13 de novembro de 2015

Café e tomates



Nos anos 70 (porque agora já não é assim...) um indivíduo concorre a um lugar de funcionário público.
O entrevistador pergunta-lhe:
-É alérgico a alguma coisa?
- Sim. Sou alérgico a cafeína: não posso tomar café.
O entrevistador continua:
-Fez o serviço militar?
- Sim, estive na guerra colonial.
- Bom, isso já lhe dá um bónus na entrevista. Tem alguma incapacidade?
- Sim. Perdi os testículos em Angola, quando uma granada rebentou perto de mim.
O entrevistador diz:
-Em face do ocorrido e dentro das normas em vigor, o lugar é desde já, seu. 
O horário é das 9H00 às 12h30 e 14H00 às 17H00, mas você entra sempre às 10H00.
O já funcionário, pergunta:
- Porque é que eu posso entrar às 10H00 quando a entrada normal é às nove horas?
O entrevistador responde:
- Não é necessário. Das nove às dez, o resto do pessoal anda por aí a beber café e a coçar os tomates!

BOM FIM-DE-SEMANA!!

43 comentários:

  1. :))))

    Bom fim de semana também para ti e todos os teus.

    Beijos

    ResponderEliminar
  2. Hehe, gostei mas em alguns sítios vai até ás 11 horas.
    Um abraço e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um cafezinho e dois dedos de conversa até são saudáveis, Francisco.
      Mas para mim é depois de almoço que só bebo café depois de almoçar.
      Aquele abraço, Bfds

      Eliminar
  3. Cedo ou tarde para tal liturgia. Quem tem pressa vai andando. Beba-se o café em casa ou de pé...
    BFS

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sou aquilo a que se chama um homem de hábitos, Agostinho.
      Bebo café ao pequeno almoço em casa (café de cafeteira) e um Nespresso depois de almoçar no meu gabinete.
      Com o Nespresso muitas vezes vêm dois dedos de conversa.
      E até sabe bem.
      Aquele abraço, Bfds

      Eliminar
    2. Pedro, o café é bom mas os tais 2 dedos são imperdiveis.
      Saúde e um abraço.

      Eliminar
  4. Esta é mordaz :)))

    Um beijinho, Pedro, e um bom fim de semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um funcionário público a publicar isto, Miss Smile :)))
      Beijinhos, Bfds

      Eliminar
  5. :DDDDDD

    Votos de excelente fim de semana para si e suas princesas, Pedro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aquele abraço, Bfds para si e as suas mais que tudo, Ricardo.

      Eliminar
  6. rrss rrsss

    Parece que muito gente também não os tem no momento actual

    Bom fim de semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A crise que para aí anda nos tomates, São :)))))
      Bfds

      Eliminar
  7. ~~~
    ~ Devia tratar-se duma epidemia de sarna numa equipa de sornas!
    ~ 'Apre'!!


    ~ Suspeito que estes críticos de funcionários públicos devem ser
    uns grandes paspalhões ressabiados.

    ~~Um fim de semana muito agradável e descontraído,
    o mais longe possível da costa... ll; ))
    ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

    ~~~ Beijinhos. ~~~
    ~~~~~~~~~~~~~~~~~

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu sou funcionário público, Majo.
      É também alvo destes estereótipos.
      A gente não liga e ri com a situação que é o melhor que tem a fazer.
      Beijinhos

      Eliminar
    2. Eu pertenço a uma família de funcionários e todos trabalhámos muito.
      Os meus pais em secretarias, no tempo das canetas «ParKer» a tinta,
      sem computadores; eu como docente; o mano no topo como Diretor Geral e a avó que vivia connosco também tinha sido professora.
      A mana como médica.

      ~ Por vezes, não acho graça...
      ~~~ Bj ~~~~~~~~~~~~~~~~~

      Eliminar
    3. A minha mãe sempre foi funcionária pública (Correios) eu também sou, a minha mulher também, grande parte da família idem.
      E com muito orgulho.
      Mandem as bocas que mandarem.
      Bjs

      Eliminar
    4. Sem generalizações, Catarina.
      Há preguiçosos em todas as profissões.

      Eliminar
  8. Por vezes, 'não os ter' é uma vantagem :)
    Bom fim de semana, Pedro, um abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Temos muitos exemplos disso, António :(
      Aquele abraço, Bfds

      Eliminar
  9. Caro Amigo Pedro Coimbra.
    Como sou aposentado ou, como dizem no reino distante além-mar, reformado, em dois cargos públicos, também durante minha vida funcional era alvo de anedotas do gênero.
    Caloroso abraço. Saudações folgadas.
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver sem véus, sem ranços, com muita imaginação e com muito gozo.

    PS - Peço-te escusas pelo meu não comparecimento diário no teu imperdível espaço cibernético por conta das minhas "rodinhas" que não param, segundo dizem teus patrícios Rodrigo Henriques e Emília Curado, que é natural do reino, mas reside aqui na cidade paulista de Campinas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também, Amigo João Paulo de Oliveira.
      O último que teve o azar de vir com ofensas (não foi piada) entrou de carrinho e saiu de ambulância.
      Pensou que, por ser um importantão, a quem ninguém contraria, poderia dizer o que quisesse.
      Lixou-se!!!

      Take your time, não se preocupe, há tempo para tudo.

      Aquele abraço, Bfds

      Eliminar
  10. Está com piada!!! Bom, alguma vantagem teria que ter já que tem
    outros prejuízos!!!
    Abraço, amigo.
    Bom fim de semana.
    Irene Alves

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Irene Alves,
      Sou funcionário público, jurista na Administração de Macau.
      Nas empresas privadas, as pessoas que desempenham as mesmas funções que eu têm salários mais elevados.
      Mas não têm a mesma segurança.
      Conservador como sou, com duas filhas, prefiro a segurança.
      Abraço, Bfds

      Eliminar
  11. Respostas
    1. Eu entro às nove, luis.
      E não é para as finalidades da anedota :))))

      Eliminar
  12. hehehe... "Nos anos 70, porque agora já não é assim" ! rsrsrs ... Não será, Pedro ? ...
    Conheço alguns serviços do Estado (familiares atestam-no) em que a entrada é às 9, mas uma vez "marcado o ponto" é a hora de ir ao cafézinho, ler o jornal, ir à casa de banho, sair para um cigarrinho, umas conversinhas com os/as colegas sobre uma data de assuntos e então, sim, lá para as 10 são horas de começar a trabalhar ! :))

    Abraço !

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é assim o concurso e a entrevista.
      Não será isso, Rui??
      Agora é mais o senhor cunha :))))
      Aquele abraço, Bfds

      Eliminar
  13. Uma realidade que devia ser contemplada em todos os locais de trabalho! Só faz bem… em dose certa, claro! Bom fim-de-semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. UM café e DOIS dedos de conversa não fazem mal a ninguém, M. Campos.
      Quando se abusa.....
      Bfds

      Eliminar
  14. Já conhecia. Presentemente não é preciso tomates para ter emprego basta pedir ao Santo Cunha.
    Kis :=>)

    ResponderEliminar
  15. Sempre tem vantagens ! :))

    Um beijinho e boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. bebo uma cafezinho aqui no gabinete (tenho uma máquina Nespresso aqui) depois de almoçar.
      Dois dedos de conversa?
      Às vezes.
      Qual é o problema?
      Sou eu quem tem que gerir o tempo e sou avaliado por isso.
      Beijinhos, boa semana

      Eliminar
  16. Como não gosto de café, não tenho testículos e nem gosto mto de conversar com gente k vejo todos os dias, esta não me "assenta".

    Boa semana, Pedro.

    PS: agradeço a sua visita e comentário.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Passou ao lado, CÉU :))
      Boa semana.
      O seu espaço é dos obrigatórios

      Eliminar
  17. Coisa inimaginável, Pedro! Não é que esta eu já conhecia?

    Com outras nuances , mas com funcionários públicos a coçar os ditos...Onde ouvi ou li já não me lembro. Ele há coisas!! :))

    Beijinhos e haja sentido de humor...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu não conhecia, janita.
      Recebi-a da minha prima.
      Beijinhos

      Eliminar