25 de julho de 2013

1 fotocopiadora para a Câmara de Beja por 6 milhões de euros?



AQUI VOS DEIXO ALGUNS EXEMPLOS DE DÚVIDAS QUE O TRIBUNAL DE CONTAS ENCONTROU NAS DESPESAS PÚBLICAS

  1.      ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DE SAÚDE DO ALENTEJO, I. P.

Aquisição de 1 armário persiana; 2 mesas de computador; 3 cadeiras c/rodízios, braços e costas altas: 97.560,00€
Eu não sei a quanto está o metro cúbico de material de escritório mas ou estes armários/mesas/cadeiras são de ouro sólido ou então não estou a ver onde é que 6 peças de mobiliário de escritório custam quase 100 000€.
Alguém me elucida sobre esta questão?

 2.      MATOSINHOS HABIT - MH 

Reparação de porta de entrada do edifício: 142.320,00 €
Alguém sabe de que é feita esta porta que custa mais do que uma casa?

3.     UNIVERSIDADE DO ALGARVE - ESC. SUP. TECNOLOGIA - PROJECTO TEMPUS

Viagem aérea Faro/Zagreb e regresso a Faro, para 1 pessoa no período de 3 a 6 de Dezembro de 2008: 33.745,00 €
Segundo o site da TAP a viagem mais cara que se encontra entre Faro-Zagreb-Faro em classe executiva é de cerca de 1700€. Dá uma pequena diferença de 32 000 €. Como é que é possível???

  4.      MUNICÍPIO DE LAGOA 

6 Kit de mala Piaggio Fly para as motorizadas do sector de águas: 106.596,00 €
Pelo vistos fazer um "Pimp My Ride" nas motorizadas do Município de Lagoa fica carote!!!

5.      MUNICÍPIO DE ÍLHAVO
Fornecimento de 3 Computadores, 1 impressora de talões, 9 fones, 2 leitores ópticos: 380.666,00 €
Estes computadores devem ser mesmo especiais para terem custado cerca de 100 000€ cada....Já para não falar nos restantes acessórios.

6.     MUNICÍPIO DE LAGOA
Aquisição de fardamento para a fiscalização municipal: 391.970,00€
Eu não sei o que a Polícia Municipal de Lagoa veste, mas pelos vistos deve ser Haute-Couture.

7.      CÂMARA MUNICIPAL DE LOURES
VINHO TINTO E BRANCO: 652.300,00 €
Alguém me explica porque é que a Câmara Municipal de Loures precisa de mais de meio milhão de Euros em Vinho Tinto e Branco????

8.     MUNICIPIO DE VALE DE CAMBRA

AQUISIÇÃO DE VIATURA LIGEIRO DE MERCADORIAS: 1.236.000,00 €
Neste contrato ficamos a saber que uma viatura ligeira de mercadorias da Renault custa cerca de 1 milhão de Euros. Impressionante...

 9.      CÂMARA MUNICIPAL DE SINES
Aluguer de tenda para inauguração do Museu do Castelo de Sines: 1.236.500,00 €
É interessante perceber que uma tenda custa mais ou menos o mesmo que um ligeiro de mercadorias da Renault e muito mais que uma boa casa... E eu que estava a ser tão injusto com o município de Vale de Cambra...
   
10.  MUNICIPIO DE VALE DE CAMBRA

AQUISIÇÃO DE VIATURA DE 16 LUGARES PARA TRANSPORTE DE CRIANÇAS: 2.922.000,00 €
E mais uma pérola do Município de Vale de Cambra: uma viatura de 16 lugares para transportar crianças custa cerca de 3 milhões de Euros. Upsss, outra vez o município de Vale de Cambra...

11.  MUNICÍPIO DE BEJA

Fornecimento de 1 fotocopiadora, "Multifuncional do tipo IRC3080I", para a Divisão de Obras Municipais: 6.572.983,00 €
Este contrato público é um dos mais vergonhosos que se encontra neste site. Uma fotocopiadora que custa normalmente 7,698.42€ foi comprada por mais de 6,5 milhões de Euros. E ninguém vai preso por porcarias como esta?
  

35 comentários:

  1. Respostas
    1. Publico como recebi, Catarina.
      Na expectativa de ver se haverá resultados destas denúncias do Tribunal de Contas ou se fica tudo na mesma.

      Eliminar
  2. Não é preciso ser muito esperto para ver que justificam o roubo e o Tribunal não faz nada.
    Afinal para que serve o Tribunal ...?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Supostamente para auditar as contas e punir estes meliantes, luís

      Eliminar
  3. Falta muita 'gente' nessa lista.

    As dúvidas têm essa nomenclatura porque o TC está a ser simpático.

    E que tal um Município receber, como doação para contrução de estruturas para os munícipes, um grande terreno, e mais tarde ser vendido aos McDonnalds e outros?

    É só contas de 'sumir', amigo.

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acredito que seja uma lista muito incompleta, António.
      E que haja um crescente sentimento de impunidade entre estes senhores.
      Para além de uma completa falta de escrúpulos e de vergonha.
      Aquele abraço!!

      Eliminar
  4. Estimado Amigo Pedro Coimbra,
    Impressionante este autarcas por certo estão ricos a roubarem desta forma, e segundo sei a impunidade continua.
    Os deputados não fazem lei contra a corrupção porque eles sãos uns corruptos, e como tal tem muito seguidores.
    Abraço amigo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isto é mesmo pura roubalheira, Amigo Cambeta.
      Ainda para mais, perfeitamente impune.
      Aquele abraço!!

      Eliminar
  5. Pedro,

    não duvido da exactidão das contas (fruto de auditoria do TC). Por outro lado, mais uma vez, confirma que o deficit da RA Madeira, o chamado "buraco", no valor de 6 mil milhões de euros é uma "gota", repito, uma "gota" nesse Oceano de falcatruas da Administração Central e Local de Portugal.

    Com efeito, as dívidas de Carris, Metro de Lisboa, Metro do Porto, TAP e BPN são, nalguns casos, superiores às da Região Autónoma com uma diferença, pequena, a Madeira aumentou a qualidade de vida dos seus habitantes e evoluiu para níveis idênticos aos de Lisboa ou Porto, cria riqueza para o País, nomeadamente, através do Turismo e o que recebe do OE é o correspondente a cerca de 0,8% do PIB, repito, 0,8% do PIB.

    Ao invés, essas empresas, todos os dias, nos surpreendem com números assustadores e dívidas para pagarmos, tal como as autarquias locais e mesmo o Governo Central.

    Se tem dúvidas sobre o que digo, Pedro, e tenho a certeza que não tem, pergunte ao nosso amigo Nuno e ele dirá o antes e o depois cá na Madeira, feito também com alguns desvarios, mas com muito, mas muito, beneficio para a população (que tem uma cobertura de água potável, electricidade e gás nos cerca 97%) e um desemprego que começa a dar mostras de descida para bem de todos nós Madeirenses e também para o Estado Português (nossa Pátria).

    Abraço, Pedro, e desculpe-me testamento que nada tem a ver com o post ou, se calhar, até tem muito a ver com isso!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ricardo,
      Tem tudo a ver.
      Os meus amigos Madeirenses (sim também escrevo com maiúscula), que são alguns, confirmam o que o Ricardo afirma.
      Os desvarios de Alberto João Jardim, sendo censuráveis, têm esse lado que é inegável - beneficiaram imenso a Madeira e os seus habitantes.
      Não tem comparação com estes exemplos e os outros que o Ricardo aponta.
      Cem por cento de acordo.
      Aquele abraço!!

      Eliminar
    2. Concordo com o que Ricardo expõe que tem tudo a ver, o que não significa que é endividar o país em prol de um povo, mas AJJ escondeu porque razão?
      Assim sendo também os da Câmara de Oeiras e outros com sentenças dadas, fizeram obras em prol da autarquia e meteram ao bolso outro tanto, mas quem por lá habita defende-os com unhas e dentes por mil razões.
      O daqui de Sintra, o Seara fez o quê por esta Câmara...pois, pois...e tanto recorreu que agora consegue ir à corrida da CML.
      Acho que num país de "corta-corta" haver regiões que fazem tudo menos aplicar os tais cortes que todos gramamos.
      Para onde foi os milhões e milhões de euros angariados aquando o desastre natural, quando ainda há tantos que esperam e desesperam pelo arranjo das suas casas e não só? Madeira não é só Funchal e o seu presidente acha que sim.
      Estarei certa ou errada?

      Na minha modesta opinião a despesa das autarquias - tal como o rol indica - é o tal desvio para o bolso...e ou comem todos ou não come ninguém.

      Eliminar

    3. Fatyly,
      Eu, que não gramo nada o AJJ, nao tenho nada a ideia que ele seja corrupto, que meta dinheiro ao bolso.
      E até é famoso o facto de ele ter corrido um autarca, eleito!!!, porque ele não fez obra para as populações e guardou a massa no banco.
      Agora que me processem, disse o Alberto João na altura.
      Desvairado, abusador, mas não o tenho por corrupto.

      Eliminar
    4. Bom dia, amigos Pedro e Fatyly!

      Estou aqui para esclarecer algumas das dúvidas que foram levantadas pela amiga Fatyly, nomeadamente:

      Para onde foi os milhões e milhões de euros angariados aquando o desastre natural, quando ainda há tantos que esperam e desesperam pelo arranjo das suas casas e não só? Madeira não é só Funchal e o seu presidente acha que sim.
      Estarei certa ou errada?

      Está ERRADA, minha amiga, repito, ERRADA e porquê?

      Olhem porque em 1º lugar, as verbas destinadas à recuperação das zonas afectadas pela catástrofe ocorrida em Fevereiro de 2010 foram transferidas ao abrigo da chamada "Lei de Meios" (aprovada por unanimidade, repito, unanimidade pela Assembleia da República), e essas verbas são "desbloqueadas" por...Lisboa!

      Por outro lado, não é verdade que existam pessoas à espera que lhes arranjem as casas tem, isso sim, é que fazer prova de que as obras são para recuperar as casas em consequência do "Temporal".

      Quanto à Madeira não ser só o Funchal, minha amiga, isso é um facto e digo-lhe pergunte ao Madeirense de São Vicente (Norte da Ilha) que em 1974 demorava meio-dia para vir ao Funchal tratar de assuntos se agora não está melhor quando pode cá vir em 30 minutos!!! Fatyly, eu sei do que estou a falar o meu avô materno era, precisamente, de São Vicente, o mesmo se dirá em relação à água potável, à electricidade, Gás, Centros de Saúde, Serviços de Finanças, escolas, e muitas outras valências.

      Não sendo partidário de AJJ, em nome da verdade, devo dizer que ele preocupa-se menos com o Funchal do que com o resto do Arquipélago, por várias razões, uma delas deve-se ao facto de o único a desafiá-lo na liderança do PSD Madeira, em trinta anos, ter sido Miguel Albuquerque (actual Presidente da Câmara Municipal do Funchal).

      Minha amiga, tenho por principio não afirmar coisas como sendo verdades absolutas porque "ouvi falar" ou "fulano que é primo de Sicrano disse", não, minha amiga, em analiso os factos e quando tenho a certeza sobre os mesmos pronuncio-me bem ou mal, dependendo da perspectiva de quem ouve ou lê.

      O tempo de AJJ passou, no entanto, não se poderá escamotear a verdade, a realidade dos factos e há de facto uma Madeira (Pré e Pós Alberto João Jardim) e isso é algo que custa a alguns continentais aceitarem, ponto final parágrafo.

      Com efeito, AJJ em muito beneficiou a Madeira (como beneficiaria a RAM se agora se afastasse) e com o seu espírito combativo conseguiu o inimaginável para a população da Madeira que, hoje por hoje, é muito mais exigente e dá mostras de que querer mudar para a Direita não para o PS inexistente na RAM, o PCP ou o BE, sem falar do palhaço do JM Coelho (um ressabiado que durante a sua vida viveu de enganar os outros).

      Convido-a a cá vir, será bem vinda em minha casa, levo a passear pela Ilha e verá que o que digo é verdadeiro, mas primeiro terá de ver fotos da Madeira em 1974, combinado?

      Beijinho e bom fim de semana!

      Abraço, Pedro, e aquele abraço!

      Eliminar
    5. Fica para a Fatyly responder se ela quiser.
      Quase tudo o que o Ricardo refere não é novidade para mim.
      Aquele abraço!!

      Eliminar
    6. Tudo que me é dirigido eu respondo com imenso prazer.

      Desde já te agradeço o teres perdido o teu tempo com esta magnífica explicação. Não conheço a Madeira, mas residem aí duas familias todos naturais, mas que foram para Angola e os inúmeros filhos foram meus colegas de escola, retornaram à Madeira, e dois dos filhos moram aqui no Continente.
      Falamos muito e claro têm conhecimento do que eu não sei. Felizmente não foram atingidos pelo temporal, mas têm acho que os sogros de uma delas, que sim...e que aguardam ainda pela renovação da casa. Não me recordo do local.
      Todos eles não gramam AJJ pelas coisas que por vezes faz e diz, mas reconhecem a evolução da Ilha. Quando disse o que disse ao Pedro não chamei corrupto a AJJ, o que já não digo de Isaltino e outros, mas caramba ocultar a dimensão de um buraco financeiro das contas públicas mesmo que todo o dinheiro tenha sido investido como foi e segundo ele há provas, é pelo menos estranho. As obras podem ser faraónicas como muitos apelidam e até ele criticou os célebros estádios de futebol do Euro 2004 e faz o mesmo?
      É nessa base que disse e sabes amigo, agradeço imenso a tua hospitalidade, como todos estes meus amigos estão sempre a desafiar-me para ir...mas sinceramente se eu pudesse é ilha que não me desperta qualquer curiosidade.

      Um abraço enorme aos dois e fiquei mais esclarecida:)

      Eliminar
  6. E depois têm a suprema desvergonha de vir esmifrar o povo, , acusando-o de viver acima das sua possibilidades ?!E de lhe tirarem parte dos depósitos bancários?!

    Um desgraçado rouba um bocado de polvo e é condenado, porque "não era um bem essencial"...e esta gentinha continua livre e a fazer as suas vidinhas à nossa custa!

    Bom dia, Pedro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O sol, quando nasce, afinal não é para todos São.
      E há mesmo uns que são mais iguais que os outros.

      Eliminar
  7. Caro Pedro
    São artigos com uma garantia extensível até ao fim dos mandatos. Daí a razão do preço.
    Abraço
    Rodrigo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quem mandatos do caraças, Rodrigo!!!
      Aquele abraço!!

      Eliminar
  8. Ainda bem que o tio de Santa Comba Dão já não é vivo, amigo. Muita gente teria que ir para o castigo. Já agora, qual a fonte?

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Deviam ser castigados mesmo sem o tio de Santa Comba Dão estar vivo, Firehead.
      Acha que eram tudo rosas quando ele governava??

      Eliminar

    2. Esquecia a fonte, Firehead.
      Gente bem (in)formada.
      E mais não digo :)))

      Eliminar
  9. Caro Amigo Pedro Coimbra!
    Qualquer semelhança com o que ocorre aqui não terá sido mera coincidência.
    Caloroso abraço! Saudações inconformadas.
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Infelizmente, Amigo João Paulo de Oliveira, infelizmente.
      Aquele abraço!!

      Eliminar
  10. Ainda estou de boca aberta, Pedro! Se não é indiscrição, pode dizer-me de onde tirou esses dados? Foi do site do Tribunal de Contas?
    Abraço e bom fds

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Recebi-os de um amigo que me inspira toda a confiança, Carlos
      Parece mentira, não é?
      Vamos ver se alguém desmente.

      Eliminar
  11. Pedro,
    Estou banzada. Não encontro palavras ...
    É assim que vai o nosso país. :(
    Beijinho.

    ResponderEliminar
  12. Coimbramigo

    Fui Director de Comunicação do Tribunal de Contas, cujo Presidente era, então, o meu colega desde os bancos do Liceu Camões até às bancadas da Faculdade de Direito da Universidade Clássica de Lisboa. Era quando o Palhaço, então primeiro-ministro, (mais adiante citado) afirmava que a instituição era uma força de bloqueio.

    Ali pude-me aperceber da importância de um órgão de fiscalização do Estado, ou seja dos Governos Central, dos Regionais, dos Autárquicos, de outras entidades públicas, etc. Por isso, é com grande satisfação que, com o meu Amigo Guilherme d'Oliveira Martins ao leme, ele tem vindo a cumprir - e bem - essas funções.

    Mas, e como já fiz noutros blogues, quero deixar aqui um apontamento que me parece pertinente. Peço-te desculpa pelo comprimento do mesmo... Mas, mesmo assim, lá vai:

    Por vezes apetece relembrar algumas frases sugestivas ainda que provindas de um ditador de botas que se esforçou denodadamente para “salvar a Pátria”, mesmo que ela não quisesse ser salva…

    Por isso, aqui registo algumas; a memória de alguns gajos, como é o meu caso, não é tão curta como se costuma dizer. Então, lá vão elas: “Na política tudo o que parece é”; outra: “Não há nada mais inútil que discutir política com políticos.” E mais outra: “As discussões têm revelado o equívoco, mas não esclarecido o problema; já nem mesmo se sabe o que há-de entender-se por democracia.” ; e finalmente, este mimo: “Aguardamos apenas a realização de condições convenientes para que o remédio não seja pior de sofrer do que o mal que se destina a curar.”

    Curiosas afirmações em que, por exemplo, o venerando Esteves punha em causa a democracia, que ele afirmava que …já nem mesmo se sabe o que se há-de entender por democracia.. Estes pulhas, agora, dizem que sabem o que é ela; mas desde o Palhaço de Belém até ao novo capo do (des)Governo saberão eles o que é? A Maria Luís é tipa para saber… de swaps e, além disso, é muito amiga do Paulinho entra-e-sai-e-entra. Ite, missa est

    Abç

    Henrique


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. FerreirAmigo,
      Ficas obrigado a vir comentar aqui pelo menos duas vezes por semana.
      Se não o fizeres, as consequências serão terríveis.
      Ao nível da mais inimaginável tortura chinesa.
      Grande abraço!!

      Eliminar
  13. E isto não são roubos? Vi há uns meses uma reportagem sobre este género de gastos "em material" que até me deixaram mal disposta... Quem faz este género de coisas não pensa me mais ninguém além de si mesmo, deviam ir presos, o que está a faltar muito por estas bandas é mesmo que as pessoas que roubam assim com todo este descaro e sem vergonha nenhuma (porque pessoas com vergonha e consciência não fazem isto) sentarem o real rabo nos bancos de tribunal e começarem a ser condenados a sério! Como os ladrões devem ser!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ladrões de casaca, Catarina.
      Apenas isso.
      E, como quaisquer ladrões, o lugar deles é na cadeia.

      Eliminar