19 de junho de 2019

Revolta das couves

A Rua das Couves

Em Várzea de Meruge, Seia, Serra da Estrela, a população cansou-se de pedir ao presidente da Junta que reparasse o piso de uma rua.
Vai daí, decidiu plantar couves nos buracos... e agradecer ao presidente e ao seu padrinho em S. Bento.
Nunca a frase «atirou com o carro para as couves» fez tanto sentido...
Vale a pena ver as imagens. 
É ainda curto, mas é um sinal de que o povo está aí.







24 comentários:

  1. Como o interior é tão esquecido e oxalá que esta manifestação tão original obtenha resultados.
    As eleições serão em Outubro e até lá já se começa a ver o "fervilhar de remendos" para mostrar obra feita.
    Enfim...Portugal no seu melhor!

    Beijocas e um bom dia

    ResponderEliminar
  2. Bom dia
    Já tinha lido a noticia , só não sabia que as couves tinham mesmo crescido a esse ponto.
    JAFR

    ResponderEliminar
  3. O povo está e estará sempre aí...
    Que delicioso caldo-verde vão dar as couves da "Rua das Couves" da Várzea de Merugem. Indigesto, certamente, para o presidente cego e mouco. Um entre muitos deste nosso Portugal.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  4. Bom dia Pedro,
    Nossa! Que ideia brilhante, alem de prevenir acidentes, baante folhas para um bom caldo verde com calabresa, oh delicia!

    PS: Pedro vejo que meu anigo blog Alegria de Viver ainda figura na sua lista, caso deseje, substtituara:
    ht ttps://dinaviajantedotempo.blogspot.com.br

    Tenha um ótimo dia!

    Abraço!

    ResponderEliminar
  5. Boa ideia! Buracos a dar couves é empreendedorismo do bom, mas não acredito que buracos deste tamanho não tenham vindo de outras legislaturas...
    Bom dia!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Venham de onde vierem, estão lá.
      E no aproveitar é que está o ganho.

      Eliminar
  6. road looks familiar lol

    here too politicians swallow up the whole budget and keep showing their efficiency through roads under construction throughout the year in pieces here and there

    but they know people who suffer from their dishonesty will keep choosing them for reason unknown

    ResponderEliminar
  7. É muito bom, dentro do mau que é o povo não ser ouvido!
    Beijinho Pedro!

    ResponderEliminar
  8. Protesto bem original. E português. :)

    ResponderEliminar
  9. Que ninguém diga que o povo português não tem sentido de humor...para além dos brandos costumes!:)

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  10. Olha que boa ideia, vou já colocar em prática lol

    ResponderEliminar
  11. E deixam colher as couves para a sopa? :)

    ResponderEliminar
  12. Às virtudes alimentares das couves podemos somar o papel eficaz na sinalética rodoviária e, quem sabe, o instrumento de uma revolução verde.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  13. Parece que as couves se estão a dar bem nos buracos... mas não gostava nada de ter passar por essa estrada

    ResponderEliminar