22 de abril de 2014

E ainda dizem que as loiras são burras



No escritório:

- Conheço uma maneira de conseguir uns dias de folga! - diz o
empregado à sua colega loira.
- E como é que vais fazer isso? - diz a loira.
- Vou demonstrar.
Nisto, ele sobe pela viga, e pendurou-se de cabeça para baixo no
tecto.
Nesse momento o chefe entrou, viu o empregado pendurado no tecto
e perguntou:
- Que diabo você está a fazer aí?
- Sou uma lâmpada. - respondeu o empregado.
- Hummm...acho que você precisa de uns dias de folga. Vá p'ra casa.
Ouvindo isto, o homem desceu da viga e dirigiu-se para a porta.
A loira preparou-se imediatamente para sair também.
O chefe puxou-a pelo braço e perguntou-lhe:
- Onde você pensa que vai?
- Eu vou pra casa! Não consigo trabalhar às escuras!!!...

19 comentários:

  1. eheheheh. Algum dia tinha que acontecer... um lapso de inteligência. :))))

    ResponderEliminar
  2. Se ao menos a loira tivesse uma ideia luminosa ... já via.
    :)
    Abraço

    ResponderEliminar
  3. Essa era loira oxigenada, Pedro!:))

    Essas são muito dissimuladas!!!! :))

    Beijinho.

    ResponderEliminar
  4. Essa era loira oxigenada, Pedro!:))

    Essas são muito dissimuladas!!!! :))

    Beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não está a pensar numa certa "presidenta inconseguida", pois não, Janita?? :))))

      Eliminar
  5. É verdade, Pedro, acho que o patrão é que devia ser loiro...:)

    ResponderEliminar