Vamos falar de Hong Kong?


Donald Trump, nos intervalos dos jogos de golfe, diz umas coisas.
Tudo o que seja capaz de desviar as atenções do desastre que é a actuação da Administração Trump no combate à epidemia derivada do Covid-19 nos Estados Unidos é bom.
Pequim e Hong Kong resolveram ajudar mais uma vez Donald Trump neste seu combate sem tréguas.
A controversa legislação que está a ser preparada para aplicar em Hong Kong deu um jeitão a um Trump perfeitamente desnorteado.
De repente não se ia falar nos milhares de americanos infectados e mortos pelo Covid-19, num sistema de saúde completamente em ruptura, numa Administração incompetente, incapaz e cruel.
Trump deu a uma América sempre sedenta de um inimigo aquilo que essa América ansiava – um inimigo visível, assustador, odiado.
Esqueçam o vizinho que morreu porque não foi devidamente assistido nos hospitais.
Vamos falar de Hong Kong?
Tenho medidas “muito interessantes” para apresentar até ao final da semana.

Comentários

  1. Há que desviar a atenção da sua incompetência...
    Em vez de se debruçar sobre o grande problema resultante do covid-19, passa o tempo a levantar falsos testemunhos contra Joe Scarborough e está a começar uma grande “luta” com Twitter. E, tanto quanto sei, ainda não se pronunciou sobre o resultado da audiência de Meng Wanzhou.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Twitter vai ser tema amanhã, Catarina.
      Ultrapassada a barreira dos cem mil mortos nos Estados Unidos.
      Tudo o que seja não falar nisso é bom.

      Eliminar
  2. Uma coisa ninguém lhe pode negar. Ele não é esquisito. Lança mão de tudo o que lhe possa dar jeito, venha o assunto de onde vier, desde que ele possa desviar a atenção das asneiras dele.
    Um abraço e saúde

    ResponderEliminar
  3. Dispara em todas as direcções para desviar a atenção do mundo das suas cretinizes.

    Abraços e um bom dia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Só quem estiver muito distraído é que vai na conversa, Fatyly.
      Abraços

      Eliminar
  4. Trump é um especialista em pegar fogo ao palheiro do vizinho...
    Caro Pedro, continuação de boa semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que o palheiro dele está mesmo muito bem tratado, Jaime Portela.
      Aquele abraço

      Eliminar
  5. Quando não se está à altura do cargo, tenta-se desviar atenções....

    Isabel Sá  
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  6. Pedro
    Com os desviar de atenções, têm acontecido muitas crueldades no mundo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Maior crueldade que o país supostamente mais rico do Planeta deixar morrer mais de cem mil pessoas até agora de Covid-19 é complicado.

      Eliminar
  7. .´Trump não diz o que sabe, nem sabe o que diz...Um triste.
    .
    Deixando Felicitações amigas

    ResponderEliminar
  8. Um autêntico malabarista este Trump :P
    Distrai o povo com manobras de distracção impressionantes.
    Beijos Pedro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vamos ver se os americanos lhe dão um chuto nos fundilhos, Manu.
      Beijos

      Eliminar
  9. Trump e Bolsonaro são incompetentes, indiferentes ao sofrimento dos seus próprios povos, presas dos evangélicos... mas não enganaram ninguém, verdade seja dita. Quem votou nestas criaturas anstrusas sabia perfeitamente quem estava levando ao Pode máximo do respectivo país.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi o voto contra, São.
      Contra o PT no Brasil e contra Hillary nos Estados Unidos.
      Que grande cagada dali resultou num lado e noutro.

      Eliminar
  10. Este sujeito, na minha opinião, é um Narcisista perigoso! Os traços estão lá todos.
    Para ele o que importa é a Economia, não está minimamente preocupado com a população e o caos horrendo provocado pelo Covid-19. Assim, tudo o que seja atrair a atenção para o que lhe interessa, é nato e, fá-lo com mestria. Pobres, os que estão nas suas mãos, estejam ou não de acordo com as suas 'ideias'.

    Beijo de Lisboa. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cruel, Alexandra, cruel.
      O que é que interessa ter tanta gente infectada e morta?
      Beijo

      Eliminar
  11. Ele vai para o lado que for o vento. Quem morreu, morreu...Bebessem lixivia! Lol
    Um estúpido!

    -
    Enquanto a vida for vida tens a minha gratidão.

    Beijos e uma excelente tarde! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ele deve ter bebido para ter os neurónios naquele estado :))
      Beijos

      Eliminar
  12. Que moral tem Trump para falar de quem quer que seja?
    Claro que se percebe o aproveitamento por si feito, em relação a Hong Kong. A cereja no topo de um bolo mal confeccionado mas, ainda assim, suficientemente doce para servir.
    Falar de Trump começa a ser fastidioso, doloroso até.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  13. No mundo em que eu pensava que vivia um Trump não ganhava eleições. Neste em que efectivamente vivo tornou-se talvez uma das figuras mais poderosas do globo. E nem entendo por que me surpreendem os resultados. Este é o mundo real, aquele em que temos de viver e conviver .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Trump, Bolsonaro, Duterte, Putin, essa gente ganhou eleições, bea.

      Eliminar
  14. Um demagogo, um "little man" como lhe chamou A. Cooper na CNN. Claro que chegados aos 100 mil mortos( que ele afiançou nunca chegariam) há que retirar importância à desgraça. Como? Mudando de assunto e meter-se em assuntos da vida interna de outros países... Veio mesmo a calhar o que infelizmente se está a passar em Hong-Kong.
    Esta demagogia toda, agrada aos seus seguidores... Faz lembrar os ditadores que usam mesma tática noutros países, para ofuscar a desgraça dos seus povos, tipo Maduro.
    Cumprimentos da Maria do Porto

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aos que tinha apontado na resposta acima podemos acrescentar Maduro.
      Livres ou não, ele também ganhou eleições.
      Cumprimentos de Macau

      Eliminar
  15. A desviar as atenções. E o tempo passa, as eleições a chegar, o desemprego a aumentar e ... a vacina que não aparece.

    ResponderEliminar
  16. Incompetente, narcisista, desumano.
    Se for reeleito perco a pouca esperança que ainda tenho na humanidade.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dos americanos há sempre que esperar o pior, Magui.
      São capazes de coisas que não cabem na cabeça do mais louco dos loucos.

      Eliminar
  17. Essa vem sendo uma regra entre muitos governantes, de tentarem desviar a atenção da gravidade do que está ocorrendo. Tem sido prejudicial para todos, um segundo vírus que assola a sociedade: o Vírus político.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O tonto e cretino que governa o Brasil, Winderson Marques.
      Corram-no, por favor, o Brasil não merece essa coisa.

      Eliminar
  18. Inenarrável, Pedro, este cretino é inenarrável.
    Votos de bom fim de semana para si e suas princesas.
    Aquele abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E perigoso, muito perigoso, Ricardo.
      Aquele abraço, boa semana para si e as mais que tudo

      Eliminar
  19. Um tolo perigoso.
    Se a mim já me enoja tanta idiotice... imagino aos americanos. Alguns!
    Beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Alguns, alguns.
      Porque ainda há muito boa gente que o acha fantástico.
      Beijo

      Eliminar
  20. Será que com tudo isto ainda irá ser re-eleito?

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares