.
      Nao lhe respondi no Facebook porque e o Seu Facebook.
      Respondo-lhe aqui - assim nao, Ricardo, assim nao!!
      Conhece o grupo, ou porra do género, Quantos Portistas Somos?
      Quantos vezes publiquei alguma coisa deles a atacar o Benfica?
      Nao pá, assim nao vale.

      Eliminar
    5. Pedro,

      você não me conhece, realmente, pensava que já me conhecia, mas não me conhece, lamento, porque até o tenho em (elevada) estima e consideração.

      Você tem razão o meu FB é o meu FB, agora no meu FB existe a parte das mensagens, na qual várias vezes nos correspondemos e que você se poderia ter manifestado, enfim, Pedro, julgava que já o conhecia um bocadinho, mas, a puta da verdade é que nem isso conheço.

      Lamento que o futebol solte em si e, vá, por vezes, em mim o que de mais primário temos, mas você foi, perdoe-me, Pedro, covarde na forma como me quis atingir, sem chamar pelo meu nome, tenho pena porque tinha (e ainda, tenho) consideração por si.

      Queria aceitar um abraço, se não quiser deite no lixo ou dê a alguém que precise e ...vai uma Água das Pedras?

      Eliminar
    6. Mas você acha que me estava a dirigir a si, só a si?
      Livra que se tem em elevada consideração!
      Pois, que fique bem claro, nao era SO a si, era também a si.
      E nao, nao preciso de Agua das Pedras e estou a travessar um momento que nao tenho a mis pequena ponta de paciência para tolices.

      Eliminar
    7. Está mesmo a ser um dia terrível para si, Pedro, a cada resposta lança uma pedra, enfim, fico-me por aqui, porque «o travesseiro é o melhor conselheiro».

      O que é que quer tenho-me, efectivamente, em elevada consideração, desde pequeno, Pedro, pergunte ao Nuno que é testemunha disso mesmo.

      Espero que esse "momento" passe depressa porque não gosto de ver pessoas que prezo a sofrerem.

      Quanto à Água das Pedras era uma brincadeira, mas, nem isso você quis entender, caro!

      Eliminar
  5. «queixinhas parvas como há para outros lados»... sim, sim agora veja lá se vai finalmente ao youtube e escreva no campo de buscas "pinto da costa escutas"
    depois falamos (mas não na mesma moeda, porque isso está reservado para o seu clube)

    cumps

    ResponderEliminar
  6. «queixinhas parvas como há para outros lados» sim, sim...é isso!
    Agora veja lá se procura por "pinto da costa e escutas" no you tube. Dps disso falamos...em "queixinhas"

    ResponderEliminar
  7. «queixinhas parvas como há para outros lados»???
    Procure por pinto da costa e escutas no youtube e depois falamos...

    ResponderEliminar
  8. Anónimo,
    No dia em que ler aqui uma referência elogiosa ao Pinto da Costa, à sua actuação, à daqueles que o acompanham, critique à vontade.

    Se quiser procurar, pode encontrar muitas referências nada abonatórias ao personagem.

    Porque, como já afirmei muitas vezes, sou portista, não sou, NADA!!!, pintodacostista.

    E o meu clube, o Futebol Clube do Porto, circunstancialmente dirigido por gente que não presta, é muito superior a essa porcaria, para citar o outro.

    Você é adepto de que clube?
    De freiras ou monges budistas?
    Não me lixe!!

    Cumprimentos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. eu respondi ao seu comentário mas não aparece. (era um texto ainda grande)

      Eliminar

    2. Eu nao passo o dia agarrado a isto, percebe?
      Vá com calma!

      Eliminar
  9. ninguem no futebol é santo...mas daí a fazer comparações com pinto da costa, calma lá!
    Não há nenhum dirigente de futebol (no activo ou não) que chegue sequer aos calcanhares do presidente do seu clube, no que se refere a manobras nos bastidores (e à luz do dia) tão bem reportadas nas famosas escutas.
    Se não se importar de festejar vitórias através de favores sexuais, dinheiro sujo, violência, etc, etc...descanse, porque está a apoiar o clube certo. Agora, seja intelectualmente honesto porque está a dizer que vibra com as vitórias do seu clube mas não com a forma como são obtidas - que mais uma vez relembro, são através de actos ilegais!! para além de imorais, claro está.

    cumps

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Pois, eu nao faço comparações com o Pinto da Costa.
      Entre os ff....da p.....ele e mais esperto, nao e?
      Eu entendo.
      Você acha que TUDO o que o Porto ganhou foi por vigarice, nao e?
      E os outros só ganham na maior das limpezas, com toda a rectidão?
      Como pode ver, também há quem acredite que O querido líder nasceu ao terceiro mês de gestação, de parto natural, maravilhando a ciência medica.
      Cada um acredita no que quer......

      Eliminar
  10. Não vi o jogo. Não posso comentar.
    Pelo que li e ouvi, e pelo que o Pedro deixa aqui escrito, o Málaga foi ao Porto para defender. O FCPorto terá feito um bom jogo. O fora-de-jogo existe e dita o resultado.
    Quando percebo que há 'autocarros' em frente das balizas, sejam da cor que forem, revolto-me. Isto não é futebol. Treinador que utiliza esta táctica (táctica?) não presta.
    Direi, por coerência de ideias, o mesmo, se um dia o meu Benfica fizer a mesma coisa. O que é impensável, posso admitir.
    Nem vale a pena apelar para a estatística. 17 remates contra um. Posse de bola largamente superior para o lado portista.

    Quanto à 'ameaça' de "...Mas estou farto de falsidade e de sonsos.
    Agora passam a contar com a mesma dose.", não acredito que a ponha em prática.
    Tenho-o como uma pessoa sensata, séria, independente na forma como comenta e opina.

    Os meus pensamentos são feitos na justa medida do que se me oferece dizer. Não funciono a partir das ideias de terceiros. Quando muito, concordo ou discordo. Simples.

    O Bayern é, neste momento, a equipa mais forte. Neste momento em que os adversários apresentam um futebol de qualidade consideravelmente inferior.

    Um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. António,
      Nunca, aqui ou noutra qualquer plataforma me viu achincalhar outro clube.
      Nem vai ver.
      Tem de haver reciprocidade.
      E, como há dias que gostávamos que nao existisse, e ontem foi um desses dias, o acumulado e o que hoje vi fez saltar a tampa.

      Nao gosto de ver equipas muito defensivas.
      Mas tenho que aceitar.
      Foi assim que o Malaga aqui chegou, deixando Milan e Zénit pelo caminho, com a defesa menos batida da Champions, sem derrotas.
      Leu A Arte da Guerra, de Tsun Tze?
      E uma das tácticas ali descritas.
      Evitar o inimigo mais forte, reagrupar as tropas e contra-atacar.
      Faltou a parte final :)))

      Eliminar
    2. Não, Pedro, de facto nunca vi.
      Por isso escrevi, mais acima, "...não acredito que a ponha em prática.
      Tenho-o como uma pessoa sensata, séria, independente na forma como comenta e opina..."

      Li o livro e vi o filme (ano de 2000), realizado por Christian Duguay, com duas interessantes interpretações: Wesley Snipes e Anne Archer.
      A táctica está lá mas, se gostei de a ver escrita e em cinema, não consigo transportar a ideia para o futebol.
      Defeito meu? Talvez.

      Eliminar
    3. Nem nunca vai ver, António.
      Não é essa a minha maneira de ser.
      E hoje estarei, do fundo do coração, a torcer por uma vitória do Benfica.
      Porque, pela enésima vez, é óptima para todos.
      Porque é que não acontece o mesmo quando o Porto joga?
      Não consigo entender, muito menos aceitar.

      Não, não é defeito seu, António.
      É a sua maneira de ver o futebol.
      Compreendo-o perfeitamente.
      Mas aceito que haja quem utiliza aquele tipo de tática.
      Torna o jogo mais feio, enfadonho, pouco vibrante.
      Mas é lícito.

      Eliminar
  11. Estimado Amigo Pedro Coimbra,
    Não vi o jogo, mas soube através co canal Aljazeera do resultado e dou os meus parab~ens a todos os portistas.
    Abraço amigo

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Amigo Cambeta,
      Jogo de sentido único.
      Por mérito do Porto e opção do Malaga.
      Resolvido com um golo em fora de jogo.
      Esta tudo em aberto.

      Eliminar
  12. Caro amigo Pedro Coimbra!
    Como sou um néscio futebolístico não me sinto hábil para discorrer sobre esta publicação!
    Conseguiste desvendar o enigma proposto pelo Henriquamigo?!...
    Caloroso abraço! Saudações futebolísticas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nadica de nada, caro Prof. João Paulo de Oliveira :)))
      Aquele abraço!

      Eliminar
  13. Realce para o facto de o Porto ter sido, até agora, a única equipa a ganhar em casa, nestes oitavos de final

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agora com a ilustre companhia do Milan, Carlos.
      O mito Barcelona começa a dar sinais de (natural) desgaste.
      Realço ainda o facto de esta equipa do Málaga ainda não ter perdido na Champions e ter a melhor defesa da prova.
      Vamos ver o que acontece em Espanha.
      Mas tenho fundadas esperanças que o Porto passe a eliminatória.

      Eliminar
  14. Surpreendeu-me muito o futebol tão "pressionante" do FCP, pelo que considero injustíssima uma margem tão curta, mesmo tendo em atenção o passado recente do Málaga !
    Jogo totalmente de sentido único, mas não concordo que o Málaga o consentiu ! Antes sim que o FCP lhes anulou sempre quaisquer hipóteses de reacção !

    O outro assunto : Quando o Benfica joga com equipas estrangeiras aguardo sempre com enorme expectativa e patriotismo as suas vitórias e rejubilo com elas !
    Não consigo entender como qualquer português consiga "ODIAR TANTO" o FCP !!! ... Só possível em espíritos gravemente doentios !!!

    Abraço, Pedro !
    .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Rui,
      O Porto teve, e tem, um futebol muito pressionante.
      Mas ontem também não era o dia do Málaga.
      Acontece a todos.
      Até ao Barcelona aconteceu!

      Também não percebo essa ideia de ser, antes de tudo, anti-Porto, ou anti outra porra qualquer.
      Eu vou estar a torcer pelo Benfica hoje.
      Não só para passarem a eliminatória, mas também para ganharem o jogo.
      Não entendo, francamente não entendo.
      E, quando vejo essas parvoíces, sobretudo quando não estou muito bem disposto, passo-me da cabeça.
      E sou bruto.
      Paciência...
      Aquele abraço

      Eliminar
  15. Pois eu espero que, para já, o Porto seja apurado! E, se possível, que ganhe na final! :)

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Teté,
      Eu só espero que o Porto seja apurado.
      Depois, passo a passo, vamos ver onde se chega.
      Ganhar a Champions?
      Não acredito.
      Há equipas fortíssimas e, sobretudo, poderosíssimas.
      Beijocas

      Eliminar
  16. Pedro, era realmente fora de jogo, mas o importante é que ganhamos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também me parece que é fora de jogo, Su.
      Mas não é daqueles escandalosos.
      Com imagem parada, na televisão, é mais fácil ver.
      No jogo, em correria, nem tanto.
      Este árbitro também estava envolvido no esquema da fruta e das viagens e dessas tretas todas?
      Já agora.... :))))

      Eliminar
  17. Estimado Amigo Pedro Coimbra
    Tive a oportunidade, esta noite, de poder ver o jogo na sua totalidade.
    O golo é totalmente legal, não existye fora de jogo, já que Mountinho corre depois do seu colega ter chutado a bola, como tal super legal, sem dúvidas algumas.
    O comentador do canal Astro tem a mesma opinião e para tirar as dúvidas foi passado, por várias vezes o passe.
    O Inspector Pardal ex-treinador de futebol igualmente está 100% de acordo, não houve fora de jogo.
    Os tipos do Malaga pareciam tanques de guerra à defesa, sempre em anti-jogo.
    Abraço amigo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Cambeta,
      Também já ouvi, e li opiniões desse teor.
      Mas eu continuo a apensar que era fora de jogo.
      Agora imagine - se ainda se discute se era, ou não, porque é que se sacrifica o árbitro que teve que decidir no momento, sem imagens de televisão, sem as tais tecnologias que se teima não aplicar ao futebol?
      Só porque era o Porto que estava a jogar?
      É por isso mesmo que me irrito, que me passo da cabeça.

      Eliminar
  18. O Porto mereceu ganhar mas não invalida que o golo do Moutinho fosse em fora de jogo. Mas convenhamos que o lance também era de difícil avaliação e as regras da FIFA são claras: beneficia-se quem ataca. A vitória portista é justa e o Málaga lá conheceu finalmente o sabor da derrota na sua estreia na Champions.

    Em relação ao espírito de ódio ao Porto, é uma questão que dá panos para mangas... como se mesmo nos jogos internacionais não é possível escutar os adeptos portistas a entoarem o famoso cântico "SLB, SLB, SLB"... vá-se lá entender o tipo de patriotismo que querem apregoar.

    ResponderEliminar
  19. Esses nao são adeptos do Porto, Firehead.
    São uns porcos ressabiados.

    Adeptos do Porto, e que gostam de futebol, vão estar hoje a torcer pelo Benfica.
    E nao e a insultar o Benfica, e a apoiar o Benfica.
    Eu vou estar a apoiar.
    Sem qualquer duvida!

    ResponderEliminar
  20. Respostas
    1. Vamos ver se nos portamos bem, e se somos mais eficazes em Espanha, Pats
      Estou esperançado.

      Eliminar