19 de dezembro de 2014

Preparação da festa de Natal no local de trabalho


DE: Patrícia Gomes - Directora de Recursos Humanos

PARA: Todos os Funcionários
Data: 1º de Dezembro
Assunto: Festa de Natal
Tenho o prazer de informar que a festa de Natal da empresa será no dia 23 de Dezembro, com início ao meio-dia, no salão de festas privativo da Churrascaria Grill House. O bar estará aberto com várias opções de bebidas. Teremos uma pequena banda tocando canções tradicionais de natal...sinta-se à vontade para se juntar ao grupo e cantar!
Não se surpreenda se nosso Vice-Presidente aparecer vestido de Pai Natal! A árvore de Natal terá suas luzes acesas às 13:00. A troca de presentes de um amigo secreto pode ser feita a qualquer momento, entretanto, nenhum presente deverá exceder 1000$00, a fim de facilitar as escolhas e adequar os gastos a todos os bolsos. Este encontro é exclusivo para funcionários. Nesta ocasião, nosso Vice-Presidente fará um discurso bastante especial.
Feliz Natal para vocês e suas famílias.
Patrícia

------

DE: Patrícia Gomes - Directora de Recursos Humanos
PARA: Todos os Funcionários
Data: 2 de Dezembro
Assunto: Festa de Final de Ano
De maneira alguma nosso memo datado de 1º de Dezembro pretendeu excluir nossos funcionários judeus! Reconhecemos que o Chanukah é um feriado importante e que costumam coincidir com o Natal mas isso não aconteceu este ano. De qualquer forma, passaremos a chamá-la de "Festa de Final de Ano". A mesma política se aplica a todos os outros funcionários que não sejam cristãos e àqueles que ainda celebram o Dia da Reconciliação. Não haverá árvore de Natal. Nada de canções de natal nem coral. Teremos outros tipos de música para seu entretenimento. Felizes agora ?
Boas festas para vocês e suas famílias,
Patrícia

------

DE: Patrícia Gomes - Directora de Recursos Humanos
PARA: Todos os Funcionários
Data: 3 de Dezembro
Assunto: Festa de Final de Ano
Com relação ao bilhete que recebi de um membro dos Alcoólicos Anónimos solicitando uma mesa para pessoas que não bebem álcool... você não assinou seu nome! Fico feliz em atender o pedido, mas se eu puser uma placa na mesa "Exclusivo para AA", vocês não serão mais anónimos... Como faço então?
Esqueçam a troca de presentes. Nenhuma troca de presentes será permitida, uma vez que os membros do sindicato acham que 1000$00 é muito dinheiro e os executivos acham que 1000$00 é muito pouco para um presente. NENHUMA TROCA DE PRESENTES SERÁ PERMITIDA, certo?
Patrícia

------

DE: Patrícia
PARA: Todos os Funcionários
Data: 7 de Dezembro
Assunto: Festa de Final de Ano
Nossa, que grupo heterogéneo somos!!! Eu não sabia que no dia 20 de Dezembro começa o mês sagrado do Ramadão para os muçulmanos, que proíbe comer e beber durante as horas do dia. Lá se vai a festa!!! Agora sério, entendemos que uma refeição nesta época do ano seja um problema sem precedentes para a crença de nossos funcionários muçulmanos..... Talvez a da Churrascaria Grill House possa assegurar o serviço de buffet até ao fim do dia - ou então, embalar tudo para que vocês leve para casa na marmita. O que vocês acham disso? Novidades: Neste meio tempo, consegui que os membros do Vigilantes do Peso sentem o mais longe possível do buffet de sobremesas e a mulheres grávidas sentem-se o perto possível dos banheiros; Homossexuais podem sentar-se juntos. Mulheres homossexuais não têm que se sentar com homens homossexuais, que terão sua própria mesa e sim, haverá um arranjo de flores no centro da mesa dos homens homossexuais. Para as pessoas que pediram permissão para trocarem de roupa, nenhuma troca de roupa será permitida. Teremos assentos mais altos para pessoas baixas. Comida com baixa caloria estará disponível para os que estão de dieta. Nós não podemos controlar a quantidade de sal utilizada na comida, desta forma, sugerimos para estas pessoas com pressão alta provar o gosto primeiro. Haverá frutas frescas de sobremesa para os diabéticos - o restaurante não dispõe de sobremesas sem açúcar. Nossas profundas desculpas. Esqueci-me de alguma coisa?
Patrícia

------

DE: Patrícia Gomes - Directora de Recursos Humanos
PARA: Todos os Funcionários $%&"$%
Data: 7 de Dezembro
Assunto: Festa de Final de Ano do C$%*#!!!
Vegetarianos!?!?!??! Sim, vocês também tinham que dar sua opinião de #$%*# ou reclamar de alguma coisa!!! Nós manteremos o local da festa na Churrascaria Grill House; quem não gostar, EXPLODA! Então, como alternativa, vocês podem sentar-se quietinhos na mesa mais distante da "churrasqueira da morte" - como vocês se referiram de forma bastante depreciativa ao utensílio, e vocês terão a porcaria da sua mesa de saladas, incluindo tomates hidropónicos da casa do c$%*#!!! & arrozinho grudento para comer de pauzinho mas aqueles (naturalmente haverão...) que não concordarem em usá-los podem enfia-los em outro lugar...
Mas como vocês devem saber, os tomates, eles também têm sentimentos! Os tomates gritam quando vocês os fatiam. EU mesma os ouvi gritar! Eu estou a ouvi-los gritar agora mesmo!!!!!

HÁ!!!! Espero que vocês todos tenham um péssimo final de ano!
A Vaca


------

DE: Jonas Bispo - Director de Recursos Humanos Substituto
PARA: Todos os Funcionários
Data: 14 de Dezembro
Assunto: Patrícia Gomes e Festa de Final de Ano
Tenho a certeza que falo por todos desejando para a Patrícia um rápido restabelecimento para sua crise de stress e continuarei a encaminhar as suas mensagens para ela no sanatório. Por conta deste facto, a directoria decidiu cancelar a Festa de Final de Ano e dar folga remunerada para todos na tarde do dia 23 de Dezembro.
Boas Festas!
Jonas

Votos de um Santo Natal para todos e respectivas famílias.
[O blogue vai ficar encerrado nos próximos dias (celebração do décimo quinto aniversário da RAEM e período natalício)]


Anjinhos e Árvores de Natal



Sabem porque é que as árvores de Natal têm um anjinho em cima?
É uma longa historia ...
Na véspera de um destes Natais, o Pai Natal estava muito aflito porque ainda não tinha embrulhado as prendas todas, tinha uma rena coxa e outra constipada.
Desesperado foi beber um copo, chega à adega e não havia nada.
Voltou à cozinha para comer alguma coisa e os ratos tinham comido tudo.
Para alegrar-lhe a vida, a mulher avisou-o que a sogra ia passar o Natal com eles.
No meio do desespero, tocam-lhe à porta.
Com a pressa de abrir a porta, tropeça e amassa a cara toda, começando a sangrar.
Abre a porta neste lindo estado e aparece-lhe um anjinho dizendo com uma voz angelical:
- Olá Pai Natal! Boas Festas! Venho visitar-te nesta quadra tão feliz, cheia de paz e amor. Trago-te aqui esta árvore de Natal. Onde é que queres que a meta?

Reis Magos


O que se teria passado, se, em vez de três Reis Magos, tivessem sido três Rainhas Magas?
- Teriam perguntado como chegar ao local e teriam chegado a horas.
- Teriam ajudado no parto e deixado o estábulo a brilhar.
- Teriam ainda preparado uma panela de comida e teriam trazido ofertas mais práticas.

Mas quais teriam sido os seus comentários ao partirem?
- Viste as sandálias que a Maria usava com aquela túnica?
- O menino não se parece nada com o José!
- Virgem! Pois está bem! Já a conheço desde o liceu!
- Como é que é possível que tenha todos esses animais imundos a viver dentro de casa?
- Disseram-me que o José está desempregado!
- Queres apostar em como não te devolvem a panela?

18 de dezembro de 2014

Os 15 anos da RAEM


A Região Administrativa Especial (RAEM) completa no final da semana o seu 15º aniversário.
Adolescente nada rebelde em relação às directivas recebidas da mãe-pátria, o bom aluno desse sonho do visionário Deng Xiaoping que é conseguir compatibilizar dentro de um mesmo país sistemas políticos, jurídicos e económicos completamente diferentes, a RAEM tem vivido com alguns sobressaltos, com algumas borbulhas no rosto, que lhe tiraram algum do poder de sedução que apresentava nos seus anos de maior esplendor.
Tudo começou com um enorme furúnculo, que nunca foi devidamente extirpado, que deixou marcas, cicatrizes.
E continuou com alguns excessos que só em parte se podem considerar próprios da juventude.
Já se sabe que vai ter uma nova equipa de educadores, mas está para se ver se essa nova educação, que se adivinha algo mais patriótica, resulta num novo comportamento agora que a maioridade se avizinha a passos largos. 
Ficaram no ouvido alguns recados da mãe-pátria, um pequeno ralhete até, chamando a atenção do adolescente que chegou a hora de ser mais responsável, mais comedido em alguns dos seus excessos, mais adulto.
Para que esses recados não caiam em saco roto até houve castigos, cortes na mesada.
Que podem continuar, e até ver-se agravados, se o adolescente não se souber comportar no futuro.
Chegou a hora de o adolescente se preparar para a vida adulta.
Será algo de semelhante a isto que o preceptor virá dizer no final da semana quando der posse à nova equipa de educadores.

O PSD vai ter um Canal próprio de TV



A não perder, pois para além do tempo de antena alargado é, ilusoriamente, anunciado como GRÁTIS.

O PSD vai ter um Canal próprio de TV

A equipa técnica, que está ainda em debate, deverá incluir:

Director Financeiro:Oliveira e Costa

Provedor de Ética:Miguel Relvas

Para além dos normais Telejornais, conduzidos por Manuela Moura Guedes, a programação deverá incluir, no prime-time, uma série de “talk shows”:

Segunda: Ás 10.00h -“CSI Oeiras”, com Isaltino de Morais. Ás 19.00h - Contas Certas, com Vitor Gaspar e às 20.00h - Certas Contas com Luis Filipe Meneses

Terça: "Portugal dos Pequeninos”, com Marques Mendes

Quarta: “Moda e Elegância”, com Carlos Abreu Amorim

Quinta: Ás 10h -“Macho Latino”, Pedro Mota Soares - Ás 19.00h - Orgulho GAY- com o convidado especial Paulo Portas

Sexta:“Ética nos Negócios”, com Dias Loureiro, moderador Ricardo Salgado.

Ao Sábado e ao Domingo, haverá dois Concursos de Cultura: “De onde sopra o Vento?”, com Marcelo Rebelo de Sousa, e “Quem matou a Velha?”, com Duarte Lima.

As manhãs da semana, serão abrilhantadas com um programa de Culinária: “Os meus Aventais”, com Luís Montenegro.

Para assegurar a total independência do canal, estão ainda pensados diversos debates de membros do Governo, com os principais líderes da oposição: Manuela Ferreira Leite, José Pacheco Pereira e Rui Rio.

Quinzenalmente, Alberto João Jardim animará um debate de Alcoólicos Anónimos

17 de dezembro de 2014

O processo de privatização da TAP e o memorando de entendimento com a troika


Em Macau, o bilinguismo resulta muitas vezes em intermináveis discussões acerca do significado de determinadas expressões, de determinados termos.
Uma fórmula que chegou agora à política portuguesa com a discussão a centrar-se no processo de privatização da TAP e no que estava previsto a esse propósito no memorando de entendimento com a troika, assinado em 17 de Maio de 2011.
Estaria prevista a privatização total, como defende o Governo, ou apenas parcial, como entendem António Costa e o PS?
Na versão original, em língua inglesa, estava prevista a alienação da empresa, não se prevendo um processo de privatização parcial ("However, we are committed to go even further, by pursuing a rapid full divestment of public sector shares in EDP and REN, and are hopeful that market conditions will permit sale of these two companies, as well as of TAP, by the end of the 2011.")
A tradução oficial portuguesa é em tudo similar - "O Governo compromete-se a ir ainda mais longe, prosseguindo uma alienação acelerada da totalidade das acções na EDP e na REN, e tem a expectativa que as condições do mercado venham a permitir a venda destas duas empresas, bem como da TAP, até ao final de 2011."
O próprio memorando já previa que, em caso de divergência entre as duas versões, prevalecia a versão inglesa - "o idioma da versão original e oficial do Memorando em referência é o inglês. A presente versão em português corresponde a uma tradução do documento original e é da exclusiva responsabilidade do Governo português. Em caso de eventual divergência entre a versão inglesa e a portuguesa, prevalece a versão inglesa."
Sem margem para dúvidas, se a questão se cingisse a uma  pura divergência de idiomas.
O problema no entanto vai bem para além disso.
O PS, na voz de António Costa, coloca o acento tónico no facto de se prever um encaixe de 5,5 mil milhões de euros com o programa, e apenas com alienação parcial das empresas de maior dimensão ("O plano tem como objectivo uma antecipação de receitas de cerca de 5,5 mil milhões de euros até ao final do programa, apenas com alienação parcial prevista para todas as empresas de maior dimensão.").
Estando esse montante já atingido, e prevendo-se que apenas se procederia à alienação parcial das empresas de maior dimensão, a TAP estaria enquadrada neste pressuposto e a sua alienação total não seria necessária.
O problema é que, logo a seguir a esta, vem uma outra previsão já aqui citada - o Governo compromete-se a proceder à venda da EDP, REN e TAP.
Goste-se ou não, concorde-se ou não, foi o que ficou acordado.
E os acordos devem ser cumpridos.
Ou, alternativa que é sempre possível, mas nem sempre viável, renegociados.
E António Costa também sabe isso muito bem.

Humor na terceira idade


1. Os sequestradores não se interessam mais por você.

2. De um grupo de reféns, provavelmente será um dos primeiros a ser libertado.

3. As pessoas lhe telefonam às nove da manhã e perguntam: 'te acordei?'

4. Ninguém mais o considera hipocondríaco.

5. As coisas que você comprar agora não chegarão a ficar velhas.

6. Você pode, numa boa, jantar às seis da tarde.

7. Você pode viver sem sexo, mas não sem os óculos.

8. Você curte ouvir histórias das cirurgias dos outros.

9. Você discute apaixonadamente sobre planos de aposentadoria.

10. Você dá uma festa e os vizinhos nem percebem.

11. Você deixa de pensar nos limites de velocidade como um desafio.

12. Você pára de tentar manter a barriga encolhida, não importa quem entre na sala.

13. Você cantarola junto com a música do elevador.

14. A sua visão não vai piorar muito mais.

15. O seu investimento em planos de saúde finalmente começa a valer a pena.

16. As suas articulações passam a ser mais confiáveis do que serviço de meteorologia.

17. Seus segredos passam a estar bem guardados com seus amigos,porque eles os esquecem.

18. 'Uma noite e tanto', significa que você não teve que se levantar para fazer xixi.

19. Sua mulher diz 'vamos subir e fazer amor', e você responde: 'escolha uma coisa ou outra, não vou conseguir fazer as duas!'.

20. As rugas somem do seu rosto quando você está sem sutiã.

21. Você não quer nem saber onde sua mulher vai, contanto que não tenha que ir junto.

22. Você é avisado para ir devagar pelo médico e não pelo policial.

23. 'Funcionou ', significa que você hoje não precisa ingerir fibras.

24. 'Que sorte!', significa que você encontrou seu carro no estacionamento.

25. Você não consegue se lembrar quem foi que lhe mandou esta lista.


PROPOSITADAMENTE, ESTE POST ESTÁ EM LETRAS GRANDES.

16 de dezembro de 2014

E depois do Occupy Central?


CY Leung, Chefe do Executivo da Região Administrativa Especial de Hong Kong (RAEHK), declarou formalmente o fim do Occupy Central.
Vitória, vitória, acabou a história?
Não acredito nesta versão simplista.
Teria sido mais correcto e prudente CY Leung declarar o fim da ocupação dos espaços públicos que já durava há cerca de dois meses e meio.
Numa sociedade profundamente dividida, fragmentada, com um Chefe do Executivo altamente impopular, exibindo sinais de evidente tacanhez política, sem que as reivindicações dos manifestantes tenham sido minimamente satisfeitas, os movimentos de protesto em Hong Kong, assumam a forma que venham a assumir, estão longe de ter um fim.
Estamos a assistir ao fim dos primeiros movimentos de protesto, ao fim do início desses movimentos.
Não será nada complicado, de resto até já foi publicamente assumido pelos líderes das várias sensibilidades envolvidas, adivinhar que outros protestos, provavelmente com outra configuração (a ocupação das ruas cansou os próprios apoiantes da causa em Hong Kong), se seguirão.
A bombástica declaração de CY Leung correspondia a profunda convicção ou seria apenas wishful thinking?
Mesmo vinda do cinzentão Chefe do Executivo da RAHEK inclino-me mais para a segunda hipótese.

4 OVOS, 4 SEMANAS, O MILAGRE DA VIDA.

15 de dezembro de 2014

Prenda de Natal Alentejana


Estou... é da GNR?
- É sim, diga!
- Queria fazer quexa do mê vizinho Maneli.Ele esconde droga dentro dos troncos para a larêra.
- Muito obrigado por nos ter avisado.
No dia seguinte os guardas da GNR estavam em casa do Manel.
Procuraram o sítio onde ele guardava a lenha, e usando machados abriram ao meio todos os toros que lá havia, mas não encontraram droga nenhuma e foram-se embora.
Logo de seguida toca o telefone em casa do Manel.
- Maneli, já foram os tipos da GNR?
- Já.
- E racharam-te a lenha toda?
- Sim
- Feliz Natal! Foi o mê presente deste ano!


(Desta vez o FerreiAmigo foi até ao Alentejo)

BOA SEMANA!!

O alentejano e o intelectual


Um alentejano apanha um comboio para ir ao Porto e senta-se ao lado de um senhor muito bem vestido.
O alentejano começa a olhar e pergunta:
Por acaso você nunca apareceu na televisão?
Ao que o Sr. responde:
- Sim, eu costumo ir a muitos concursos de cultura geral e por isso o Sr. deve conhecer-me daí. Como a viagem vai ser longa, você por acaso não quer fazer um jogo comigo?
Pode ser.-Respondeu o alentejano.
- Então fazemos assim: como eu tenho mais cultura que o Sr., você faz-me uma pergunta sobre um assunto qualquer e se eu não souber responder, dou-lhe 100 euros.
A seguir faço-lhe eu uma pergunta e se não souber a resposta, dá-me só 10 euros. Concorda?
Vamos a isso.- respondeu o alentejano confiante.
- Então eu faço-lhe a primeira pergunta. Diga-me o nome da pessoa que escreveu "Os Lusíadas", aquele poeta só com um olho, que dignificou Portugal?
O alentejano começa a pensar e passados alguns instantes diz:
- Nã sei. Ê não sei leri.
- A resposta era Luís de Camões. Dê-me os 10 euros e faça-me uma pergunta qualquer.
- Tomi. Bem, qual é o animali que se o encostar a um chaparro sobe-o com quatro patas e desce-o com cinco patas?
- Olhe, essa nem eu sei. - respondeu o homem muito admirado.
- Então passe para cá os 100 euros.
- Tome. Mas agora diga-me, que animal é esse?
- Tamém nã sei. Tome lá 10 euros.

Rimas no nosso Alentejo


Um jovem alentejano entra numa taberna e diz a seguinte quadra:

Um copinho de aguardenti
Dois copinhos de aguardenti
As meninas desta terra
Poem a genti quenti!

Ao que o pai de uma das meninas responde:

Um copinho de licori
Dois copinhos de licori
Levas c'um banco nos cornos
Passa-te ja o calori!

12 de dezembro de 2014

A Morte do porco


Passos Coelho e o motorista passeavam por uma estrada no Alentejo quando subitamente 
atropelaram um porco
 matando-o instantaneamente.
Passos Coelho disse então ao motorista que fosse até à quinta e explicasse 
o que tinha acontecido ao dono do animal.
Uma hora mais tarde, Passos Coelho vê o motorista a cambalear em direcção 
ao carro, com um charuto numa mão e uma garrafa de uísque na outra. 
A roupa estava 
toda amarrotada.
- O que é que aconteceu? - perguntou Passos Coelho.
O motorista respondeu:
- Bem, o dono da quinta deu-me vinho, a mulher, cigarros e a boa da filha de 19 anos fez amor comigo apaixonadamente.
- Meu Deus! Mas o que é que lhes disseste? - perguntou Passos Coelho?
- Sou o motorista do Passos Coelho e acabo de matar o porco!

(Todas do acervo do FerreirAmigo)
BOM FIM-DE-SEMANA!!

Judeu no bordel


Jacob era um judeu que morava numa pequena cidade do interior. 
Passaram-se 3 anos que a sua esposa tinha falecido e ele não havia conhecido outra mulher.
Estimulado pelos amigos e clientes masculinos da sua loja, ele resolveu aliviar o stress num bordel.
Ao chegar à famosa casa, todas as meninas reconheceram de imediato o Jacob, pois o judeu era conhecidíssimo não só por ter uma loja muito boa mas também pelas boas reservas financeiras.
 As meninas chegaram a empurrar-se para ver quem chegava mais perto do homem. 
Todas queriam agradá-lo e a recompensa financeira seria bem vinda.
Depois de algumas bebidas e carinhos, Jacob convidou a bela morena de cabelos longos :
- Você faz como a minha falecida Sarah fazia ?!?! Eu quero matar saudades !
A morena já com uma lágrima a soltar-se diz :
- Claro que faço, Jacobzinho !
E foram os dois para a cama, sendo tudo normal. 
Findo o "trabalho", a mulher perguntou :
- Afinal, o que é que sua falecida esposa fazia ? Pois para mim foi tudo normal !
E ele muito calmamente respondeu :
- A Sarah fazia sempre gratuitamente ! 


Moça do cafezinho


Numa grande empresa, havia uma linda moça, com os seus 25 anos, que servia o cafezinho.
O patrão da empresa era louco por ela.
Um dia, quando ela entrou na sua sala com o cafezinho, ele pediu-lhe que fechasse a porta à chave.
Tomou o cafezinho e, excitado, disse:
- Não se ofenda, mas eu dou 200 euros para tirar a blusa.
Ela guardou os 200 e tirou a blusa.
O patrão continuou:
- 300 para tirar a saia.
Ela guardou os 300 e tirou a saia, mostrando as suas lindas coxas.
Mais excitado ainda, disse:
- 500,00 para tirar o soutien.
Ela guardou os 500 e tirou o soutien, mostrando os seus lindos seios.
O patrão que já estava 'para lá de Bagdade', disse:
- Agora, 700 para tirar as cuecas.
Ela guardou os 700 e tirou as cuecas.
Com a voz trémula, disse entusiasmado:
- Diga, quanto é que quer para fazer amor comigo?
Respondeu inocentemente a moça:
- 50 euros que é o que eu cobro a toda a gente aqui na empresa...