10 de março de 2016

Um tresloucado muito perigoso


O regime norte-coreano resolveu passar da ameaça retórica a (mais) uma demonstração de força.
Depois de Kim Jong-un ter anunciado que os progressos armamentistas norte-coreanos teriam hipoteticamente permitido ao regime criar ogivas nucleares de reduzidas dimensões, capazes de ser disparadas a partir de mísseis balísticos e susceptíveis de rapidamente atingirem os grandes inimigos, Coreia do Sul e Estados Unidos, ontem Kim Jong-un resolveu disparar dois mísseis balísticos de curto alcance, os quais, depois de terem percorrido uma distância de cerca de 500 quilómetros, se despenharam no chamado Mar do Japão, ao largo do porto norte-coreano de Wonsan.
Aquela figura reboluda e ridícula que é Kim Jong-un já nos habituou a estas diatribes sempre que há exercícios militares conjuntos das tropas americanas e sul-coreanas, ou sempre que precisa de algum alívio nas inúmeras sanções que isolam e estrangulam a Coreia do Norte. 
No entanto, e é esse facto que torna este exercício mais perigoso que todos os outros, este disparo de mísseis de curto alcance encerra uma mensagem que deve ser encarada com toda a seriedade. 
Kim Jong-un, depois de revelar a hipotética existência de ogivas nucleares de tamanho reduzido, mostra agora que também possui os mísseis necessários ao disparo dessas ogivas. 
Do regime norte-coreano, fechado, isolado, reclusivo, demente, é praticamente impossível afirmar o que quer que seja com um razoável grau de certeza. 
No entanto, sendo facilmente perceptível que Kim Jong-un é muito provavelmente o mais tresloucado e facínora de toda a dinastia Kim, será absolutamente necessário que a comunidade internacional procure certezas onde subsistem dúvidas e impeça o cretino demente de cair na tentação de levar adiante um gesto de consequências devastadoras e imprevisíveis. 
Porque, e essa dúvida subsiste, ninguém é capaz de dizer que Kim Jong-un não seja capaz de dar esse último passo.

35 comentários:

  1. A humanidade espanta-me. Como é que tipos como este estão no poder quando deveriam estar enfiados numa camisa de forças?! A resposta talvez seja, porque há muitos dementes a segui-lo e a "amparar-lhe" a loucura!

    Poderíamos levar um certo estudo a bom porto, poríamos este senhor e o Trump fechados durante uns tempos numa sala.O que daria dali?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O tresloucado norte-coreano tem sobrevivido, muito graças à mão protectora da China, Golimix.

      Este minorca e o cowboy fechados numa sala seria o cenário ideal para um filme de dementes - The Lunatics Have Takan Over the Asylum :))

      Eliminar
  2. Mas como é que é possível um povo ir atrás e venerar um "bicho" destes.
    Um abraço e continuação de uma boa semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nunca lhes foi dado conhecer mais nada nem mais ninguém, Francisco.
      Tão simples como isso.
      Desde pequeninos foram formatados para pensar que estavam perante figuras divinas.
      Aquele abraço, continuação de boa semana também

      Eliminar
  3. Concordo em absoluto. Nestas situações a dúvida não pode continuar a persistir, há que ter certezas e agir em conformidade...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Chic' Ana,
      O irmão renegado, Kim Jong-nam vivia aqui em Macau como um príncipe.
      E os filhos frequentavam a mesma escola que as minhas filhas.
      Os putos da escola chamavam-lhes precisamente príncipes.
      Até ao dia que foram obrigados a fugir daqui para escapar à fúria deste palmo e meio demente.
      Este cretino é mesmo muito perigoso!

      Eliminar
  4. Ele, o pai e o avô sempre souberam com quem lidavam. Malucos todos somos um pouco, mas sabem como o Mao lidar com tigres de papel.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. aguerreiro,
      O que mantém o regime norte-coreano é o apoio chinês.
      Que está progressivamente a desaparecer.
      Só ainda não desapareceu em absoluto porque a China tem medo de, de um momento para o outro, ver as suas fronteiras pejadas de norte-coreanos.
      No dia em que Pequim tirar definitivamente o tapete aos Kim o regime estatela-se e desfaz-se.
      Mais uma razão para se procurar saber onde acaba a retórica, o bluff, e onde começa a realidade do arsenal militar norte-coreano.

      Eliminar
  5. Este homem é um perigo mas, alguém disse numa entrevista televisiva - salvo erro na BBC - que Kim Jong-un está controlado e poderá caír.
    A Coreia do Norte parece não se rever neste lunático mas as ditaduras são o que são.

    Um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lil ' Kim cai quando Pequim lhe tirar o tapete, António.
      É isso já começou a acontecer.
      Aquele abraço

      Eliminar
  6. Comecei a ficar seriamente assustado, quando a China se demarcou das posições dele. No entanto, sempre disse, que o Ocidente em vez de se preocupar com o Iraque ou andar a fomentar a Primavera Árabe, deveria preocupar-se mais com esse louco.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A China também já começa a perceber que este é o mais destrambelhado da Kim, Carlos.
      Capaz de tudo, de coisas que não passam pela cabeça de ninguém.
      E se há coisa que Pequim odeia, como ambos sabemos, é falta de controlo, são surpresas em assuntos de política externa.
      Se não fosse o receio de ver as fronteiras cheias de norte-coreanos, Pequim já tinha dado o golpe de misericórdia ao minorca.

      Eliminar
  7. Caro Amigo Pedro Coimbra.
    É muito desalentador e asssutador quando nos damos conta que um governante padece de doença mental e não aceita esta condição patológica.
    Caloroso abraço. Saudações adoecidas.
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver sem véus, se ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Amigo João Paulo de Oliveira,
      Também acho que o comportamento deste ser abominável só pode ser explicado no quadro de qualquer patologia.
      Aquele abraço

      Eliminar
  8. Se Trump chega à Casa Branca( e dada a insanidade de grande parte da sociedade estado-unidense isso é possível) o planeta corre perigo pois teremos duas criaturas dementes no Poder!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem quero pensar na possibilidade de termos a comandar os destinos de duas nações possuidoras de arsenais nucleares dois loucos como esses, São!!

      Eliminar
  9. Que as dúvidas possam ser tiradas para que esse louco não cometa tais barbaridades.

    Beijinho Pedro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já anda a cometer muitas barbaridades e há muito tempo, Adélia.
      As principais vítimas são os pobres norte-coreanos.
      Beijinhos

      Eliminar
  10. Pedro isto não será a maneira mais saudável de celebrar a Páscoa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois não, Angela.
      Mas é a mais pura e dura realidade.

      Eliminar
  11. Deste "porco-em-pé" completamente doido varrido, tudo é de esperar, Pedro!
    A criatura é abominável. :(

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Realmente a criatura tem aspecto de bácoro, Janita :))
      Mas um bácoro muito perigoso.
      Beijinhos

      Eliminar
  12. Há uma frase de Arthur Schopenhauer que é perfeita para definir este louco.
    "Nem todos os loucos ou burros são fanáticos, mas todos os fanáticos são loucos ou burros.
    Vejo tudo isto com muita preocupação.

    Um beijinho


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E é para estar preocupado, Fê.
      Esta criatura é capaz de tudo.
      Disso não tenho dúvidas.
      Beijinhos

      Eliminar
  13. Respostas
    1. Horrível é ser muito simpática, Diana Fonseca

      Eliminar
  14. ~~~
    Concordo - em absoluto - consigo.
    ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

    ~~~ Beijinhos. ~~~

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho muito medo desse doido, Majo!!
      Beijinhos

      Eliminar
  15. Ora viva amigo Pedro! Infelizmente, a minha navegação está muita calma, fruto das vicissitudes da vida. E como os meus olhos são também o meu calcanhar de Aquiles, fico-me por pequenas incursões neste mundo virtual, às vezes bem real.
    Até parece impossível haver alguém chamado Kim, (até me apetece mudar de nome) a governar um país, com tirania tamanha. O homem é louco e vai acabar com Ceausescu, Hitler, Pol Pot, e tantos outros ditadores! Grande abraço amigo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Na Coreia do Norte, não sei, Kim.
      Os norte-coreano nascem e vivem isolados do resto do mundo.
      Nascem e vivem numa bolha criada por aquela família de loucos que, ainda por cima, os intoxica e os leva a pensar que, sem eles, seriam alvo dos tais grandes inimigos.
      Como será possível mudar isto?
      Eliminando aquela dinastia de tiranos???
      Aquele abraço

      Eliminar
  16. É, de facto, preocupante. E o mundo não está a salvo dos loucos. Também começa a dar que pensar o rumo do processo eleitoral nos EUA. Nem posso acreditar que Trump venha a ser uma opção.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Para assustar um pouco mais, imagine o que seria uma mundo com Trump e Kim Jong-un, luisa.
      Até tremo!

      Eliminar
  17. Não se perspectivam boas coisas desse louco, especialmente se outro louco chegar ao poder na América.
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Espera-se o pior, Elvira Carvalho.
      Um abraço, Bfds

      Eliminar