27 de julho de 2016

SER FELIZ É...


Podes ter defeitos, estar ansioso e viver irritado algumas vezes, mas não te esqueças que a tua vida é a maior empresa do mundo.
Só tu podes evitar que ela vá em decadência.
Há muitos que te apreciam, admiram e te querem.
Gostaria que recordasses que ser feliz, não é ter um céu sem tempestades, caminho sem acidentes, trabalhos sem fadiga, relacionamentos sem decepções.
Ser feliz é encontrar força no perdão, esperança nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros.
Ser feliz não é apenas valorizar o sorriso, mas também reflectir sobre a tristeza.
Não é apenas comemorar o sucesso, mas aprender lições nos fracassos.
Não é apenas ter alegria com os aplausos, mas ter alegria no anonimato.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver a vida, apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.
Ser feliz não é uma fatalidade do destino, mas uma conquista de quem sabe viajar para dentro do seu próprio ser.
Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar actor da própria história.
É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no longínquo de nossa alma.
É agradecer a Deus cada manhã pelo milagre da vida.
Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos.
É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um “não”.
É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que seja injusta.
É beijar os filhos, mimar os pais, ter momentos poéticos com os amigos, mesmo que eles nos magoem.
Ser feliz é deixar viver a criança livre, alegre e simples, que vive dentro de cada um de nós.
É ter maturidade para dizer ‘enganei-me’.
É ter a ousadia para dizer ‘perdoa-me’.
É ter sensibilidade para expressar ‘preciso de ti’.
É ter capacidade de dizer ‘amo-te’.
Que tua vida se torne um jardim de oportunidades para ser feliz…
Que nas tuas primaveras sejas amante da alegria.
Que nos teus Invernos sejas amigo da sabedoria.
E que quando te enganares no caminho, comeces tudo de novo.
Pois assim serás mais apaixonado pela vida.
E podes facilmente encontrar novamente que ser feliz não é ter uma vida perfeita.
Mas usar as lágrimas para regar a tolerância.
Usar as perdas para refinar a paciência.
Usar as falhas para esculpir a serenidade.
Usar a dor para lapidar o prazer.
Usar os obstáculos para abrir as janelas da inteligência.
Nunca desistas….
Nunca desistas das pessoas que amas.
Nunca desistas de ser feliz, pois a vida é um espectáculo imperdível!

(Mensagem atribuída ao Papa Francisco, algo que não consigo confirmar) 

16 comentários:

  1. Por essa descrição devia estar a transbordar de felicidade. Ou então ela foi tanta que arrebentou :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é nada fácil cumprir todas estas premissas, Portuguesinha

      Eliminar
  2. Palavras/pensamentos muito bonitos, que fazem todo o sentido, mas que nos esquecemos (de alguns) no dia a dia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Palavras que o vento leva, não é, Catarina?

      Eliminar
    2. Nem tudo o vento leva... felizmente!!

      Parece que estou a fazer serão esta noite! It’s 1:10 am! O que faz estarmos de férias! O horário rígido vai-se…

      Eliminar
    3. Entretanto, enquanto a Catarina não dormia, fui eu almoçar :))

      Eliminar
  3. O Papa Francisco poderia ter dito muito destas coisas, mas acho que diria quem seria o seu autor.

    Ao ler lembrei-me de Augusto Cury e fiz uma pesquisa e muitas frases que estão aqui são de sua autoria. A minha mãe tinha o livro dele "Ser Feliz"e fiz uma pesquisa. Podes confirmar e ler aqui:

    http://www.citador.pt/textos/ser-feliz-augusto-cury

    De qualquer forma gosto imenso deste Papa que de facto tem contribuído para a pacificação do mundo e do "eu" de cada um de nós. Uma tarefa árdua mas semeando conforme pode.

    O seu sorriso é contagiante como é contagiante a sua humildade.

    Gostei muito!

    Bom dia e toma lá um abração e tenta, como eu tento "Ser Feliz":)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma tarefa que tento levar a cabo todos os dias, Fatyly - ser feliz.
      Não é muito difícil quando a gente quer muito.
      Um abração

      (Vou pesquisar para ver se descubro a autoria)

      Eliminar
  4. Já tinha lido a mensagem noutro local, com a menção de que estava atribuida erradamente ao Papa Francisco. Seja qual for o autor, o importante é o conteúdo belíssimo e certeiro que ela encerra.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É realmente o mais importante, Carlos.
      A mensagem é belíssima.

      Eliminar
  5. Volto só para dizer que o seu postal será publicado no próximo sábado lá no CR. Mais uma vez, obrigado pela sua participação. Aquele abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. No sábado dou lá um pulo para ver.
      Aquele abraço

      Eliminar
  6. Pensamentos muito bonitos, que fazem todo o sentido. Gostei muito. Bom fim- de-semana (adientado).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fazem todo o sentido e deviam ser rigorosamente seguidos, The Reader's Tales.
      Bfds

      Eliminar
  7. Já a tinha lido antes do Papa Francisco, mas foi muito
    melhorada...
    São boas máximas que não ficariam mal assinadas por um Papa.
    Beijinho, Pedro.

    Ps - Desculpe a minha falta de presença, mas tenho tido
    a minha família próxima toda no Algarve e tem sido convívio
    atrás de convívio. Estou cansada...
    Quando andou por cá, estava eu na casa da minha irmã na praia
    de Matosinhos enquanto ela foi dar uma volta pela Europa.
    Abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A família vem sempre primeiro, Majo.
      Primeiro que os blogues e tudo o resto.
      Abraço

      Eliminar