21 de maio de 2019

Balanço da Liga NOS 2018/2109


A Liga NOS 2018/2019 chegou ao fim e é chegado o momento de, com cabeça fria, fazer o balanço da época destacando a figura, o momento e o mais negativo.

A Figura.

Sem sombra de dúvida, Bruno Lage.
Uma lufada de ar fresco no ambiente bafiento do futebol português, o treinador do Benfica foi uma surpresa em toda a linha.
Muito competente, muito trabalhador e dedicado, Bruno Lage provou que é possível ser bem educado, ter um comportamento cívico próximo do exemplar (o momento das celebrações da vitória fica nos livros), e ganhar, estar próximo da perfeição a nível competitivo.
Bruno Lage pegou na equipa do Benfica num momento delicado, deu tranquilidade a todo o plantel, injectou confiança nos jogadores e adeptos, ao mesmo tempo que ia promovendo jovens talentos que tão bem conhecia.
Se na vertente desportiva Bruno Lage conseguiu feitos difíceis de igualar (número de golos marcados, número de vitórias consecutivas, número de pontos conquistados), na vertente da cidadania, do respeito pelos adversários, da pacificação do ambiente à volta do futebol, aí verdadeiramente Bruno Lage goleou.

O Momento.

O momento da Liga NOS é a vitória do Benfica no Estádio do Dragão.
Mais que quaisquer erros, que todos cometeram e vão voltar a cometer, o momento da Liga NOS é a vitória do Benfica no Dragão.
Porque representou a alteração na liderança, porque evitou que o Porto cavasse uma distância difícil de alcançar para o Benfica, porque injectou confiança no Benfica enquanto lançava a dúvida no Porto.
Ao contrário do que muitas vezes se repete, a Liga ficou este ano decidida no confronto directo entre os dois clubes que até ao fim disputaram o primeiro lugar (duas vitórias do Benfica e duas derrotas do Porto).

O Mais Negativo.

O mais negativo voltou a ser o ambiente de acusações mútuas, a sombra de suspeição, a violência gratuita, o desrespeito entre adversários.
Um ambiente em tudo alimentado por polémicas artificias tantas vezes criadas para vender jornais e conseguir audiências televisivas.
Mais uma vez, como tem acontecido em tantas outras épocas, nestas vertentes a Liga NOS 2018/2019 não deixa saudades.

43 comentários:

  1. Confesso que nem fiquei triste com a vitória do Benfica, porque sinto uma grande simpatia pelo BRUNO LAGE. O Pedro descreve-o exactamente como eu o vejo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Julgo que nesse sentimento há unanimidade, Teresa.
      Parece um personagem estranho no mundo tresloucado e mal educado da bola.

      Eliminar
    2. À excepção do Papa Francisco, as nossas opiniões são pouco divergentes, não é verdade, Pedro?

      Hoje, tinha na mente uma outra publicação no *ematejoca azul*, este excelente balanço, fez-me mudar de ideias.

      Eliminar
    3. O Papa Francisco é um homem, Teresa.
      Com defeitos, como todos os outros.
      Mas continuo a pensar que, apesar dos defeitos, é a grande referência neste Mundo de loucos.

      Eliminar
  2. Bom dia
    Subscrevo totalmente tudo o que disse , independentemente de ser Benfiquista , mas há um ponto que para mim também teve alguma influencia no desempenho do FCP, que foi a contratação e entrada imediata de um jogador que não esta em causa a sua qualidade , mas que mexeu muito na solides da defesa do Porto . Sabem com certeza de quem estou a falar .
    Esta é só a minha opinião .
    JAFR

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bingo, Joaquim Rosário.
      Não pode ser coincidência que a entrada do Pepe, e o desvio do Militão para o lado direito da defesa, seja o período de maior instabilidade do Porto.

      Eliminar
  3. Incapaz de discorrer com tanta clarividência, subscrevo a sua análise. E também gosto muito do Bruno Lage.
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Temos que saber grandes na vitória e na derrota.
      E ele soube ser grande na vitória.
      Um exemplo infelizmente pouco seguido.
      Abraço

      Eliminar
  4. Concordo plenamente e ainda fico mais satisfeito pelo facto de Bruno Lage ser um Setubalense.
    Um abraço e boa semana.

    Andarilhar
    Dedais de Francisco e Idalisa
    O prazer dos livros

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não sabia que ele era setubalense, Francisco.
      Mourinho, Bruno Lage, Setúbal é terra de bons treinadores.
      Aquele abraço

      Eliminar
  5. Gosto muito do Bruno Lage e transcrevo palavras dele:" Futebol é apenas futebol,há coisas mais importantes na nossa sociedade pelas quais temos de lutar"
    Penso que é um ser humano especial.
    Beijos Pedro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Até destoa no meio futebolístico, Manu.
      E sabe que ganhar que é coisa que poucos sabem.
      Beijos

      Eliminar
  6. Parece não parar o clima de violência no desporto...


    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se aparecerem mais Bruno Lage há esperança, Isabel Sá

      Eliminar
  7. Subscrevo todas as suas palavras meu caro amigo Pedro! Bruno Lage de facto goleou com civismo e respeito pelos adversários!

    Com o meu abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há muita gente que nem sabe perder nem ganhar, António Querido.
      Bruno Lage é um bom exemplo para ser seguido.
      Aquele abraço

      Eliminar
  8. Parabéns pelo seu humilde e sincero texto!Obrigada.

    Hoje, passo a palavra aos meus leitores ...
    .
    Momentos...
    Beijo e um excelente dia!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Toda a gente sabe que sou portista, Cidália Ferreira.
      Recuso é ser cego, o pior dos cegos, o que não quer ver.
      Beijo

      Eliminar
  9. Respostas
    1. Chico Buarque é este ano o vencedor do Prémio Camões!!

      Eliminar
  10. Este texto de uma isenção e objectividade exemplares, deveria ser lido por todos os adeptos do desporto rei, independentemente do clube da sua preferência.

    Parabéns Pedro!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não percebo os ódios no futebol, Janita.
      Não é uma guerra, é um jogo.
      Beijinhos

      Eliminar
  11. Habituado à isenção do Pedro, tenho muito mais facilidade em concordar com o seu texto. Que representa o facto de se poder ser um bom desportista, apreciador do 'fenómeno', sem ter que ser fanático.
    Bem haja por ser como é, meu caro.
    Um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gosto de futebol e gosto de pessoas educadas, António.
      Não é preciso ser mal educado, arruaceiro, para ter sucesso.
      Aquele abraço

      Eliminar
  12. Nada como um bom desportista, acima de tudo...

    Bjos
    Votos de uma óptima terça :))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem esquecer as nossas paixões (sou portista) tentar ter alguma isenção, Larissa Santos
      Bjs

      Eliminar
  13. Sou do FCP e embora me "revolte"algumas coisas passadas neste campeonato, admito que Bruno Lage fez um grande serviço.
    Cumprimentos da Maria do Porto

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Houve erros, alguns grosseiros, mas de todos, Maria do Porto.
      Até de jogadores, equipa técnica e directiva do Porto.
      Agora é preciso ver quais foram para não se repetirem.
      Cumprimentos

      Eliminar
  14. Sou sportinguista mas presto preito a Rui Vitória, que sempre me pareceu correcto, e a Bruno Lage que está de parabéns pela postura, mais ainda do que pela conquista do campeonato.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Rui Vitória não me convencia tanto, como treinador e pessoa, como o Bruno Lage, São.
      Sou portista, não sou cego.

      Eliminar
  15. Acho que o mais negativo deste campeonato foi as tv estarem 4 dias a falar na vitória do benfica buaaaaaaaaaaaa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O assunto vende, Mena Almeida.
      Porque é que acha que ainda continuam, e com grandes audiências, aqueles pseudo-debates?

      Eliminar
  16. O futebol é complicado,
    todos gostam de vencer
    seja qual for o campeonato
    ninguém gosta de perder!

    Continuação de boa semana caro amigo Pedro Coimbra. Um abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ninguém gostar de perder e desrespeitar os outros são coisas muito diferentes, amigo Eduardo.
      Aquele abraço

      Eliminar
  17. Uma belíssima análise com a qual concordo plenamente, Pedro !
    Bruno Lage a maior surpresa do ano ;
    Os confrontos entre Benfica e Porto, absolutamente decisivos !
    No entanto, a "podridão" desportiva, das direcções , das claques e de grande parte dos adeptos ! ... e é pena ! :(

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E ainda não percebi para quê esse ambiente de guerra, Rui.
      É bola, porra!
      É diversão, há coisas MUITO mais importantes na vida.
      Aquele abraço

      Eliminar
    2. :(( É doença, é fanatismo puro, é perda de consciência e de valores !!! :((
      Já reparou que as pessoas trocam de partido político, trocam de mulher, trocam de tudo menos do seu fervor clubístico ?!
      E o seu fanatismo tira-lhes toda a capacidade de verem as coisas com imparcialidade !
      Estou até em crer que muitos desses "conseguem ver" (julgando) conscientemente o contrário do que para os opositores é demasiado evidente !
      Creio que eles se chegam a convencer que o que "vêem" (ou julgam ver é o que está certo ! :((

      Abraço, Pedro

      Eliminar
    3. Tinha um tio que dizia quer seria benfiquista e comunista atá à morte, Rui.
      Cumpriu a promessa.
      Aquele abraço

      Eliminar
  18. Concordo inteiramente.
    Mais o Benfica ganhou porque o Porto perdeu. Tão simples como isto. Não é necessário andar a semana inteira a ouvir, ver e ler os ditos comentadores especialistas que alimentam a esquizofrenia clubística.
    Abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comentadeiros e ceguinhos, Agostinho.
      Abrem a boca e entra mosca ou sai...trampa.
      Aquele abraço

      Eliminar
  19. Para completar o ramalhete o absurdo das equipas estarem reféns das "claques".

    Viva o SLB

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quando os clubes deixarem de apoiar financeiramente esses bandos essa escumalha desaparece, Magui.
      Se os ingleses controlaram os hooligans nós não conseguimos controlar estes trogloditas??

      Eliminar
  20. Entonces, la gran pregunta sigue siendo: ¿Cómo podemos curar el VIH? Aquí está la respuesta el Dr. Itua tiene una cura y él
    salva mi vida de la miseria, compartiré esta ronda en todos los blogs para que todas las patentes de VIH / SIDA puedan curarse
    con este Hombre Maravilloso (Dr. Itua), el Dr. Itua curó mi VIH y también me asegura que también puede curar
    Las siguientes enfermedades: VIH / SIDA, Cáncer de mama, Cáncer de leucemia, Cáncer de pulmón, Cáncer de sangre, Cáncer de cerebro, Cáncer de próstata, Cáncer de Skinn, Cáncer de riñón, Infertilidad, Lotería, Virus del herpes, Amor, Cáncer Colo-Rectal, Epilepsia, Diabetes ,
    La hepatitis y otros problemas de salud, tomaron su medicina herbal por dos semanas y después de dos semanas.
    Fui al diagnóstico y luego descubrí que estaba curado y sano como nunca antes. Aquí está el contacto del Dr. Itua, si está
    una persona enferma ¿Qué es la llamada de la aplicación. + 2348149277967 y luego correo. info@drituaherbalcenter.com---- drituaherbalcenter@gmail.com y para todas las personas que padecen VIH / Herpes, el virus obstinado, el Dr. Itua devolverá su vida.

    ResponderEliminar