10 de março de 2014

Recém-Licenciado


Um jovem advogado recém-licenciado, montou 
um luxuoso escritório num prédio de alto padrão, e 
colocou na porta uma placa dourada:

Dr. António Soares - Especialista em Direito Tributário.

No 1º dia de trabalho, chegou bem cedo, vestindo o seu 
melhor fato, sentou-se atrás de sua escrivaninha, e 
ficou aguardando o primeiro cliente.

Meia hora depois batem à porta.

Ele pede para a pessoa entrar e sentar-se, rapidamente 
apanha o telefone do gancho e começa a simular 
uma conversa:

- Mas é claro, Sr. Mendonça, pode ficar tranquilo! 
Nós vamos ganhar essa causa!
 O juiz já deu parecer favorável!...

- Sei, sei... Como? Ah, os meus honorários? 
Não se preocupe! O senhor pode pagar os outros
 50 mil na semana que vem!...

- É claro!... O que é isso, sem problemas!... 
O senhor dá-me licença agora que eu tenho um outro
 cliente à espera... Obrigado... Um abraço!

Bate o telefone com força no gancho e diz:

- Bom dia, o que é que o senhor deseja?

- Eu vim instalar o telefone...


15 comentários:

  1. Txi. Ganda melão. Ehehehe!!! Os espertos também dançam. :))
    Abraço e boa semana!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Apanha-se mais depressa um mentiroso que um coxo, Luciano :))
      Aquele abraço e votos de boa semana!

      Eliminar
  2. ~ Está muito boa J.Pedro!
    ~ Eheheheh!...
    ~ Apanhado com a boca na botija!

    ~ ~ ~ Um dia formidável. ~ ~ ~

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esta anedota é que era racista, Majo.
      E eu modifiquei-a.
      Beijinhos

      Eliminar
    2. Já li algures esta anedota como está aqui, mas agora fiquei com curiosidade de ler a versão racista!!!

      Eliminar
  3. Este foi apanhado com a boca na botija lolllll

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Repito, Fatyly - apanha-se mais depressa um mentiroso que um coxo :))

      Eliminar
  4. Que espertalhão. Saiu-lhe o diploma na farinha amparo? Ou comprou-o na Lusófona?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mais um da leva Sócrates, Relvas e afins, Agostinho :)))

      Eliminar
  5. Este é capaz de ter sido colega do Relvas, Pedro!

    Ah!Ah!Ah!

    Aquele abraço e uma excelente semana para si e família.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se não foi, é da mesma lavra, Ricardo.
      Aquele abraço e votos de uma excelente semana para si e família!

      Eliminar
  6. Não estranhava nada se fosse uma história real :-)))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Outras coisas mais me surpreenderiam, Carlos :))

      Eliminar
  7. Caro Amigo Pedro Coimbra!
    A lambisgoia da Agrado, aquela mexeriqueira mor que tudo sabe e tudo vê, disse-me que este advogado, além de mentiroso é caloteiro, porque já usufruiu dos disputadíssimos agrados da Agrado e, depois de saciado, não pagou...
    Ele deve ser advogado de porta de cadeia!
    Caloroso abraço! Saudações agradoianas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Um ser vivente em busca do conhecimento

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há advogados muito cara de pau, Amigo João Paulo de Oliveira :))
      Grande abraço!!

      Eliminar