26 de julho de 2013

Caixa de correio


Num domingo, pela manhã, um homem cortava a relva calmamente quando a sua
vizinha loira boazona caminhou até a caixa de correio, abriu a caixa, fechou com força e voltou furiosa para casa.
O homem lá continuou a aparar a relva quando, de repente a loiraça voltou.
Ela caminhou a bufar até à caixa de correio, abriu, fechou, deu um soco na caixa e voltou para casa com cara de furiosa.
Poucos minutos passaram quando ela aparece novamente.
Com o andar impaciente, abre a caixa de correio, bate na caixa, grita e volta para casa a resmungar.
... O homem, já bastante curioso com a situação, pergunta:
 - Algum problema ??????
 Ao que ela responde:
 - Problema é pouco!!!!! Aquele fdp do meu computador estúpido não pára de dizer que a minha caixa de correio está cheia!!!

Bom fim-de-semana!!

31 comentários:

  1. Estimado Amigo Pedro Coimbra,
    Mais uma boa prova da inteligência das loiras rsrsr.
    Abraço amigo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não há sossego para as loiras, Amigo Cambeta :))
      Aquele abraço e votos de BFDS!!

      Eliminar
  2. Ainda bem que não sou loira. Chiça! : )

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não há tréguas, Catarina, não há tréguas :))

      Eliminar
  3. Já conhecia. É excelente. Por falar em loiras, conheci uma há uns tempos que era mesmo... enfim...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Era assim, como dizer?? - demasiado loira, FireHead? :)))

      Eliminar
    2. Demasiado estúpida mesmo, amigo...

      Eliminar
  4. Pois... :DDDDD

    Abraço, Pedro, tenha um excelente fim de semana junto com a sua família!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A perdição que eu tinha por loiras quando eram mais novo, Ricardo!!
      aquele abraço e votos de bfds para si e família!

      Eliminar
  5. Passei para desejar um bom fim de semana.
    Beijinhos para as princesas e para si.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Carlota,
      Há quanto tempo!!
      Já tinha saudades suas.
      Vou passar pelo seu blogue mais logo.
      Beijinhos e votos de bfds!

      Eliminar
  6. Tinha que ser loira? :D

    A jovem estava a ser enganada. por um computador. Não pode ser. É demais para uma loira só eheheh

    Aquele abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma loira contra um computador.
      Uma batalha muito desigual, António :)))
      Aquele abraço e votos de bfds!!

      Eliminar
  7. Gargalhadas:):))))))))))))))

    Beijocas e BFS para ti e todos os teus

    ResponderEliminar
  8. Não fosse essa loira ser boazona, eu apostaria que era a Maria luís.
    Em relação à pergunta que me fez no On the rocks: Não só conheço a Pousada de Mong Ha, como vivi lá durante quase dois anos. Na altura o director era um senhor cujo nome já não me lembro mas, quando aí estive em 2008, fui à Pousada com um amigo chinês que trabalhou comigo e me disse que a directora era uma senhora. Creio que a cheguei a ver mas, sinceramente, não me lembro. O mundo é pequeno, como eu escrevia há dias...
    Bom FDS!

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. 2008 já não era a minha mulher, Carlos.
      Já era outra senhora.
      A minha mulher passou a dirigir a escola de formação contínua
      BFDS!!

      Eliminar
  9. Caro Amigo Pedro Coimbra!
    A lambisgoia da Agrado, aquela mexeriqueira mor que tudo sabe e tudo vê, disse-me que a loira também é alentejana!
    Caloroso abraço! Saudações aloiradas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Uma combinação explosiva, Amigo João Paulo de Oliveira )))
      Grande abraço e votos de bfds!

      Eliminar
    2. Peço desculpa, Pedro, nas na verdade, só mesmo a lambisgoia da Agrado-amiga do confrade João Paulo- poderia ter uma ideia tão aberrante e descabida!

      As alentejanas não são loiras, são mulheres trigueiras e muuuuito dadas às novas tecnologias. Eu acho que essa devia ser de Belém do Pará...;))

      Beijinhos e bom fim de semana.:)

      Eliminar
    3. Cara confrade Janita!
      Não creio que seja uma ideia tão aberrante e descabida - da minha amiga - porque trata-se de uma anedota e nosso estimado Amigo Pedro Coimbra vira e mexe nos apresenta anedotas onde os alentejanos são os personagens principais e sempre são colocados em situações onde a suposta ingenuidade é a tônica.
      De todo modo em nome da mexeriqueira mor peço-lhe minhas escusas se involuntariamente a associação a deixou constrangida.
      Aproveito o ensejo para esclarecê-la que minhas patrícias que residem na cidade de Belém, que é a capital do estado setentrional do Pará, localizada na região equatorial, são em sua maioria, muito bonitas e também antenadas nas novas tecnologias, que mudaram radicalmente nosso modo de vida e bem representativas da miscigenação advinda do tempo que éramos colônia do reino distante além-mar. Evidentemente entre elas certamente aparecem algumas "loiras" oxigenadas!!!!!
      Caloroso abraço! Saudações esclarecedoras!
      Até breve...
      João Paulo de Oliveira
      Diadema-SP

      Eliminar
    4. Caro Prof. João Paulo.

      Constrangida, eu? Jamé! Sou alentejana, com muito gosto e sei que essa sua amiga Agrado é muito dada a invenções e calúnias.:)

      Em momento algum o nosso anfitrião mencionou a naturalidade da loira, logo, não defenda a sua amiga... Até porque nós só a conhecemos através daquilo que o meu amigo nos relata a seu (dela) respeito!!

      Grande abraço. Saudações esclarecidas, com nuances douradas.:))

      Até sempre!

      Janita

      Eliminar
    5. Cara confrade Janita!
      Ufa! Ainda bem que já sabe quem de fato é esta sirigaita!
      Recomendo que quando você embarcar no vagão do Expresso do Oriente sob meu comando tenha cautela ao passar pela cabine nº 5 onde a lambisgoia da Agrado, aquela mexeriqueira mor que tudo sabe e tudo vê, ocupa permanentemente, porque ela adora contar histórias do arco-da-velha e espalhar maledicências de pessoas do bem!
      Você acredita que ela teve a audácia de pegar minha máquina fotográfica - sem minha anuência - e tirar fotografias em situações lascivas das irmãzinhas do Convento dos Redentoras Humilhadas e asseclas da Ordem das Filhas de Maria sem Calcinhas?!...
      Nem tive coragem de contar para o meu estimado Amigo Pedro Coimbra, mas ela também teve o atrevimento de dizer que o Pedro, no tempo que estudava na nobilíssima Universidade de Coimbra, ao invés de se debruçar com afinco nos estudos ficava a flanar pelas ruas de Coimbra. Desta vez desmascarei-a de vez, porque incontestavelmente era uma calúnia, porque se ele não tivesse estudado com afinco jamais obteria o cobiçadíssimo título de assecla da deusa da Justiça e da Sabedoria!
      Vamos em frente cara Janita!
      Caloroso abraço! Saudações dionísicas!
      Até breve...
      João Paulo de Oliveira
      Diadema-SP

      Eliminar
  10. Acho que estas anedotas de loiras boazonas foram inventadas por homens com dor de cotovelo... :)))

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  11. Pois eu tenho a dizer que a minha melhor aluna era LOIRA!
    Bom fim-de-semana. :)

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Eu tenho que ser mauzinho e comentar - a excepção :))))
      BFDS!!!

      Eliminar
  12. O que vale é que nem todas as loiras são assim :)))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quer dizer que temos aqui uma Catarina loira?? :)))

      Eliminar