24 de abril de 2019

Muito curioso


NÃO PASSA DE UMA CURIOSIDADE, MAS...

Phil Lawyer fez um balanço sobre os líderes da Europa:

O recente eleito presidente da república francesa, Macron, não tem filhos.

A Chanceler, Angela Merkel, não tem filhos.

A PM do Reino Unido, Theresa May, não tem filhos.

O PM de Itália, Paolo Gentiloni, não tem filhos.

Mark Rutte da Holanda, não tem filhos.

Stefan Lofven, da Suécia, não tem filhos.

Xavier Better, do Luxemburgo, não tem filhos.

Nicola Sturgeon, da Escócia, não tem filhos.

Jean-Claude Juncker, Presidente da CE, não tem filhos.

Portanto, uma grande porção de pessoas que tomam decisões sobre o futuro da Europa, não tem quaisquer interesses directos nesse futuro!

12 comentários:

  1. Sim, estão mais preocupadas com o seu presente... ;)

    (e se calhar é por isso que acontece o que está no post acima...) ;)

    ResponderEliminar

  2. Olha... não fazia ideia destes factos!
    Realmente (e face à caótica situação mundial, principalmente em relação a questões ambientalistas) eu costumo perguntar e perguntar-me muitas vezes se os dirigentes deste mundo não têm filhos!! Pelos vistos a resposta é bem mais negra do que eu imaginava!

    :(((

    ResponderEliminar
  3. Diz um velho ditado popular que "parir é dor mas criar e ou ajudar a criar é amor". Dito isto há aí uns quantos que criaram os filhos do conjugue e dou apenas dois exemplos: Macron e Angela Merkel:))


    Beijocas

    ResponderEliminar
  4. Pedro desde que me conheço tenho dois grandes defeitos: Ser positiva, acreditar no Pai Natal e as minhas filhas ainda hoje quando aparecem problemas, oiço-as e converso e quando termino dizem-me a velhinha frase: Bolas mãe tu podes estar a ver a casa cair-te em cima mas dizes...não cai! ehhhhh
    Dito isto e pela idade que tenho e pelo muito que já passei que a vida mundial é feita de ciclos e até nos maus poderemos encontrar pontinhos positivos:)))

    Desculpa amigo de ter referido isto:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Desculpar porquê, Fatyly?
      Gosto de pessoas com essa mentalidade.
      E não gosto nada dos urbano-depressivos.

      Eliminar
  5. Uma curiosidade que dá de facto que pensar, sendo que eu pessoalmente sou muito sensível a estes factores dado que sei que humanamente somos muito influenciados pelas nossas próprias circunstancias e pelas circunstancia envolventes, para com o que ser-se ou não progenitor pode fazer muita ou mesmo toda a diferença _ ainda que eu conheça quem tenha filhos e no entanto o que menos pense é no futuro, em especial no futuro colectivo!
    Enfim é uma curiosidade para lá de interessante, mas não livre de paradoxais subtilezas!
    Abraço
    VB

    ResponderEliminar