30 de janeiro de 2014

Momentos da vida de um bancário



" Bom dia. Quero saber se o meu obstrato já chigou?"
"queria o nibel da conta"
"queria um carneiro de cheques"
" a minha retrete já veio?"
"dou o meu abalo ao suscritor"
"Quero dissolver esta conta"
"Desculpe, a partir de que valor é que a conta fica negativa?"
"A sua colega que está na máquina multibanco ficou-me com as notas!"
"A máquina comeu o meu cartão Securitas!"
"O multibanco enganou-se. Posso falar com a sra que está para ali a falar dentro da máquina?"
"Queria fazer umas perguntas sobre aquele cartão "nespresso"
"estou muito nervosa, o meu cartão foi extraviolado..."
"Bom dia. Tou a chegar agora da França e venho aqui para ver se os seus chiffres batem com os meus..."
"Porque é que os cartões agora têm um chispe?"
"Queria saber porque é que o meu crédito está no contagioso"

10 comentários:

  1. ekekek,,,
    Afinal, vida de banqueiro não é tão simples como supomos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bancário, Majo, bancário.
      A de banqueiro deve ser bem mais simples.

      Eliminar
  2. Deveria existir tradução simultânea, Pedro.

    Abraço

    ResponderEliminar
  3. Eheheh, olhe lá se os chifres da emigrante francesa batiam nos chifres do bancário, Pedro?? Que chifrada...:)

    Acho que nunca me ri aqui tanto!! ahahah

    Beijinhos e boas entradas!:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A dos chifres também é a minha favorita, Janita.
      Bestial!! :)))
      Beijinhos

      Eliminar
  4. Respostas
    1. E conseguiu manter cara séria, Rui?
      Eu não seria capaz :)))

      Eliminar