25 de março de 2014

O jogo da toalha - para sorrir

12 comentários:

  1. ~ E era a sério!

    ~ Muito engraçado e arriscado!

    ~ Uns heróis!

    ~ ~ ll:)) ~ ~

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um exercício de coordenação extraordinário, que resulta num momento de humor excelente, Majo!

      Eliminar
  2. Olá, Pedro!

    Não li a primeira publicação, porque, hoje, não me apetece refletir, e muito menos, com "c". Para quê escrever palavras, com letras que não lemos?
    Sou conservadora, mas só conservo o que faz falta.

    Bem, estava à espera que a toalha acabasse por cair, mas, o talento dos frères não o permitiu. Todavia, podia ser que o azar, desse uma mãozinha.

    Bises.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Desde o início deixei bem claro que não adiro ao acordo ortográfico.
      Pelos vistos, tenho muito boa companhia espalhada pelo espaço da Lusofonia.

      Muita arte nesta rapaziada para haver um "acidente" com as toalhas :))
      Beijos

      Eliminar
    2. "Isso" com o tempo vai ao sítio, aliás, tem de ir até 2015, pelo menos, formalmente. Acredite que, ainda, não entendi esta relutância. A Língua não é uma entidade morta. Sofre transformações, como nós, e recebe influências, como nós, por isso é que o Pedro diz, bestial, tantas vezes, expressão, muito usada no nosso tempo. Agora, está demodée, como já percebeu, e são os "cotas", que a usam. Os miúdos usam: cool, numa nice, ya, fixe man e outras.

      Pois claro, que é arte e destreza. O meu comentário foi só a expressão do meu desejo.

      Dias soalheiros e quentes, já que, aqui, está um frio de rachar.

      Eliminar
    3. Luz,
      Ando a ler 1Q84 de Haruki Murakami.
      Traduzido já de acordo com as regras do acordo ortográfico.
      Como já ouvi dizer (a descrição é excelente!!) tenho a sensação que a língua portuguesa foi à depilação.

      Eliminar
  3. O Pedro desencanta sempre pequenas pérolas... O que eu já me ri. Muito bom.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. São muitos saudáveis malucos, para juntar ao saudável desrespeito, a ajudar, luísa :)))

      Eliminar
  4. Um bom número Pedro.
    Gostava de ver era o PPC e o PP a trabalharem assim no palco, só com a toalhinha.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agora assustou-me, Agostinho!
      My eyes, my eyes!! :)))

      Eliminar