17 de maio de 2017

A Coreia do Norte a testar os limites da paciência de Trump?


Empresas de segurança informática norte-americanas estão a ligar os ataques informáticos que fizeram espalhar o vírus ransomware um pouco por todo o Mundo a piratas informáticos norte-coreanos.
O vírus ransomware encripta os dados informáticos do utilizador e bloqueia o acesso aos mesmos até que seja pago um resgate aos piratas que desencadeiam estes ciberataques.
Mais do que os ataques em si mesmos, e os incómodos e malefícios que dos mesmos directamente resultam, confesso que me preocupa a crescente tensão entre os Estados Unidos e a Coreia do Norte que os mesmos representam.
Parece (oxalá não seja assim...) que os norte-coreanos estão a testar os limites da paciência norte-americana.
Um exercício que, a ser real, é muito arriscado quando na Casa Branca se senta um louco irresponsável.
O mesmo louco irresponsável que parece estar a recolher dados, provas, que justifiquem uma qualquer intervenção armada na Coreia do Norte.
Quando um doido varrido testa a paciência de um louco irresponsável fazendo tábua-rasa das sanções que lhe são impostas, repetindo testes com mísseis balísticos que se julga serem mais e mais sofisticados, ataca outros países por via informática e procura chantagear esses países no intuito de obter fundos que lhe permitam continuar a sua corrida armamentista, temos todos que ficar seriamente preocupados e pensar se os avisos do grupo Anonymous no sentido de estarmos à beira de um terceiro conflito a nível mundial, com norte-coreanos e norte-americanos como instigadores, não serão afinal demasiado reais para ser ignorados.

34 comentários:

  1. O nosso amigo CBO palpita que possa ser a Alemanha a iniciar o terceiro grande conflito já que começou ou incitou os dois anteriores.

    Por breves segundos já tenho posto em dúvida as notícias do Washington Post e do New York Times sobre Trump. Por breves segundos apenas... depois recordo tudo aquilo que ouvi durante a campanha e desde que foi eleito e fico sem dúvidas. Esta semana foi uma semana de caos como deve saber. Devo prestar mais atenção ao que se passa no meu país, para além de gostar a valer do nosso primeiro ministro.
    Boa noite!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Alemanha não acredito que possa voltar a essa aventura, Catarina.
      Americanos e norte-coreanos, esses sim.

      O Canadá é quase um paraíso neste mundo de loucos.

      Sonhos cor-de-rosa.

      Eliminar
  2. Olá Pedro,
    alguém pode estar alguma vez tranquilo Pedro ?!
    a imaginação diabólica dos humanos parece ilimitada
    e quem trabalha para o mal, é tão bem aceite como quem trabalha para a harmonia do mundo
    feliz dia para si,
    paz é um bem muito precioso

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Confesso que me começo a assustar seriamente com esta escalada de tensão entre dois verdadeiros loucos.
      De um lado e do outro podemos esperar tudo de mau, Angela.

      Eliminar
  3. Por este andar o conflito está cada vez mais próximo.
    O mundo infelizmente está na mão de alguns loucos e o mais triste é que alguns deles foram eleitos "democraticamente".
    Um abraço e boa semana.

    Andarilhar
    Dedais de Francisco e Idalisa
    Livros-Autografados

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quantos dos maiores ditadores foram eleitos democraticamente, Francisco?
      Estes dois gaseados andam a assustar-me a sério.
      Aquele abraço

      Eliminar
  4. Os ataques informáticos podem vir a desencadear a terceira guerra mundial, desorganizando o mundo tal como o conhecemos. Estando os destinos do mundo entregues a dois garotos mimados, como parece acontecer agora, as probabilidades de isso acontecer aumentou consideravelmente.
    Abraço, Pedro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é possível prever com o mínimo de certeza o que vai nas mentes perturbadas daqueles dois alucinados, Agostinho.
      Aquele abraço

      Eliminar
  5. Para mim a IIIGGM Já começou há muito, quer a nível económico, quer informático, e até mesmo a nível militar. O facto de não ser uma guerra abertamente declarada, não quer dizer que não exista...

    Abraço :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O meu receio é que passemos das ameaças, da retórica, da informática, ao conflito armado, Cláudio Gil.
      Com consequências devastadoras e impossíveis de prever.
      Aquele abraço

      Eliminar
  6. Eu penso que já estamos numa guerra , só que ainda nãi declarada.

    Fiquei espantada com o vídeo anterior!

    Tudo de bom, Pedro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Até agora não passámos da retórica, São.
      Ainda há pouco ouvia o Presidente sul-coreano a declarar estar pronto para o diálogo e para a guerra.
      Os dois extremos.
      Tudo com uma naturalidade arrepiante.

      O vídeo abaixo só surpreende quem não conhece o Japão.
      Um povo, uma civilização, mesmo muito especiais.

      Tudo de bom também.

      Eliminar
  7. Eu não digo nada, sinceramente, mas as empresas mais visadas não foram as Norte-Americanas, pelo menos pelo que tenho ouvido na comunicação social..
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso não impede os norte-americanos de assumirem aquela postura de polícias do mundo que tanto lhes agrada, Chic'Ana.
      Mais a mais com Trump ao leme.
      Beijinhos

      Eliminar
  8. Tambem me pergunto se nao estamos a beira duma terceira guerra mundial, com tantos loucos no poder! Espero bem que nao!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E estes dois (Trump e Kim) serão mesmo dos mais alucinados, Sami.
      É mesmo caso para ter medo, muito medo.

      Eliminar
  9. Eu não sei quem está mais louco Pedro......

    Beijinhosss ;*
    Blog Resenhas da Pâm

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se calhar os milhões que votaram em Trump, Pamela Sensato.
      Beijinhos

      Eliminar
  10. Guerra declarada é, queiramos ou não, as diversas acções terroristas que sausaram já, em todo o mundo, quase tantas mortes como a primeira ou a segunda guerras mundiais.
    Esta 'troca de galhardetes' entre os EUA e a Coreia do Norte, se bem que conduzida por dois loucos, não me parece ter pernas para andar.
    Ambos os líderes sabem que 'no botão' não se pode tocar de ânimo leve.
    Não é disto, confesso, que tenho medo.

    Um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu tenho, Antonio.
      Ainda ha pouco via o Presidente sul-coreano declarar muito solenemente que a Coreia do Norte, o inimigo (sic), está prestes a ter tecnologia nuclear, se é que não a tem já, e que terá também mísseis capazes de fazer chegar essas ogivas não se sabe bem onde.
      Mais, que perante este cenário, o exército sul-coreano que ele visitava oficialmente, tem que estar preparado para a guerra a qualquer momento.
      Tenho medo, tenho muito medo.
      Aquele abraço

      Eliminar
  11. Cada vez há mais alemães a acreditar que o reinado de Donald Trump está por um fio. Embora, seja qual for o americano que seja o próximo presidente não deixa que o adolescente coreano continue a fazer tropelias. Não se esqueçam​ o que aconteceu no Iraque. Com os americanos não se brinca.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Essa possibilidade, embora possa ter fundamentos legais, não se me afigura muito provável.
      Para os americanos é muito mais grave o sexo oral que a divulgação de segredos de Estado e a interferência noutros ramos do poder, Teresa.

      Eliminar
  12. Temo o que possa acontecer...mas haverá que quem vá travar estes loucos.

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não vejo quem, Fatyly.
      Estes dois furiosos não respeitam nada nem ninguém.
      Beijocas

      Eliminar
  13. Eu também tenho muito medo, amigo Pedro.

    2 loucos é verdadeiramente explosivo!!!

    Um abraço.

    Irene Alves

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um já seria muito, dois é dose para leão, Irene Alves.
      Um abraço

      Eliminar
  14. Vizinho...
    Nao tarda muito e daqui da minha janela vejo passar os mísseis
    Kis =}

    ResponderEliminar
  15. A III Guerra Mundial já começou e creio que a Coreia do Norte não é um dos actores principais, mas dá jeito aos EUA e até à Rússia fazer passar essa ideia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Alemanha está mais preocupada com guerras comerciais e com o domínio na Europa, Carlos.
      Não são os alemães que me metem medo.

      Eliminar
  16. Dois loucos varridos que podem dar cabo do que resta da paz no mundo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com um pequeno gesto, Graça, basta um pequeno gesto.

      Eliminar