25 de fevereiro de 2014

Miguel Relvas??!!


O Congresso do PSD não foi a mesma sensaboria que costumam ser os congressos partidários em Portugal.
Porque foi a mais recente prova do completo divórcio existente entre as elites partidárias e a realidade do País.
Com Portugal mergulhado numa crise profunda, a nível económico, social, psicológico, qual foi a prioridade do líder do partido e actual primeiro-ministro?
Procurar reabilitar Miguel Relvas, o guru de Passos Coelho, o apparatchick que se comenta ter sido o grande responsável pela ascensão de Pedro Passos Coelho dentro do partido.
Passos Coelho que, com eleições europeias agendadas para Maio, resolveu dar um sinal de força para dentro do partido (o líder do PSD claramente olhou para o interior do partido e esqueceu o País), tocou a reunir, e escolheu para isso o seu homem de mão, aquele a que outras lealdades e obediências o unem.
A tentativa desesperada de evitar o desastre eleitoral teve um primeiro teste muito negativo.
Miguel Relvas, completamente desgastado e descredibilizado na sua imagem pública, conseguiu para Passos Coelho o pior resultado de sempre nas eleições para o Conselho Nacional.
E isto dentro do próprio partido.
Veremos o que acontecerá nas eleições de Maio (Paulo Rangel terá tarefa ingrata e hercúlea para não aparecer como cara de uma retumbante derrota).
A reacção interna perante tão insensata atitude da parte de Passos Coelho, do ponto de vista dos sociais democratas, acredito que fará temer o pior.
Depois de ter sido o responsável pela ascensão de Pedro Passos Coelho dentro do partido, será Miguel Relvas também o responsável pela queda do líder que construiu?

26 comentários:

  1. Talvez.
    Mas eles já perderam há muito a coluna vertebral e, com ela, a verticalidade.
    Por maior que seja a queda, não se deformam.
    Um dia aprazível.
    ~ ~ Beijinhos. ~ ~

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Majo,
      Só outras cumplicidades, outros jogos, outros favores que têm que ser retribuídos podem justificar um gesto como este.
      O Passos Coelho também não pode ser tão estúpido!
      Beijinhos

      Eliminar
  2. O Relvas não foi uma boa aposta.
    Pobre P. Rangel que muitos sapos deve ter engolido...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E se o PSD levar uma tareia nas eleições em Maio, como é agora ainda mais previsível, fica o Paulo Rangel com a cara borrada, mor.
      Por causa de um disparate que o Passos Coelho fez.

      Eliminar
    2. Então que sejam os socialistas a ganhar as eleições em Maio, mas não acredito que isso aconteça, meu caro Pedro!

      Eliminar
    3. Pois eu acredito que sim, ematejoca.
      E com uma margem mais folgada do que tem sido noticiado.
      Apesar do Seguro.
      O efeito Relvas acho que vai dar uma preciosa ajuda.

      Eliminar
  3. Não vi nada porque ainda ficava com uma diarreia mental. No dia seguinte fui lendo e mal os meus olhos baterem nesse Relvas...fui além da indignação...embora tudo que venha do betinho PPC perante o padrinho...já nada me espanta! Temos a série "O Polvo"!!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas agora acho que foi mesmo longe demais, Fatyly.
      O Relvas??
      Para pagar favores?
      Bem que se vai arrepender.

      Eliminar
  4. Pedro,

    já tinha comentado em "directo" este regresso que, com franqueza, não estava à espera que acontecesse, porém, gostaria de maça-lo com dois ou três apontamentos sobre este Congresso do PSD e o futuro (negro) que se aproxima, posso?

    Então, cá vai:

    Em primeiro lugar, diria que este foi o Congresso da cosmética politica e real (PPC pintou o cabelo, já não lhe basta o ridículo de querer parecer Salazar na forma gibosa como anda) e digo isto porque pelo Coliseu poucas foram as palavras dissonantes, excepção feita a Pedro Santa Lopes, à cartilha do líder.

    Caro amigo, tenho para mim que esta será uma derrota histórica da coligação (sim porque vão concorrer coligados) e se conseguirem eleger 5 deputados ao PE já será uma sorte.

    Quanto às Regiões Autónomas nada disse, a não ser diabolizar a divida da Madeira que, embora ele não queira admitir, foi, em dois anos, reduzida a metade e é 1/3 da divida total consolidada que tem a Carris e Metro de Lisboa (é incrível, não é, Pedro)!!!!

    Este rapaz irá provar do próprio veneno e vai fazer com que a direita não volte ao poder durante largos anos.

    Desculpe lá, Pedro, o testamento, mas é impossível ficar indiferente a certas coisas!

    Aquele abraço!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ricardo,
      Nunca peça desculpas por tecer comentários deste teor.
      Eu é que agradeço.

      Não percebo o que anda a pensar Paulo Portas para se manter colado a um PSD completamente à deriva.
      A febre de poder é assim tanta?
      Mas, como sempre nestas situações, é efémera.
      E pode ter um fim já em Maio com uma derrota estrondosa nas eleições.
      Uma derrota que esta tentativa de reabilitação de alguém tão viscoso como Miguel Relvas pode precipitar.
      Estávamos os dois a pensar no mesmo, não foi, Ricardo?
      Seja qual for a opção política há uma coisa que se tem que ter - dignidade.
      Citando um ilustre macaense já falecido - até na mer#% é preciso ter dignidade!
      Aquele abraço

      Eliminar
  5. O raciocínio espelhado no texto está corretíssimo. Com gente normal as coisas nascem com um ordenamento lógico. Receio porém que estejamos perante a anormalidade e neste país nada me espanta, espantava. Para mim o Relvas ocupa um lugar superior ao do Passos dentro da pirâmide do poder (oculto). A reabilitação do Relvas foi imposta por ele e por mais alguém que está por cima.
    Nós achamos que o que se passou no congresso foi um enorme disparate, tão grande que acabará por derrubar aquela gente, mas o "pobo", aqueles que botam o papelinho é que contam. Bastam bifanas e copos de tinto para lhe fortalecer as convicções. Vem aí a campanha e nela não haverá austeridade. Quem paga?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Relvas é que criou o Passos Coelho, líder partidário e depois primeiro-ministro.
      E esses favores têm que ser pagos.
      O país que se lixe.
      A politiquice, e os politiqueiros, continuam a vir primeiro.
      Sobretudo quando estão a gastar o dinheiro dos outros.
      Dizia o sogro de um bom amigo meu, homem muito sábio - as minhas ideias e o seu dinheiro? Vamos em frente!

      Eliminar
  6. Tendo hipótese de comentar, não resisti.

    Passos é infinitamente pior do que Sócrates( e estou à vontade porque só votei nele na primeira vez e contrariada) e tem como alma negra essa criatura sem princípios chamada Miguel Relvas, a quem deve muito e que, portanto, não pode afastar ainda que queira - e eu tenho muitas dúvidas quanto a isso.

    O regresso de Relvas é a prova mais do que evidente de que este PSD , passe o termo, se está totalmente nas tintas para o país; primeiro @s amig@s veja-se o caso de Catarina Flores ,por exemplo, cuja brilhante carreira foi feita na horizontal; depois os grandes interesses económicos.Com o seguro público de vida dado pelo reformado algarvio, esta gentinha sabe que pode fazer tudo quanto quiser e ficará impune!

    Espero, de coração, que tenham uma estrondosa e histórica derrota em todas as próximas eleições.Embora Seguro (outro Jotinha) também nada me entusiasme, mas é mais sério e preocupado com as pessoas.

    O Congresso foi uma tristeza em todos os sentidos , até quanto à linguagem utilizada ( "fazer ao piso", "dará o litro").

    Não houve , com excepção de Santana Lopes e Fernando Costa, uma palavra de alerta quanto ao estado desastroso da maior parte da população e Luís Montenegro tem o desplante de afirmar que o país está melhor, embora as pessoas não.

    Mas o pais não são as pessoas ?! Ou para a criatura só contam ele e o seu círculo , além de montes, rios e vales?

    Apetece perguntar onde vive toda aquela súcia que esteve no Coliseu, principalmente quem detém postos de responsabilidade.Será que vieram de Marte?! Como é possível ISTO?!

    DEsculpe o tamanho, mas ver o país entregue em mãos destas , dói fundo.

    Boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. São,
      Repare só em quantos sociais democratas não puseram os pés no congresso para perceber o mau estar que há mesmo dentro do partido.
      Esta geração, que é a minha, francamente não vale nada.
      Passos Coelho, Sócrates, Seguro, Portas?
      O cheiro é que é diferente
      A geração anterior (Soares, Cavaco) fez tanta porcaria que está geração nem precisava de ser brilhante para sobressair.
      Em vez disso, esta cambada de jotinhas ainda está afundar mais o Pais, a fazer mais porcaria que a anterior.
      Quem é que não se revolta??
      Agora fui eu que me passei.
      Porra que já metem nojo!
      Estão-se nas tintas para as pessoas.
      E essa luminária que disse que o país estava melhor, as pessoas é que não, só disse o que muitos ali pensam.
      A diferença é que esse é mais parvo e mais desbocado que os outros.
      Cambada!!

      Eliminar
  7. E sabe Deus a razão!
    Miguel Relvas ressuscitou das cinzas.
    Na minha mente ele já é uma lembrança tão vaga como a de José Sócrates.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ematejoca,
      Se me contassem que o Relvas ia voltar, pela porta grande, não acreditava.
      É bem provável que chamasse louco a quem me dissesse tal coisa.
      No entanto.....
      Regressou ele, regressou o Sócrates à TV, estou à espera de ver em ombros o Isaltino, o Duarte Lima, o Valentim Loureiro, o Dias Loureiro, e..., e....
      Parece impossível!!

      Eliminar
  8. Desculpe meter o bedelho Pedro Coimbra, tem toda a razão. O espírito de muitos é: se o tacho não dá para todos então que se lixem os outros e que vão morrer longe para não estragarem o nosso (deles) ambiente.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agostinho,
      A minha geração pode ser a mais bem preparada em termos de habilitações académicas.
      O que é bem diferente de cultura e de conhecimento, sublinhe-se.
      Em termos de valores, é uma perfeita desilusão.
      Fácil, rápido, ao pé de casa, para mim, para mim.

      Eliminar
  9. Caro Amigo Pedro Coimbra!
    Como não me sinto hábil para versar sobre os cruciantes problemas que assolam o reino distante além-mar, marco presença para deixar-lhe meus agradecimentos pelos seus habituais embarques no vagão do Expresso do Oriente sob meu comando!
    Caloroso abraço! Saudações agradecidas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Um ser vivente em busca do conhecimento

    PS - Ainda estou sob a égide do encantamento da República Dominicana!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu já ia passar uns dias à República Dominicana de boa vontade, Amigo João Paulo de Oliveira!
      Aquele abraço!!

      Eliminar
  10. Esperemos que caiam os dois, de podres, e já vão tarde! :P

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cada vez me parece um cenário mais provável, Teté.
      Com este tiro no pé, então.....
      Beijocas

      Eliminar
  11. A teimosia de Pedro Passos Celho tolda-lhe o raciocínio.
    Relvas tinha que ser recuperado, versão Coelho.
    Mau, demasiado mau.
    As consequências estão á vista e, lá para Maio, agudizam-se.

    Aquele abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ouvi hoje uma entrevista de Santana Lopes em que ele dizia algo do género - Passos Coelho deixou falar o coração.
      Pois sim!!
      Favores, cumplicidades, lealdades.
      Vai-lhe sair cara a brincadeira.

      Eliminar