1 de junho de 2017

Business as usual na Venezuela

 
Nicolás Maduro, o delfim de Hugo Chavez que tomou de assalto o poder na Venezuela e que inferniza a vida à sua população, poderá ter conseguido uma almofada de ar com uma negociata feita à pressa com o recurso natural mais precioso do país – o petróleo.
Confrontado nas ruas venezuelanas com uma inflação galopante e incontrolável, com sanções internacionais e o aparente isolamento do regime, com uma população que sofre para fazer face às mais básicas necessidades, com crescentes protestos, insegurança, pilhagens, Nicolás Maduro recorreu à conhecida estratégia da fuga para a frente.
E, para conseguir dinheiro fresco, que lhe permite ganhar tempo enquanto reprime a oposição ao regime e leva a cabo reformas constitucionais que o deverão perpetuar no poder, vende petróleo a preço de saldo.
Uma estratégia que só resultou porque para haver vendedores do templo tem que haver quem o queira comprar.
Neste caso o comprador é norte-americano, o famoso e infame Goldman Sachs, que investiu na petrolífera do país comprando obrigações a uma fracção do seu custo de mercado (pagou 865 milhões de dólares por obrigações que têm um preço de mercado de 2,1 mil milhões).
O discurso político condena Maduro, diz que o vai derrubar, a prática política faz o povo venezuelano sofrer todo o tipo de privações, a economia dá preciosos balões de oxigénio a Maduro.
Muito mais que nojenta e revoltante hipocrisia estamos perante mais um caso de business as usual.
Ou, como tão bem nos ensinou Bill Clinton, simplesmente teremos que perceber que “it’s the economy stupid!”

44 comentários:

  1. Infelizmente, o homem parece ter-se passado. E o povo é que paga.
    Um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Maduro é um ditador, Elvira Carvalho.
      Como o era Chavez.
      Chavez tinha mais carisma e, acima de tudo, o petróleo estava mais caro.
      Agora temo um ditador fraco com o barril de petróleo mais barato.
      Tem toda a razão no seu comentário - passou-se!!

      Eliminar
  2. Como diz e muito bem a Elvira o povo é que paga pelos desmandos destes malucos que tomam conta do poder.
    Um abraço.
    Autografos Futebol

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Entre os que estão a sofrer estão muitos compatriotas nossos, Francisco Emanuel.
      Aquele abraço

      Eliminar
  3. E as ondas de choque espraiam-se até aos Açores.
    Não tarda muito, vamos assistir à repetição do fenómeno de 1975 e acredito que, uma vez mais, o país vai conseguir resolver o problema dos filhos pródigos e de outros imigrantes.
    Beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Açores, Madeira, há uma grande comunidade portuguesa que está a passar um mau bocado na Venezuela, Célia.
      E, como tantos outros, não fizeram mal a ninguém.
      Só querem ganhar a vida honestamente.
      Beijo

      Eliminar
  4. Um assassino com a agora conivência da G.S !

    Grande abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aquela massa, que é uma fracção do valor de mercado das obrigações, vai fazer imenso jeito ao facínora, João Menéres.
      Grande abraço

      Eliminar
  5. Estes ditadores democratas são uma imensa tristeza...
    Beijinhos
    ~~~~

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este energúmeno de democrata não tem nada, Majo.
      Beijinhos

      Eliminar
  6. Pedro,

    tenho familiares na Venezuela que, a seu tempo e prevendo o futuro, foram transferindo todo o seu dinheiro e bens para Portugal e para os EUA - egoisticamente diria que safaram-se a tempo - porém, toda esta situação na Venezuela mexe com a minha família (a Carla viveu lá desde os 6 meses de idade até aos 9 anos, a minha cunhada nasceu lá, os meus sogros, ainda têm negócios por lá, enfim).

    Tenho a sensação que tudo aquilo irá terminará num banho de sangue e numa Guerra Civil sem tréguas de parte a parte, pois os manifestantes não desarmam na sua luta, meu caro.

    Tenho pena por tudo o que lá se passa, lamento sinceramente, aqui na Madeira sentimos - ainda mais próximo - este "problema" que também é nosso, a nossa nova empregada doméstica veio da Venezuela, é uma pessoa educadíssima, chora muito quando vê as notícias na tv, uma dor de alma.

    Meu caro, desculpe-me o desabafo, mas, sinceramente, gostaria que quer o Maduro, quer os tipos do GS fossem para a put@ que os pariu juntamente com as suas famílias.

    Aquele abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ricardo,
      O seu desabafo reflecte na primeira pessoa a realidade horrorosa que afecta milhares de pessoas.
      Que só cometeram um "pecado" - estar no local errado no tempo errado.
      Maduro agora conseguiu uma folga com o dinheiro criminoso do G.S.
      Até quando?
      Espero que tudo se resolva e que os seus familiares e amigos não sejam mais afectados do que já foram.
      Grande abraço!

      Eliminar
  7. Acho que o mundo está cada vez mais louco, sinceramente! Já não bastava o dos Estados Unidos, o da Coreia.. agora o da Venezuela...
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este bandido está a matar o seu povo enquanto tenta a todo o custo manter-se no poder, Chic'Ana.
      Esta escumalha mete-me nojo!
      Beijinhos

      Eliminar
  8. Este caso faz-me lembrar o que aconteceu após Tian An Men, Pedro. Toda a gente condenou, o ocidente ameaçou boicotes aos produtos chineses e sanções diversas, mas na semana seguinte os italianos estavam em Pequim a assinar um acordo comercial importantíssimo.
    Quanto a Maduro, é um idiota, que nada tem a ver com o bolivarianismo. Quando Chavez o nomeou seu herdeiro, escrevi que tinha sido o seu maior erro político. E não me enganei.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já Chavez era um idiota, um ditador, Carlos.
      Este é pior porque é mais estúpido.

      Eliminar
  9. Esqueci-me de dizer que quanto à Goldman Sachs nada me espanta. Oportunistas, infames e criminosos. O Barroso estará por detrás do negócio?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com ou sem Barroso esta negociata dá vómitos, Carlos.
      Como o dão todas as feitas de maneira semelhante.
      É possível ganhar dinheiro de maneira honesta, caramba.

      Eliminar
  10. Maduro e o seu regime têm todos os defeitos que diz e talvez até mais alguns, mas também creio que anda ali intervenção dos EUA.Aliás, como aconteceu com o derrube de Allende e a seguinte ditadura mais do que cruel de Pinochet,

    O Banco judeu Goldman Sachs é uma instituição infame e abjecta que não tem escrupulos de espécie alguma e não olha a meios para atingir os seus fins.

    Que se pode esperar de canalhas afirmando estarem a fazer o trabalho de Deus ?!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se não há dedo a nível governamental há a nível particular, São.
      Onde é que estão as sanções?
      Olha-se para o lado se o negócio é bom?
      Escumalha!

      Eliminar
  11. A tristeza dos regimes comunistas, socialistas, sempre levam OS paises a miseria. A Venezuala a anos o pais com mais rico nivel de vida da America Latina. Com oleo,industria e fertil agricultura......
    Agora sobre DIVIDA soberana ou bonds de empresas, e. A mesericordia dos mercados. O BCE tambem comprou bonds da VW e Deutch Bank a 0.52 per cent para eles comprarem DIVIDA soberana da Grecia e Portugal a 20 e 14 por cento. DIVIDA soberana Argentina esta a Venda a 10 cents on the dollar.
    As vezes e dificil receber o principal dos caloteiros....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Goldman Sachs tirou partido do desespero de Maduro, Augie Cardoso.
      Se ao menos esse dinheiro chegasse ao povo nem tudo se perdia.
      Mas nem isso acredito que aconteça.
      Cambada de bandidos!

      Eliminar
  12. Pobre povo venezuelano e pobres de todos os povos que vivem em Países plenos de riqueza natural, mas governados por gente sem escrúpulos, tiranos e estúpidos.
    No fundo, Pedro, o mundo está a ruir, e não apenas a velha Europa.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estes cleptómanos que saqueiam as riquezas naturais dos países que governam e deixam o povo na miséria dão-me um profundo nojo, Janita.
      Não consigo ser simpático nem comedido com esta escumalha.
      Beijinhos

      Eliminar
  13. Mais um exemplo de manter o DIREITO de manter o cidadao armado para manter e defender contra inimigos externos e infernos.
    Tambem aqui nos USA se tem visto um surto de malta da Venezuela sobretudo originals da Beira Alta. OS diversos clubes portugueses espanhados por diversas cidades de CONN. E Mass. Oferecem suporte e connections de trabalho ou empresa.
    Cumprimentos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os nossos compatriotas foram para ali para conseguir melhorar as suas vidas e as das suas famílias, Augie Cardoso.
      De um momento para o outro vêem o trabalho de uma vida cair por terra.
      É de enlouquecer.
      Cumprimentos

      Eliminar
  14. Mais uma situacao super triste neste mundo que esta a ficar cada vez mais maluco! Tenho pena daquele povo e de outros tantos noutros paises...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. De todos os povos que são explorados em benefício de uns tantos, Sami.
      Especialmente em países com riquezas naturais incríveis como é o caso da Venezuela.

      Eliminar
  15. Caro Amigo Pedro Coimbra.
    Para fugir desta triste realidade milhares de venezuelanos tem cruzado a nossa fronteira, em busca de melhores condições e vida.
    Caloroso abraço. Saudações inquietantes.
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É revoltante, Amigo João Paulo de Oliveira.
      Pessoas que construíram toda uma vida na Venezuela têm agora que abandonar tudo o que conseguiram sabe-se lá com que sacrifícios.
      Aquele abraço

      Eliminar
  16. Nossa. E cada um com seus problemas.
    A coisa por aqui é revoltante e terrível.
    Bom começo de mês.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Brasil está mergulhado numa crise profunda, A Casa Madeira.
      E a precisar de dar uma valente vassourada numa data de criaturinhas que tomaram conta do país.
      Bom começo de mês também para si

      Eliminar
  17. Depois de ler o livro " A Face Oculta de Fidel Castro" em finais de 2014, entendi melhor o egocentrismo de um político e também o que estava a acontecer ao país Venezuela. As suas garras políticas conseguiram um seguidor, Hugo Chaves e, a Venezuela politicamente convertida à ditadura. Com Nicolás Maduro, hoje, as políticas e os negócios arrasam uma pérola do mundo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O idiota Maduro está a dar cabo de um país riquíssimo em recursos naturais e a condenar a população a viver em caos e miséria.
      É revoltante, mz!

      Eliminar
  18. E começa achegar à região centenas de retornados....que nem falar português sabem
    Kis :=}

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Faz-me doer o coração só o pensar em pessoas que se sacrificaram uma vida inteira para, de repente, se verem em fuga de uma terra que ou os acolheu ou os viu mesmo nascer, AvoGi.
      Bjs

      Eliminar
  19. Muitos amigos de infância fugiram da guerra em Angola e foram para a Venezuela. Alguns com quem já falei vieram/fugiram deixando tudo e pior ainda: os filhos e netos que não querem deixar e dizem que irão lutar até ao fim de Maduro. Todos com a minha idade...idade que já não dá para lutar e sobretudo alguns por falta de medicamentos e comida! Valha-me Deus...

    Ainda há quem diga que a história não se repete? Pois é amigo Pedro...eis a prova!

    Oxalá Portugal consiga os receber!

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estava agora a ver no Telejornal aqui de Macau um ministro venezuelano que cá está numa conferência a dizer que é tudo mentira, tudo inventado pelos media.
      E fiquei com vómitos, Fatyly.
      FDP!!
      Beijocas

      Eliminar
  20. os países com petróleo parece que vivem em cima de bombas relógio, Pedro :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E o sacana do ministro a dizer aqui em Macau que era tudo invenção dos meios de comicação social, Angela :(

      Eliminar
  21. O que me espanta é aquela figura de carroceiro aparecer com tantos figurantes à volta. E mais, quando é que o GS é confiscado e os seus actos criminalizados?
    Abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Imagine o que é estar a jantar e a ouvir uma dessas figurinhas que rodeiam Maduro aqui em Macau a dizer que "no pasa nada" e que é tudo invenção da comunicação social.
      Um tipo fica com vómitos, caramba.

      Eliminar