7 de fevereiro de 2013

Jô Soares define o que é ser "Professor"



O material escolar mais barato que existe na praça é o professor.
É jovem, não tem experiência.
É velho, está superado
Não tem automóvel, é um pobre coitado.
Tem automóvel, chora de "barriga cheia".

Fala em voz alta, vive gritando.
Fala em tom normal, ninguém escuta.
Não falta à escola, é um "Adesivo".
Precisa faltar, é um "turista".
Conversa com os outros professores, está "malhando" nos alunos.
Não conversa, é um desligado.
Dá muita matéria, não tem dó.
Dá pouca matéria, não prepara os alunos.
Brinca com a turma, é metido a engraçado.
Não brinca com a turma, é um chato.

Chama a atenção, é um grosso.
Não chama a atenção, não se sabe impor.
A prova é longa, não dá tempo.

A prova é curta, tira as hipóteses do aluno.
Escreve pouco, não explica.
Explica muito, o caderno não tem nada.
Fala correctamente, ninguém entende.
Fala a "língua" do aluno, não tem vocabulário.
Exige, é rude.
Elogia, é parvo.
O aluno é retido, é perseguição.
O aluno é aprovado, deitou "água-benta".

É! O professor está sempre errado, mas se conseguiu ler até aqui, agradeça-lhe a ele.

ERRATA:
Involuntariamente parece que cometi (mais um) erro.
Este texto não é da autoria de Jô Soares.
Agradeço a quem me enviou a devida correcção, a qual agora publico:

Este texto não é de autoria de Jô Soares e sim do poeta de cordel pernambucano chamado Carlos Soares da Silva.




Por favor, dai crédito a quem, de fato, merece!



Amplexos mil.



http://www.pucrs.br/mj/poema-cordel-40.php




http://mm.abrahao.zip.net/arch2010-06-06_2010-06-12.html

Grato pela informação Mataya Sadhana
 

18 comentários:

  1. Recebi hoje, enviada pelo meu pai, e publiquei no Facebook, a fotografia do meu professor da escola primaria, o grande Bentes, o "rato atómico"
    Inesquecível!!!!

    ResponderEliminar
  2. Caro amigo Pedro Coimbra!
    Apesar dos percalços do meu árduo/fascinante ofício considero um deleite inefável mediar e facilitar o adentramento dos pequeninos no fascinante e interminável mundo do conhecimento!
    Caloroso abraço! Saudações pedagógicas!
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Diadema-SP

    ResponderEliminar
  3. Caro Amigo João Paulo de Oliveira,
    Por favor veja a tal foto no Facebook.
    Aquele era o meu professor da escola primaria.
    Grande futebolista da Académica, um extremo/ponta dotado de uma técnica e de uma rapidez impressionantes.
    E um ser humano fascinante.

    ResponderEliminar
  4. Esse gordo tem muito nível. É só o que eu lhe digo.

    ResponderEliminar
  5. Admiro muito o Jô e já conhecia esta pérola, mas gostei de reler! Tal e qual!

    Abraços

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Uma companhia de há muitos, muitos anos, Fatyly.

      Eliminar
  6. Jô Soares sabe como se manter em forma na vida profissional.
    Não destrói o seu sentido de humor, nato, com pormenores 'Hermanianos'.

    Dá gosto ver e ouvir o Jô.

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Conhece a entrevista dele ao Ricardo Araújo Pereira, António?
      Vale a pena ver.
      A reacção do publico no final diz tudo.

      Eliminar
  7. Tive o privilégio de ter muitos professores a quem devo muito do que sou, é o que posso dizer :)

    ResponderEliminar
  8. Esse Jô Soares é um pseudointelectual e plagiário! E ainda agrega fãs! Santa parvoíce!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se me provar que o Jô não é o autor, e me disser quem é, eu deixo aqui o desmentido, caro Anónimo.
      Até lá........

      Eliminar
    2. Respondo pelo anônimo!!!

      Este texto não é de autoria de Jô Soares e sim do poeta de cordel pernambucano chamado Carlos Soares da Silva.

      Por favor, dai crédito a quem, de fato, merece!

      Amplexos mil.

      http://www.pucrs.br/mj/poema-cordel-40.php

      http://mm.abrahao.zip.net/arch2010-06-06_2010-06-12.html

      Eliminar
    3. Mataya Sadhana,
      Muito grato pela sua informação.
      Vou imediatamente fazer a correcção.

      Eliminar
  9. Aqui está:
    https://bonsventossemprechegamlonge.wordpress.com/tag/carlos-soares-da-silva/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pela sua contribuição, Brites dos Santos.

      Eliminar