25 de abril de 2013

Até no futebol Frau Merkel?!


Já se sabia que a Alemanha, por estes dias,  domina nas vertentes política e económica na Europa.
O que ainda não se sabia era que também dominava na vertente futebolística.
Os alemães não tiveram piedade de uma Espanha em profunda crise e humilharam os colossos Barcelona e Real Madrid.
Num caso e noutro, com quatro golos.
Os merengues ainda marcaram um golo (Cristiano Ronaldo) mas viram Lewandowski, presumivelmente já contratado pelo Bayern, fazer um poker e, como no caso do Barcelona, colocar um ponto final num ciclo.
Se no Barcelona se assistiu ao final do ciclo do dream team, do tiki/taka, no Real Madrid assistiu-se ao fim anunciado do ciclo Mourinho.
Ainda que o Real dê a volta à eliminatória, o que é muito improvável, Mourinho não tem ambiente para ficar em Madrid.
Porque não gosta do Real, onde nunca foi acarinhado como foi no Porto, em Londres e em Milão, ele que tanto necessita desse carinho e dessa idolatria; e porque os madrilistas nunca gostaram dele.
O ambiente dentro do clube é mau e vai-se deteriorando a cada dia que passa; a relação com os jogadores, sobretudo os históricos (Casillas, Sergio Ramos) é péssima; o objectivo da época, em nome do qual tudo foi sacrificado (a conquista da Champions) é agora uma miragem.
E, mesmo que aconteça, será sempre manchada pela humilhação ontem sofrida, e pela humilhação sofrida na La Liga, que o brilharete na Copa do Rei não atenua.
No final do jogo Mourinho foi enigmático.
Dizia o treinador português que queria perceber exactamente o que se passou.
Para bom entendedor....
Mourinho há muito que sente empurrado para fora do Real.
Ontem terá sentido o empurrão definitivo.
Mourinho que deixa pairar a ideia que esse empurrão terá tido uma intervenção preciosa (sabotagem??) dos figurões do Real Madrid que sempre o hostilizaram.
Não sei se terá sido assim.
O que sei é que o Real, avisado pela derrota que tinha sofrido em Dortmund na fase de grupos, foi ontem trucidado pelo Borussia.
E, com o Real, José Mourinho.
O resto é especulação.

Antevê-se uma final alemã em Londres.
E a pergunta/exclamação repete-se - até no futebol Frau Merkel?!

16 comentários:

  1. De futebol não entendo patavina,passo para deixar o meu beijinho e uma flor.

    ResponderEliminar
  2. Não gosto de futebol embora leia apenas as notícias não vejo e nem gosto desde a equipe do Eusébio e ainda vi alguns com Diego Maradona, porque de "amor a uma modalidade versus camisola" passou-se a um "amor a quem dá mais em termos monetários". Não sou contra o procurarem melhor, mas noutras modalidades, mesmo sem serem numa "selecção propriamente dita" defendem as cores do seu país.

    Posto isto e mediante as tuas palavras, não misturo alhos com bugalhos porque quando a política se mistura no desporto é um desastre completo.

    Quando dizes "os alemães" falas da equipe que é composta por poucos alemães e o que deu toda a goleada até é polaco.

    Falo do mesmo sobre as equipes portuguesas!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hoje em dia, depois da Lei Bosman, já não equipas que joguem com uma maioria de jogadores do próprio país.
      Estas equipas alemãs até têm muitos alemães no plantel, Fatyly

      Eliminar
  3. Estimado Amigo Pedro Coimbra,
    Tudo o que é grande se torna pequeno, é bom para aprenderem a lição.
    A terceira guerra mundial futebolistica começou e nossos hermanos se estão afundando, veremos se a águia hoje com turcos fica vesga, penso que não pois tem jesus ao seu lado....
    Abraço amigo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Espero que o Benfica hoje consiga um bom resultado, que consiga depois estar na final, que a ganhe.
      Porque, como já aqui escrevi noutras ocasiões, sou portista, não sou anti-benfiquista.

      A armada espanhola foi ao fundo, Amigo Cambeta.
      Os balázios dos couraçados alemães são demasiado fortes para estes iates de ricaço :))

      Aquele abraço!!

      Eliminar
  4. O Real Madrid levou um baile bola Pedro, nem se pode dizer que jogaram melhor e tiveram falta de sorte, porque os alemães deram um "show de bola"... Então na segunda parte o Real estava completamente desconcentrado e desorientado!

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. O Mourinho pode começar a pensar no futuro, a pensar na nova versão do Chelsea.
      O tempo dele no Real, que não lhe vai deixar saudades, acabou.

      Eliminar
  5. Não tarde, as agências de 'rating' vão baixar a classificação em ... Espanha.

    Por outro lado, Merkel agradece aos 'deuses' do futebol.

    Faltam 90 minutos mas, como eu previa, deveremos ter uma final alemã.

    Um abraço, à espera dos ares (e banhos) turcos. :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu estava à espera que dessem um banho aos turcos, António.
      Não aconteceu.
      Mas, como bem diz o Jorge Jesus, está tudo em aberto.
      Aquele abraço!

      Eliminar
  6. Foi exactamente essa a pergunta que fiz no final do jogo, Pedro!
    Aproveito para lhe desejar um bom fds e me despedir. Até breve!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quando li o até breve até me assustei.
      E passei logo pelo Rochedo.
      Agora já sei porquê.
      Eu também vou sair a partir de amanhã.
      Uma semaninha ao sol em Pattaya.
      Aquele abraço!

      Eliminar
  7. Eu acredito na remontada, Pedro, pelo menos, na do Real Madrid.

    Aliás, aquele golo foi precioso e em Madrid basta que o Real encarrilhe e temos goleada para o Real.

    Deus me perdoe pela heresia que vou agora escrever...Hala Madrid!

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Na remontada do Benfica acredito, Ricardo.
      Na remontada do Real?
      Muito pouco, francamente.
      Aqueles alemães são terríveis!
      Aquele abraço!

      Eliminar
    2. Perdão, grande Pedro, eu não do Benfica também estou convencido, aliás, por aquilo que vi ontem o Benfica/Porto são muito superiores a estes tipos!

      Eu estava a falar era do Real Madrid e do FC Barcelona,pois era o que falava o post!!!

      Abraço

      Eliminar
    3. Está de dar uma coça aos gajos, Ricardo!!
      O Benfica.
      Os outros dois, como dizem os nossos irmãos brasileiros, não sei não......

      Eliminar